ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Homem se afoga após pedido de casamento debaixo d'água

Homem é detido transportando mais de cem celulares sem nota fiscal em Jacobina

Moradora de Guajeru relata susto com roda de ônibus escolar que se soltou enquanto transportava alunos da zona rural

Confira os especialistas da semana na Clínica Mais Vida em Brumado

Livramento de Nossa Senhora: Polícia investiga casos de clonagem de números de telefone na cidade

Brumado: Despesas com saúde pública chega aos 34% com vítimas do trânsito

Vitória da Conquista receberá o maior evento Fitness da Bahia, o 'Confit Evolution'

Bahia: Queimadas aumentam 58% em comparação ao ano passado

Brumado: Nesse final de semana tem mais uma rodada do Campeonato de Futebol de Veteranos no 'Gilbertão'

Guanambi: Ajudante de pedreiro acerta na Lotofácil e ganha prêmio de R$ 309 mil

Brumado: Um jovem de 19 anos e três adolescentes são conduzidos à Delegacia por tráfico de drogas

Brumado: OAB, MP, CDL, Legislativo e sociedade civil organizada definem mudanças na Zona Azul

Brumado: Moradores do bairro São Jorge denunciam vazamento de esgoto em 'estação de tratamento'

Vereador diz que parlamentares que não votam em projetos do prefeito, ficam marcados em Brumado

Bahia: Cerca de mil latas de tinta falsificada são apreendidas; carga seria vendida no interior

Nutricionista da Clínica Mais Vida esclarece sobre tipos de leite e suas diferenças

Drogas e dinheiro são encontrados com traficante na cidade de Macaúbas

Incêndio atinge 'Serra das Almas' na cidade de Livramento de Nossa Senhora

Mulher é atingida por nove tiros e sobrevive na cidade de LEM

Bahia: Campanha contra raiva é suspensa após atraso de laboratório na entrega de vacinas



BUSCA PELA CATEGORIA "Saúde"

Brumado: Acidentes de trânsito causa superlotação em hospital e elevam os custos na saúde, diz secretário

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

A saúde pública tem sido um tema bastante batido no município de Brumado, principalmente nas questões que envolve atendimentos ou superlotação. Segundo o secretário de saúde, Cláudio Feres, levantamentos apontam que o grande responsável pela superlotação dos hospitais sãos os acidentes de trânsito. Ele ainda esclareceu que mesmo com a realização da campanha Maio Amarelo, promovendo um trânsito mais seguro, os índices de acidentes registrados na microregião, foram significativos. “É um problema sério para a saúde pública a questão dos acidentes automobilísticos, principalmente envolvendo motos. Entre 30% e 40% das UTIs de todo país são ocupadas por pacientes vítimas de acidentes automobilísticos. É um problema difícil que acaba sobrando para a saúde”, declarou. Conforme o secretário, muitas vagas de atendimentos eletivos são retirados por conta das ocorrências emergenciais resultantes dos acidentes de trânsito, além de gerar altos custos “Não devemos somente cobrar o estado e o município, mas também o cidadão”, observa. Segundo Feres, esses pacientes graves requerem uma atenção especial que mobiliza diversos membros da equipe médica e superlotam as unidades de saúde. “Isso atrapalha muito o fluxo do atendimento eletivo”, explicou.



Estudos comprovaram que mosquito consegue transmitir zika, dengue e chikungunya na mesma picada

Foto: Reprodução

Um novo estudo da Universidade Estadual do Colorado descobriu que o mosquito Aedes aegypti consegue transmitir múltiplos vírus em uma única picada, como os da dengue, zika e chikungunya. Os resultados foram publicados na revista "Nature Communications" deste mês. Os pesquisadores acreditam que os resultados jogam luz sobre como ocorre uma coinfecção -- quando uma pessoa é atingida por duas ou mais doenças ao mesmo tempo. Eles dizem que o mecanismo ainda não é compreendido totalmente e que pode ser bastante comum em áreas afetadas por surtos. Nos testes, a equipe infectou os mosquitos em laboratório com os três tipos de vírus, depois realizaram testes para verificar qual a taxa de transmissão. De acordo com o estudo, ainda não há uma razão para acreditar que uma coinfecção possa ser mais grave do que ser atingido por um só vírus. As pesquisas sobre o assunto são escassas. Há registros de pacientes que tenham contraído a zika, dengue e a chikungunya ao mesmo tempo. A pesquisa também chegou ao resultado de que é possível uma coinfecção, mas que a transmissão dos três vírus simultaneamente é mais raro.



Desistências no Mais Médicos chegam a 19% após saída de cubanos

Foto: Reprodução

Até maio deste ano, 19% dos médicos brasileiros que entraram no Mais Médicos desistiram de participar do programa. Ao todo, 1.325 profissionais com o registro profissional brasileiro se desligaram do projeto de atendimento em saúde nos municípios. O levantamento foi feito pelo Ministério da Saúde e divulgado na quinta-feira (23). O número de desistências aumentou 25% em relação ao último balanço do ministério. 1052 médicos desistiram do programa nos 3 primeiros meses do ano. Em novembro, Cuba saiu do programa. Na época, 1 novo edital foi aberto para preencher as 8.517 vagas então ocupadas pelos médicos do país. Na publicação, 7.120 das posições foram preenchidas por médicos formados no Brasil. Para suprir o restante das vagas, o ministério publicou 1 novo edital em dezembro destinado a brasileiros que se formaram em medicina no exterior. As outras 1.397 posições foram preenchidas. Nenhum médico desse grupo desistiu do programa. Por meio de nota, o Ministério da Saúde afirmou que a priorização é fornecer atendimento médico em municípios com maior vulnerabilidade social. E que a pasta lançará 1 novo programa para suprir outras necessidades. “Um novo programa para ampliar a assistência na Atenção Primária está sendo elaborado e será divulgado em breve”, informou a pasta. O ministro Luiz Henrique Mandetta afirmou anteriormente que novas ações para o Mais Médicos estão em análise no ministério. Desde a criação, o programa tem o objetivo de aumentar a oferta de médicos no interior do Brasil. Os profissionais selecionados atuam em unidades básicas de saúde de pequenos municípios.



Mãe relata drama vivido pela filha com doença rara em Brumado; tratamento completo custa R$ 16 mil

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Há quase um mês, a dona de casa Martinéia de Souza Cruz, 29 anos, descobriu que a filha Naiara Cruz Silva, 11 anos, é portadora de uma doença rara que impossibilita o contato com outras crianças. A púrpura trombocitopênica idiopática, a chamada púrpura, atinge o sistema imunológico e, segundo os médicos, um simples resfriado, pode ser fatal. Martinéia explica que, por causa do problema, a menina não pode ir mais à escola ou praticar qualquer tipo de atividades que envolva o contato com outras crianças. “Proibir uma criança de brincar, me corta o coração, mas ela não aguenta, sempre fica fraca e os médicos disseram para ela ficar em casa”, diz a dona de casa. O problema foi diagnosticado no início desse mês. “Minha filha esta fraca e sangra pela gengiva, sobrancelhas, pelas unhas e em várias partes do corpo”, conta Martinéia. Um hemograma realizado apontou que Naiara tinha 12 mil plaquetas por mm³ de sangue, quando o normal para uma criança nessa idade, de acordo com os médicos, é 200 mil. 

Foto: 97NEWS

A hematopediatra responsável pelo tratamento da garota, Drª Ellen Mota, emitiu uma laudo a família, onde ela relata a gravidade do problema. “A paciente tem Pti/Tip - Trombocitopenia imune crônica. Vem cursando com sangramento de mucosa e plaquetopenia severa. Necessita urgente de tratamento devido ao risco de Acidente Vascular Cerebral - AVC imunológico”, afirma a especialista. A mãe relata que a médica receitou 16 frascos de 100 ml cada, do medicamento "imuniglobulina humana". "Esse medicamento custa R$ 1000 cada frasco de 100 ml, ou seja, todo o tratamento vai ficar por R$ 16 mil, eu não tenho esse dinheiro", disse a mãe. Ela ainda afirmou que já procurou as Secretarias de Saúde do município e do Estado, mas nenhuma delas possui a medicação. De acordo com ela, a única salvação será a ajuda da população, enquanto ela aciona o Ministério Público. "Preciso dessa ajuda da comunidade brumadense. Já me orientaram a buscar ajuda no Ministério Público, mas sabemos que é demorado, enquanto isso não posso deixar minha filha nessa situação", relatou emocionada a dona de casa. Se você deseja realizar uma doação para a Naiara, basta ligar para a família pelo telefone, (77) 98101-1295 / 99838-1329.

 



Brumado: Município será contemplado com Programa de Triagem Auditiva Neonatal

Foto: Divulgação

O município de Brumado foi selecionado pelo Ministério da Saúde (MS) para receber a ampliação do Programa de Triagem Auditiva Neonatal, que vem tendo uma resolutividade muito alta, evitando futuros casos de surdez. O projeto foi elaborado através de uma parceria entre o secretário municipal de saúde, Cláudio Feres, a fonoaudióloga do Hospital Municipal Professor Magalhães Neto, Nádia Ávila, e pelo engenheiro hospitalar Glauber Bacelar. A próxima etapa é o envio ao Ministério para que as verbas no valor de R$ 170 mil possam ser disponibilizadas para aquisição de novos equipamentos.



14% dos internados desenvolvem infecções hospitalares no Brasil

Foto: Conteúdo l 97News

Estima-se que no Brasil a taxa de infecções hospitalares atinja 14% das internações, de acordo com o Ministério da Saúde. O simples ato dos profissionais de saúde lavarem as mãos é fundamental para evitar essas infecções. Outros fatores na prevenção ao problema é a higienização dos ambientes onde estão os pacientes, dos leitos, isolar aqueles que já estão contaminados e a aplicação de protocolos de prevenção. Evitar as infecções em ambiente hospitalar se torna cada dia mais importante no atual contexto das bactérias multirresistentes a antibióticos. As infecções hospitalares ainda aumentam o tempo de internação e os custos da assistência médica, e são provocadas por micro-organismos que se aproveitam de fragilidades no sistema imunológico de quem está em tratamento hospitalar. Entre os tipos mais comuns estão as infecções urinária e na corrente sanguínea associadas ao uso de cateter e a pneumonia associada à ventilação mecânica, segundo o Ministério da Saúde. Um estudo da Organização Mundial de Saúde demonstrou que a maior prevalência ocorre em unidades de terapia intensiva, em enfermarias cirúrgicas e alas de ortopedia. As ações de controle de infecção hospitalar em escala nacional são coordenadas pela Anvisa. Os hospitais, tanto da rede pública quanto privada, precisam notificar a agência sobre os casos e estados e municípios desenvolver ações de prevenção e controle. A agência é responsável pelo Programa Nacional de Prevenção e Controle de Infecções Relacionadas à Assistência à Saúde.

 



Novo edital do programa Mais Médicos tem 6 vagas para Brumado

Foto: Divulgação

O Ministério da Saúde lançou, nesta segunda-feira (13), um novo edital do Programa Mais Médicos, com cerca de 265 vagas para 145 municípios da Bahia. A cidade de Brumado tem 6 vagas em aberto. Os profissionais precisam ter registro brasileiro e devem se inscrever entre os dias 27 e 29 de maio no site do programa (Aqui). Caso haja vagas remanescentes, as oportunidades serão estendidas, em um segundo chamamento público, aos profissionais brasileiros formados em outros países e que já tenham habilitação para o exercício da medicina no exterior. Em todo o país, o programa abriu 2 mil vagas. Os médicos selecionados pelo edital desta segunda devem começar a atuar em junho nos 790 municípios brasileiros, especialmente em áreas com dificuldade de acesso. No novo edital foram estabelecidos critérios de classificação para garantir a seleção de profissionais qualificados, preferencialmente com perfil de atendimento para a Atenção Primária. Serão avaliados títulos de especialista ou residência médica em Medicina da Família e Comunidade. Outra novidade é que toda a documentação deverá ser enviada ao Ministério da Saúde, pela Internet já no ato de inscrição. Segundo o secretário municipal de Saúde, Claudio Feres, desta feita "se espera o preenchimento completo das vagas o que contribuirá para a ampliação dos serviços na área de saúde pública". 



Estrutura do Hospital Professor Magalhães Neto é ampliada em mais de 200%, diz prefeitura de Brumado

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Em 2005, o prefeito Eduardo Lima Vasconcelos (PSB) iniciou o projeto de ampliação do Hospital Municipal Professor Magalhães Neto, que, naquela época, estava restrito a procedimentos de baixa complexidade. Atualmente, passados cerca de 14 anos, a unidade de saúde tem a sua estrutura ampliada em mais de 200%, passando de 1,5 mil m² para 5 mil m². O centro cirúrgico passou de duas salas para cinco, possibilitando a realização de cirurgias eletivas e emergenciais. Também foi criado um serviço de imagem que conta com ultrassonografia, ultrassom, Raio X, tomografia e eletrocardiograma, além dos serviços do Laboratório Central, o qual está integrado ao complexo hospitalar. Um novo Pronto-Socorro foi construído, atendendo pacientes dos 20 municípios pactuados. Foi instalado o sistema de climatização e de monitoramento eletrônico, proporcionando modernidade, conforto e segurança para a unidade. Uma das grandes vitórias comemorada pela população foi a implantação da UTI - adulto e neonatal. Segundo o secretário municipal de saúde, Claudio Feres, o projeto de ampliação da unidade prevê ainda a construção de duas novas enfermarias, com 45 leitos cada, já que a demanda é crescente.



Garoto de 12 anos internado com suspeita de dengue hemorrágica em Vitória da Conquista terá alta nesta segunda (29)

Foto: 97NEWS

O menino de 12 anos, morador de Brumado, que foi transferido para Vitória da Conquista no último sábado (27) com sintomas de dengue hemorrágica, terá alta nesta segunda-feira (29), segundo a Secretaria Municipal de Saúde. Como havia sido informado pelo 97NEWS, a família da criança procurou atendimento médico no Hospital Municipal Professor Magalhães Neto e, após a realização de uma bateria de exames, a equipe de Brumado solicitou a transferência para uma unidade avançada. Por conta da gravidade do caso, o garoto foi encaminhado para uma Unidade Hospitalar de Conquista. Ainda segundo a Secretaria de Saúde, o garoto foi devidamente medicado, e seu quadro clínico foi controlado, tendo uma evolução rápida e muito positiva, o que trouxe alívio para os familiares. Conforme o secretário, o caso só poderá ser confirmado como dengue hemorrágica quando os exames laboratoriais forem divulgados. Mas mesmo assim, a pasta chama a atenção dos moradores e também das autoridades sanitárias, para que todos possam fazer sua parte e combater o mosquito transmissor, já que a possibilidade de um surto no município não está descartada.



Brumado: Vigilância Epidemiológica alerta para as notificações de arboviroses

Foto: 97NEWS

Após as chuvas que caíram nos últimos meses, e em seguida, uma forte onda de calor, provocou uma cadeia produtiva para aumentar o número de casos de dengue e de outras arboviroses, em Brumado. De acordo com a Vigilância Epidemiológica Municipal (Vigep), os casos tem aumentado em relação ao mesmo período do ano passado. A situação preocupa, e segundo a coordenadora da Vigep, Ilka Lima, os números não são alarmantes, mas acende uma luz de alerta devido ao histórico de surtos registrado na Capital do Minério. “Já estamos tomando as devidas ações quanto a isso, mas receosos quanto ao que poderá acontecer devido ao período de chuva e calor, que é propício ao surgimento de mosquitos”, relatou. A Secretaria de Saúde do Estado orienta que os municípios intensifiquem as ações, principalmente nesse período intermitente de chuvas e quando há necessidade de armazenar água. As ações devem ser integradas com os setores de Infraestrutura, Limpeza Urbana, Secretaria de Educação e Meio Ambiente, entre outros. A Secretaria Municipal de Saúde informou que já foram registrados casos positivos de dengue em Brumado e o objetivo é identificar o tipo de vírus que circula no município, a fim de serem adotadas as melhores ações de combate ao mosquito. "O índice de infestação predial do Aedes-Aaegypti é de 2.4 em Brumado, considerado alto, porém ainda dentro da realidade. Os bairros onde há maior índice de infestação é o Dr. Juracy e o São Félix", afirmou Ilka. A Vigep faz um apelo à comunidade para redobrar os cuidados com recipientes que possam acumular água e serem um reservatório para proliferação do mosquito. “Nesse momento precisamos do apoio da população. É um momento em que todos tem que fazer sua parte, limpe o seu quintal, reservatórios ou recipientes que possam acumular água”, alertou a coordenadora da Vigep.



Brumado: Secretário de Saúde diz que se for comprovado negligência médica no caso do filho de vendedor, os responsáveis serão punidos

Foto: 97NEWS

Na última segunda-feira (22), o vendedor e músico Ricardo Mota dos Santos, de 33 anos, procurou a reportagem do 97NEWS para relatar que durante a madrugada do mesmo dia, buscou por atendimento médico para seu filho de 3 anos no Hospital Municipal Professor Magalhães Neto (HPMN), em Brumado, e não foi atendido. Conforme o pai da criança, seu filho durante a madrugada apresentou um quadro clínico de vômitos e tosse com catarro. Segundo Mota, ele chegou na unidade de saúde por volta das 03h30, passou por uma triagem com a enfermeira e aguardou até as 05h30, como nenhum médico atendeu a criança, ele optou por ir embora e realizar por conta própria a medicação. "Como todos podem ver no vídeo que gravei, as 05h30 sai do hospital sem atendimento, e mesmo correndo riscos, mediquei meu filho. Na tarde do mesmo dia paguei uma consulta de R$ 300, e graças a Deus meu filho está bem", relatou. Buscando esclarecimento dos fatos, na manhã desta quinta-feira (25), conseguimos falar com o Secretário Municipal de Saúde, Claudio Feres, que de imediato afirmou que já tem conhecimentos dos fatos, inclusive ouviu o relato do pai da criança e, que se for provado negligência médica, medidas serão tomadas. "Vamos consultar todos os profissionais que estavam de plantão naquela noite, inclusive o sistema de monitoramento, e saber o porque esta criança não foi atendida. Se ficar comprovado o erro por parte da equipe, vamos punir", esclareceu Feres, destacando ainda que ira ouvir os servidores, dando-lhes o direito de se defenderem. "Não é comum uma situação dessa ocorrer, algo aconteceu, vamos sentar com a equipe, e saber porque que a criança não foi atendida", afirmou o Secretário de Saúde. 



Brumado: Projeto Ronda-Hans realiza 180 consultas; 7 casos de hanseníase foram detectados

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Com atendimentos iniciados na última terça-feira (09) e encerrados na sexta-feira (12), o projeto da carreta Roda-Hans atendeu cerca de 180 pessoas de Brumado e região. Foram detectados sete casos da doença. Em entrevista ao 97NEWS, a médica dermatologista Roseane Pereira destacou que o trabalho foi bastante produtivo, com os profissionais engajados na causa. A médica informou que, no período, foram notificados sete casos de hanseníase, os quais já começaram o tratamento na própria unidade móvel. “O trabalho teve o objetivo de diagnosticar a doença precocemente e interromper a cadeia de transmissão”, declarou. A dermatologista ainda alertou que, caso não seja tratada, a hanseníase pode trazer sérias complicações e lesões. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde de Brumado, quem não teve oportunidade de comparecer à unidade móvel para o rastreamento, pode se dirigir à unidade básica de saúde mais próxima do seu bairro para detectar possíveis manchas suspeitas. 



Mastologista é no Centro Médico São Gabriel com Dr. Rafael Argolo

Foto: Divulgação

O mastologista é o médico especializado nas doenças da mama, benignas ou malignas; atuando nos  processos de estudo, prevenção, diagnóstico, tratamento, operação e reabilitação da paciente. O Centro Médico São Gabriel traz para Brumado e região o Mastologista Dr.Rafael José Argolo. Agende sua consulta: (77) 3441-1502 / (77) 99925-8807.



Brumado: Com o tema: 'Saúde e Democracia', Sesau realiza 8ª Conferência de Saúde

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

A Secretaria Municipal de Saúde realizou na noite de quarta-feira (10) e na manhã desta quinta-feira (11), nas dependências da Câmara de Vereadores de Brumado, a 8ª Conferência Municipal de Saúde. Com o tema: Saúde e Democracia, a pasta apresentou o seu balanço anual. Em entrevista ao 97NEWS, o prefeito Eduardo Vasconcelos, destacou os grandes avanços obtidos na área de saúde, que hoje conta com serviços de alta complexidade como a UTI do Hospital Magalhães Neto, que vem tendo uma ampliação e modernização constante. "Brumado hoje é reconhecido como uma grande referência regional do setor, atendendo mais de 20 municípios da microrregião". O gestor ressaltou que o evento é importante para identificar as demandas da população para o segmento. Sobre o atual momento da saúde na cidade, o chefe do executivo municipal disse que nunca se viveu uma situação tão positiva. "É só comparar com os municípios da região”, completou. 

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Além das autoridades, um bom público compareceu ao legislativo para prestigiar a conferência. Já o Secretário de Saúde, Claudio Feres, fez questão de observar a importância da realização da conferência. "Esse evento proporciona uma ampla discussão sobre os próximos passos a serem realizados na busca constante da melhoria dos serviços no município", disse. Por fim, foram realizadas palestras com as seguintes abordagens: Saúde como Direito; Consolidação dos princípios do Sistema Único de Saúde (SUS) e Financiamento Adequado e Suficiente para o SUS. A Conferência continuou na manhã de hoje (10), onde houve diversos grupos de trabalho e a elaboração das propostas. O evento encerrou ao meio dia.



Brumado: Município recebe a Carreta da Saúde e Projeto 'Roda Hans'; sem divulgação a procura ainda é baixa

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Começou na terça-feira (9) e vai até a próxima sexta-feira (12) os serviços da Carreta da Saúde, Roda Rans, que é uma ação idealizada pelo Ministério da Saúde e que conta com o apoio do governo do Estado, dos municípios contemplados com o programa e da multinacional Novartis Brasil, que cedeu a carreta equipada. Brumado é um dos municípios contemplados neste ano com o programa. A carreta está estacionada em frente ao Ginásio de Esportes Antônio Alves Ribeiro. A ação, visa conscientizar a população sobre a hanseníase, além de ofertar atendimento de qualidade a fim de favorecer o diagnóstico precoce e o tratamento oportuno da doença. O 97NEWS esteve no local e pôde perceber que poucas pessoas compareceram ao primeiro dia de atendimentos para realização dos exames para diagnóstico da doença. Os que compareceram à ação disseram a nossa reportagem que foram pegos de surpresa, pois, segundo eles, não houve uma mobilização antecipada de divulgação da iniciativa para a comunidade. 



Brumado: População de Lagoa Funda recebe consultório odontológico completo

Foto: Divulgação

A comunidade de Lagoa Funda recebeu um consultório odontológico completo contendo cadeira e refletor odontológicos, mesa para instrumental, unidade auxiliar e cadeira ergonômica para o profissional. Segundo a Prefeitura Municipal de Brumado, o kit entregue na última sexta-feira (5) já traz grandes benefícios à população, que receberá atendimentos odontológicos. Os novos equipamentos entregues, compõem consultório odontológico na Unidade Básica de Saúde da comunidade, atendendo demandas da população brumadense nas diversas faixas etárias. Entre as importantes atividades dos consultórios odontológicos no âmbito do SUS, estão a proteção à saúde bucal, prevenção de agravos, realização de diagnósticos, tratamentos, acompanhamentos, reabilitação e promoção à saúde bucal dos indivíduos, suas famílias e diversos grupos sociais. O novo consultório trará importantes contribuições para a saúde em Brumado, se constituindo como um ambiente de prevenção, promoção e reabilitação à saúde bucal da população.



Mais de mil profissionais desistem do programa Mais Médicos no Brasil; Brumado está entre os que perderam profissionais

Foto: Divulgação

O Ministério da Saúde confirmou na quinta-feira (4) que 1.052 profissionais desistiram do programa Mais Médicos nos primeiros três meses do ano. O número representa 15% das vagas preenchidas por médicos brasileiros após a saída de Cuba do programa em novembro de 2018. Um edital foi aberto em novembro para ocupar as 8.517 vagas deixadas pelos cubanos no programa. No total, 7.120 vagas foram preenchidas por brasileiros. As vagas foram distribuídas por 2.824 municípios e 34 distritos indígenas. O salário é de R$ 11,8. Do total de 1.052 desistências, 14 foram em distritos indígenas. São Paulo é o estado com o maior número de vagas abertas (181), seguindo de Bahia (117) e Minas Gerais (104). Diversos estados relataram a desistência de profissionais do Mais Médicos. Os médicos pediram demissão e deixaram de atender as Unidades Básicas de Saúde (UBSs). Em Brumado, segundo o secretário municipal de Saúde, Claudio Feres, o processo de contratação de novos médicos pode ser demorado. "Estamos em constante contato com o Ministério da Saúde para tentar trazer mais profissionais do programa 'Mais Médicos' para Brumado", explicou. No último mês, o município perdeu alguns profissionais, como é o caso da Unidade Básica de Saúde Dr. Arlindo Magno Stanchi, localizada no bairro São Felix. Mas de acordo com o secretário, outro profissional já foi realocado a vaga. "O município vem procurando profissionais para cobrir esse vazio assistencial, tanto que na quinta-feira iniciou um médico na unidade, voltando a ter dois profissionais", disse Claudio. Feres ainda ressaltou que sem a abertura de um novo edital, os municípios ficam sem total cobertura. "Essa culpa da falta de médico não pode cair no colo dos prefeitos, esse problema quem criou foi o Ministério da saúde, portanto o Ministério precisa achar uma saída para o problema", afirmou o secretário.



Brumado: Secretaria de Saúde firma termo de compromisso com Ministério Público para fornecimento de medicamentos

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

O promotor de Justiça Millen Castro Medeiros está exigindo na Justiça que o município de Brumado seja obrigado a fornecer, medicamentos necessários a pacientes que já vinham recebendo medicação na rede de saúde do município, previstos na Relação Nacional de Medicamentos Essenciais. (Rename). Segundo sustentado pelo promotor, verificou-se no município a falta de assistência a pacientes que já recebiam medicação. Diantes dos fatos a 1ª Promotoria de Brumado realizou um termo de compromisso com a Secretaria Municipal de Saúde de Brumado, para que a pasta se comprometa a fornecer aos pacientes da cidade todos os medicamentos, bem como aqueles que venham a solicitar, eventualmente, em lista complementar elaborada pelo próprio Município. Segundo informou o MP ao 97NEWS, considerando que os remédios não têm sido receitados pelos médicos da cidade, a fim de evitar desperdício e não prejudicar outras demandas, a pasta se compromete a mantê-los no rol dos pedidos licitados e a adquiri-los em dez dias após a solicitação protocolada pelo cidadão perante a Farmácia Básica. O descumprimento da determinação acarretará multa diária de R$ 500. (Veja o termo)



Diferente de outros municípios, Brumado repassa com antecedência o recurso para o tratamento de Terapia Renal Substitutiva (TRS), diz Secretário de Saúde

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Os cerca de sete mil pacientes que fazem hemodiálise nas 38 clínicas conveniadas ao SUS na Bahia, oito delas estão com o tratamento ameaçado. Alguns já estão tendo sessões canceladas por falta de material. As unidades afirmam que não têm recebido o repasse da prefeitura e estão sem dinheiro para comprar insumos, medicamentos e pagar os funcionários. Para tentar resolver a situação, a Associação Brasileira dos Centros de Diálise e Transplante (ABCDT), busca junto ao Ministério da Saúde, uma solução para que os pagamentos da terapia com recursos do Governo Federal, sejam feitos direto para as clínicas de diálise, e não mais por intermédio das secretarias municipais ou estaduais. De acordo com a Associação, o objetivo é evitar os constantes atrasos no repasse de recursos e a valores defasados praticados pela rede pública de saúde. Indo de encontro aos índices Estaduais, o município de Brumado se destaca das demais prefeitura, ao que se refere ao tratamento de Terapia Renal Substitutiva (TRS). 

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

Em entrevista ao 97NEWS, o Secretário Municipal de Saúde, Claudio Feres, afirmou que a prefeitura repassa o valor antes dos cinco dias previsto em Lei. "Após o pagamento do Ministério ao município, antes mesmo de completar os cinco dias previsto na Lei, nós repassamos o valor para a Clínica de Hemodiálise, mostrando assim o compromisso que a prefeitura tem com a saúde", ressaltou Feres. O secretário também fez questão de destacar que o valor varia conforme o número de pacientes. "Atualmente Brumado paga em torno de R$ 600 mil por mês pelo tratamento, e esse compromisso é honrado todos os meses", esclareceu. O secretário disse ainda que a garantia desses pagamentos contribui para um bom funcionamento da Clínica, trazendo assim um conforto aos pacientes. "Nós sabemos da dificuldade de se manter uma clínica, pois tem a manutenção de equipamentos de alta complexidade, materiais e pessoal, lidando com diversas vidas que dependem daquelas máquinas para sobreviverem. A prefeitura vem dando total apoio a hemodiálise do nosso município", ressalta Cláudio que completou ainda, no qual essa foi uma conquista do prefeito Eduardo Vasconcelos. "É bom lembrar que esses pacientes tinham que se locomoverem por vários quilômetros para realizar o tratamento em Vitória da Conquista por até três vezes por semana, em busca de atendimento. E hoje não, temos esse tratamento em Brumado", finalizou o Secretário de Saúde.



'O que estaria impedindo a implantação da Policlínica em Brumado?'; prefeito diz que já apresentou 10 terrenos

Foto: Luciano Santos l 97NEWS

A implantação da Policlínica Regional de Saúde em Brumado, um investimento que ficará na casa dos milhões de reais bancados pelo Estado, transformaram-se em mais uma das discussões e intermináveis entre o prefeito Eduardo Vasconcelos e o governador Rui Costa. Na última semana, o tema foi debatido mais uma vez pela imprensa local. O assunto nem se quer passa pelos bastidores da Câmara de Vereadores, para um possível debate. Em entrevista ao 97NEWS, o prefeito Eduardo Vasconcelos (PSB), disse que já apresentou dez lugares para instalação do equipamento de saúde, mas o Governo do Estado ainda não se definiu quanto à questão. Entre as opções descartadas por aspectos técnicos estão terrenos ao lado do Hospital Municipal Professor Magalhães Neto, em frente ao Ifba e na saída para Livramento de Nossa Senhora. Áreas particulares também foram descartadas. Após diversas tentativas mal sucedidas do prefeito em busca de um terreno que satisfaça o Governo, ele até alfinetou, "estão nesse escolhe escolhe ai, espero que tomem juízo e entendam que agente em Brumado sabe das coisas né!". Comentou Eduardo afirmando que o melhor local seria na periferia do município, devido a possibilidade de um fluxo maior das ambulâncias. "A periferia, ou seja, os extremos do município tem pistas largas, dando um acesso melhor". Questionado se a localização do terreno, poderia ser mais uma barreira política, o prefeito acabou escapando pela tangente e relatou, "eu acredito no que vocês acreditam", afirmou. Mas afinal, com tanto terreno na cidade, após passar por tantas barreiras, como foi o caso da batalha com os outros municípios em aprovar Brumado como sede, agora mais este empecilho. Provocado com este questionamento, resta agora a Secretaria de Saúde do Estado responder aos questionamentos dos brumadenses, que como todo brasileiro, aguarda mais uma unidade de saúde, para poder assim desafogar o Sistema Único de Saúde (SUS), que cada vez mais está sobrecarregado.