ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Governador Rui Costa declarou que servidor vai ter que contribuir mais para se aposentar

Mistério em Livramento: Túmulos violados em cemitério municipal causam perplexidade na população

Tragédia em Tremedal: Jovem de 19 anos é atropelada e não resiste aos ferimentos

Eleição da mesa diretora da Câmara de Brumado acontece na Sessão Ordinária desta sexta-feira, 14

Brumado: Carreta da Expresso Sudoeste tomba na BR-030 na manhã de hoje (13); motorista tem ferimentos leves

Tribunal de Justiça da Bahia acata petição da Câmara de Vereadores de Brumado e Girsom Ledo deverá deixar novamente o cargo

Ambulâncias do Samu enfrentam dificuldade de circulação na área urbana de Brumado

Período chuvoso traz o aumento dos riscos da tríplice endemia; Brumado está em alerta

Brasília: PF deflagra operação e faz buscas no Ministério do Trabalho

Brumado: Projeto de Lei que propõe tirar nomes de pessoas vivas de logradouros e prédios públicos é reprovado pela Câmara

Equipe de Bolsonaro já discute nova tabela de frete para evitar greve de caminhoneiros

Brumado: Contas foram 'aprovadas com ressalvas', mas prefeito recebeu multa de R$ 5 mil pelo TCM

Em regime semi-aberto, condenado a 11 anos por estupro é preso suspeito de cometer o mesmo crime

A Clínica Saluti lança a campanha 'Natal Solidário 2018'­

Sindicato dos Comerciários de Brumado realiza assembleia e trabalhadores aprovam a pauta de reivindicações

‘O melhor caminho é o diálogo, mas o governador até o momento não entendeu isso’, afirma presidente do Sindicato dos Delegados da Bahia

Conforto e Modernidade: A4 inaugura suas novas instalações em Brumado

Rio do Antônio: Promotor pede que Câmara anule concurso após prazos suspeitos

Indícios apontam que 20ª Coorpin poderá ficar sem coordenador e delegado titular a partir de hoje (12)

Sudoeste: Desaparecimento de garota grávida de 8 meses gera fortes apelos nas redes sociais



BUSCA PELA CATEGORIA "Saúde"

Período chuvoso traz o aumento dos riscos da tríplice endemia; Brumado está em alerta

A Bahia tem 255 cidades em situação de alerta ou risco de surto de dengue, zika e chikungunya, segundo dados do Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti (LIRAa) divulgados ontem (12) pelo Ministério da Saúde. Das cidades destacadas no estado, 186 estão em alerta, como é o caso de Brumado. Outras 69 têm risco de surto das doenças. Na Bahia, a maior parte dos criadouros do Aedes aegypti foi encontrada em depósitos de água (5.427), seguida por depósitos domiciliares (1.735) e lixo (490).



Estudo indica que zika pode provocar infertilidade em homens

Foto: Composição 97NEWS

Um novo estudo, promovido pelo Instituto de Medicina Tropical da Universidade de São Paulo, sugere que a infecção pelo vírus Zika também possa trazer complicações para os homens. Segundo a pesquisa, liderada pela infectologista Vivian Avelino-Silva, da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), o zika pode causar infertilidade. Quatorze homens infectados pelo vírus em 2016 participaram do estudo. Cinco deles fizeram o exame de espermograma e, em quatro, os resultados ficaram fora dos parâmetros de normalidade estabelecidos pela Organização Mundial da Saúde (OMS). O estudo não é conclusivo e aponta a necessidade de que novas pesquisas sejam feitas. A pesquisa destaca que a amostra é pequena e que a equipe não tinha exames desses cinco homens antes da infecção para comprovar que a alteração foi feita pelo zika. 



Otorrinolaringologia é no Centro Médico São Gabriel

Foto: Reprodução

O Otorrinolaringologista é o médico especialista para  cuidar das doenças dos ouvidos, nariz e garganta. Entre as enfermidades, estão a paralisia facial, sinusite, renite, polipose nasal, desvio do septo nasal, alterações das pregas vocais, laringite, perfuração do tímpano, distúrbios da deglutição, entre outros transtornos. A avaliação do Otorrinolaringologista é de grande importância para o correto diagnóstico, tratamento e prevenção dessas doenças. O Centro Médico São Gabriel conta com o renomado especialista em Otorrinolaringologia Dr. Glauber Aguiar,  atendendo todas as sextas-feiras. Agende sua consulta: (77) 3441-1502 / 99925-8807 (WhatsApp).



Justiça determina prisão de médicos que cobravam até R$ 8 mil para furar fila do SUS

Foto: 97NEWS

Um esquema que evolvia médicos e servidores públicos que cobravam R$ 2 mil e R$ 8 mil de pacientes para furar a fila do Sistema Único de Saúde (SUS) foi desarticulado por promotores do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público do Paraná, na segunda-feira (10), durante a Operação Mustela. Um dos alvos da ação, em que estão sendo cumpridos 12 mandados de prisão temporária e 44 ordens de busca e apreensão, é o gabinete do deputado Ademir Bier (PSD). A investigação apontou que pacientes que necessitavam passar por procedimentos cirúrgicos faziam contato com um assessor do parlamentar, Paulo de Morais, o Paulinho, que fazia a ‘ponte’ com os médicos. Conforme o Estadão, as ordens de prisão temporária foram decretadas contra dois médicos, assessores, secretárias e intermediadores, um deles vereador de Bandeirantes (PR). Em relação aos locais, os mandados de busca foram cumpridos em dez cidades: Curitiba, Campo Largo, Marechal Cândido Rondon, Almirante Tamandaré, Campina Grande do Sul, Telêmaco Borba, Bandeirantes, Campo Magro, Colombo e Siqueira Campos. A ação atingiu ainda o diretório de um partido político, hospital e clínicas.



Autoteste de HIV vai ser distribuído no SUS em 2019

Foto: Divulgação

Durante os 30 anos de combate à Aids, o Brasil foi responsável por avanços no tratamento e pesquisas. Um dos principais motivos para celebrar, é a garantia de tratamento para toda a população, que reduziu 16% de casos e óbitos de Aids no país. O resultado positivo é devido a ampliação do acesso à testagem e redução do tempo entre o diagnóstico e o início do tratamento. O autoteste faz parte dessa evolução. E, para somar aos avanços, ele vai ser fornecido pelo SUS a partir de janeiro de 2019. Com o autoteste, a pessoa faz a sua própria amostra, seja pelo fluido oral ou sangue, e depois realiza um teste que é responsável por interpretar o resultado, seja ele reagente ou não reagente, como o de gravidez. Mas, segundo o Ministério da Saúde, os resultados não podem ser considerados um diagnóstico definitivo, por isso é necessário buscar um serviço de saúde para os testes complementares. A partir de janeiro, vão ser distribuídas 400 mil unidades do primeiro autoteste de HIV. Inicialmente como um projeto piloto nas cidades de São Paulo, Santos, Piracicaba, São José do Rio Preto, Ribeirão Preto e São Bernardo do Campo, Rio de Janeiro, Florianópolis, Salvador, Porto Alegre, Belo Horizonte e Manaus. Para quem tiver acesso, na caixinha do autoteste, a pessoa vai encontrar um número 0800 do fabricante para tirar dúvidas. Este serviço vai funcionar todos os dias 24 horas. Mas, apesar do avanço no tratamento, a consciência para a prevenção é ainda a principal forma de evitar o HIV. Por isso, seja atento. É necessário que você faça os testes regularmente. Use camisinha e conheça as outras formas de prevenção combinada, disponíveis no SUS. Proteja-se. 



Brumado: Vigilância Epidemiológica promoverá mutirão de limpeza ao combate à dengue

Foto: Luciano Santos l 97News

A Prefeitura por meio do Departamento de Vigilância Epidemiológica Municipal (Vigep) realizará um Mutirão de Limpeza de ações para o combate ao mosquito Aedes aegypti, com o início no dia 10 deste mês. A ação tem como objetivo recolher material inservível que esteja depositado em quintais e que pode se transformar em criadouros para o mosquito Aedes aegypti, transmissor, além da dengue, de outras doenças graves como febre amarela, zika e chikungunya. É importante que a população permita receber os agentes da Vigilância Epidemiológica em sua residência e já deixar separado todo material sem uso exista nos quintais, para que seja recolhido pela Unidade de Controle de Vetores. De acordo com a coordenadora da Vigep, llka Lima, o mutirão acontece entre os dias 10 a 14 deste mês nos bairros onde é maior o índice de infestação do mosquito como: Dr. Juracy, São José, Esmeraldas, Baraúnas, Urbis II, Brisa II, Olhos D’água, Esconso, São Félix, Brisas I, III, Malhada Branca, Bom Jesus e Jardim de Alah. Ainda segundo a coordenadora, todos tem que fazer sua parte. “O agente não tem obrigação de retirar o lixo das residências. O que nós vamos fazer é chamar a população para fazer a parte dela. A ideia é a mobilização mesmo”, destacou. Segundo a Vigep, o índice de infestação do mosquito, atualmente, na cidade, é pequeno, e o objetivo da campanha é evitar que as doenças apareçam. Caso alguém apresente sintomas como febre alta, dores de cabeça e atrás dos olhos, manchas vermelhas no corpo e dor nos ossos e articulações deve procurar à Unidade de Saúde mais próxima.



Divulgados os números da AIDS na região sudoeste; prevenção é o melhor remédio

(Foto: Reprodução)

Os casos de Aids continuam chamando a atenção na região Sudoeste. Do ano de 2016 até então foram registrados ao menos 502 novos casos, desses 143 foram somente neste ano, sendo eu 19 são gestantes. Os dados são do Centro de Atenção e Apoio à Vida – CAAV. O primeiro caso de AIDS em Vitória da Conquista foi notificado em 1985 e até novembro de 2018, 1231 pacientes estão em tratamento com o uso de Anti-retroviral. Durante esses dois últimos anos, o CAAV realizou mais de 11 mil sorologias e mais de 9.000 Testes Rápidos Diagnósticos para detecção do vírus HIV. Faz Acompanhamento de gestantes com consultas Obstétrica e orientação para o pós-parto e a não amamentação dessas crianças, distribuindo Fórmula Láctea para crianças com idade entre 01 (um) e 02 (dois) anos. Com atendimento integral e humanizado, o CAAV garante a qualidade de vida dos portadores e atua na prevenção de novos casos, principalmente junto às populações vulneráveis, aos adolescentes e jovens. O CAAV é referência para atendimentos à vítima de violência sexual e ABO, fazendo parte da rede de atenção em Conquista. O órgão conta com uma equipe multidisciplinar formada por profissionais com médico infectologista, obstetra, ginecologista, urologista, psicólogos, assistentes sociais, bioquímico, farmacêutico, enfermeiros, dentistas e equipes técnicas e administrativas. Distribui insumos de prevenção (preservativos masculinos e feminino) mais de 633 mil (nos últimos dois anos 2017 /2018).



Governo do Estado da Bahia divulga balanço positivo de ações na área de saúde

(Foto: Luciano Santos | 97NEWS)

Entre janeiro de 2015 e julho de 2018, foram implantados 1.524 novos leitos hospitalares na Bahia, distribuídos em forma de rede direta, indireta e por meio de contratos. Com a ampliação de serviços e descentralização, a assistência à saúde se torna cada vez mais especializada, célere e aprimorada. São exemplos disto, em Salvador, a ampliação do Hospital Geral Roberto Santos, onde foram criados 118 novos leitos, a implantação do Hospital Geral do Estado 2, com 161 leitos, o Hospital da Mulher, com 136 vagas, e Hospital Couto Maia, com 120 novos leitos. O Governo do Estado está realizando obras no Norte do Estado, em Juazeiro, no Oeste, em Barreiras, no Sudoeste, em Guanambi e em Vitória da Conquista, e no Sul, em Itabuna, Porto Seguro e também em Teixeira de Freitas, onde há um projeto de construção do Hospital Regional da Costa das Baleias, com 300 leitos. 

O secretário também fala sobre a importância da ‘desospitalização’ de pacientes crônicos como estratégia para que se disponibilizem mais leitos para a população baiana. “Paralelamente, nós criamos também um serviço de desospitalização, com a implantação de leitos para a internação em domicílio. Já retiramos 500 pacientes dos hospitais, nossa meta é retirar mais mil pacientes. São pacientes em estado crônico que viviam em unidades hospitalares e, ao retirá-los dos hospitais, nós disponibilizamos novos leitos”.

Novos projetos

Vilas-Boas diz que os próximos quatro anos serão de mais desafios e investimentos. “Em meados de 2019 vamos inaugurar o Hospital Metropolitano, com 265 leitos, temos a inauguração da maternidade de Camaçari, com mais 100 leitos, temos a Unacon, de oncologia, em Juazeiro, a ampliação do hospital de Irecê, com implantação de cirurgia cardíaca e oncologia e mais 100 leitos hospitalares, em Barreiras vamos implantar mais cem leitos e unidades de oncologia e cardiologia. Em Vitória da Conquista, o hospital vai receber uma nova enfermaria e uma UTI pediátrica, o hospital de Guanambi terá uma nova UTI neonatal, Porto Seguro vai receber os serviços de cardiologia e oncologia, e aqui em Feira de Santana temos o novo Clériston Andrade, que terá as obras iniciadas em dezembro e dentro de 10 meses teremos um novo hospital com prontuários digitais, sem utilização de papéis, um dos mais modernos do País”.

Hospital Geral Roberto Santos

O diretor-geral do HGRS, José Admirço Filho, diz que em 40 anos de história, a unidade nunca recebeu tantos investimentos como tem recebido nos últimos dois anos. “Tivemos uma requalificação muito interessante, principalmente nos leitos de terapia intensiva, hoje temos dez leitos específicos para pacientes de neurologia. O HGRS era responsável por 82% das cirurgias neurológicas no Estado, hoje realiza 94%. São 30 leitos para pacientes de procedimentos cardiovasculares, que também foram ampliados, temos agora oito leitos para os pacientes de hemodinâmica, o que possibilita a realização de aproximadamente 300 procedimentos por mês apenas nessa especialidade.

O diretor-geral avalia que o HGRS tem hoje o parque de bioimagem mais moderno de Salvador, tanto da rede pública como privada. “E também temos estrutura para atender a pequena e a média complexidade, no Hospital Dia do HGRS, que conta com três salas e 16 leitos, onde são realizadas 600 cirurgias por mês, às quais não precisam de UTI nem internamento”.

Aumento no número de atendimentos

“Nessa engrenagem toda, a gente percebe que o impacto é muito positivo, o número de atendimentos tem aumentado em torno de 20% ao ano”, contabiliza o diretor José Admirço. “E estamos com o hospital cheio de obras para os próximos dois anos – temos obras na cozinha, na subestação, na hemodiálise e outras programadas, para que o hospital possa viver os próximos 40 anos como o maior do Nordeste”. Com as novas medidas, informa Admirço, os resultados incluem o fim da espera de vagas em algumas áreas. “O HGRS atende todos os pacientes de hemodinâmica da rede. Com a mudança da estrutura e da filosofia de trabalho, a fila da regulação foi zerada em três meses. O outro modelo é o do Hospital Dia. Tínhamos pacientes que aguardavam até sete meses, hoje a fila do hospital, que era de 150 pacientes, foi zerada e estamos ajudando a reduzir ou zerar as filas de outros hospitais”.

 

CONTINUE LENDO


Profissionais serão selecionados para atuar em policlínicas

(Foto: Reprodução)

Cerca de 220 profissionais serão selecionados para trabalhar em quatro novas policlínicas de Saúde, com salários que podem chegar a R$10 mil. A representante da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (SESAB), Joana Molesine, afirmou que, em breve, o edital será lançado e a seleção vai contratar médicos (diversas especialidades), enfermeiros, técnicos de enfermagem, nutricionista, farmacêutico, ouvidor, psicólogo, assessor técnico, assistente administrativo e técnico em radiologia. Essas unidades têm previsão de inauguração no primeiro semestre de 2019. Para a realização da seleção que visa a contratação dos profissionais, os presidentes dos consórcios de saúde das regiões de Vitória da Conquista, Juazeiro, Jacobina e Paulo Afonso assinaram contrato com a Fundação de Apoio à Educação e Desenvolvimento Tecnológico (CEFET). As policlínicas são iniciativas do governo do Estado, executadas pela SESAB, que visam suprir a lacuna que existe entre a atenção básica e a média complexidade. Neste modelo de financiamento, o Estado investe na construção e aquisição de equipamentos e micro-ônibus, além de custear 40% da manutenção. Aos municípios consorciados cabe o rateio dos 60% restantes da manutenção da policlínica. São oferecidas consultas em até 18 especialidades diferentes, além de exames como ressonância magnética, tomografia computadorizada, ultrassonografia, ecocardiografia, eletroencefalograma, endoscopia e colonoscopia. Para o deslocamento dos pacientes, são disponibilizados micro-ônibus com ar-condicionado que buscam os moradores nos seus municípios e os levam até as policlínicas. Após as consultas, eles são levados de volta para suas residências.



Dia Internacional de Luta contra a Aids: prevenção ainda é o melhor remédio

(Foto: Reprodução)

Quando falamos em AIDS muitas coisas nos vêm à mente. O tabu e o preconceito relacionados aos pacientes acometidos pela patologia e, até mesmo, as mortes de grandes artistas contemporâneos, como as dos cantores Freddy Mercury, Cazuza e Renato Russo, que foram vítimas da AIDS em uma época em que a epidemia se alastrava de forma vertiginosa em todo o mundo, são temas que ainda têm um grande impacto emocional em todos nós. Para desmistificar o assunto e esclarecer a população sobre os principais meios de exposição ao vírus HIV, causador da doença, e os métodos preventivos disponíveis, no dia 1 de dezembro é celebrado o Dia Internacional da Luta contra a AIDS. A data foi instituída em 1987 pela Organização Mundial da Saúde (OMS), com o apoio da Organização das Nações Unidas (ONU). No Brasil, desde 1988, o Ministério da Saúde aproveita a ocasião para promover ações de conscientização relacionadas a esta que ainda é uma das doenças mais letais que conhecemos.

Embora a mortalidade por conta da AIDS no Brasil tenha caído 7,2%, a partir de 2014, de acordo com o Boletim Epidemiológico HIV AIDS 2017, publicado pela Secretaria de Vigilância em Saúde (Ministério da Saúde), principalmente devido às boas políticas públicas de saúde e assertividade dos tratamentos, muitas pessoas ainda são negligentes quando o assunto é prevenção. Dados do Ministério da Saúde apontam que, entre 2007 e 2016, foram registrados mais de 136 mil novos casos de infecção por HIV no País. A principal via de transmissão do HIV, é, sem dúvida, a prática de qualquer relação sexual sem proteção, independentemente de haver ou não penetração.

 

Nesse cenário, a melhor forma de prevenção ainda é o uso da camisinha, embora o seu uso esteja ficando cada vez mais impopular, principalmente entre os jovens brasileiros. Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (Pense), divulgada pelo IBGE e realizada com estudantes do 9o ano do ensino fundamental, mostrou que 33,8% dos entrevistados, jovens entre 13 e 17 anos de vida sexual ativa, não haviam utilizado o preservativo em sua última transa, o que é extremamente preocupante. Como principais justificativas, falta de informação e de preocupação, além do tradicional descuido foram citadas, embora, na prática, a eficácia da medicação dê uma falsa ideia de que os riscos de contaminação também diminuíram ao longo dos anos.  As informações são de 2015, mas ainda são bastante atuais.

 

Não podemos esquecer também que existem outras maneiras de infecção, como o compartilhamento de seringas por usuários de drogas, o momento do parto (transmissão vertical) e, até mesmo, uma transfusão de sangue. Portanto, todo cuidado é pouco. No caso de exposição ao risco de contágio, é recomendado que um médico seja imediatamente consultado. Para o diagnóstico, é necessário um exame de sangue ou da mucosa bucal para detecção dos anticorpos. A primeira etapa consiste em um teste rápido (anti-HIV) e, em caso de resultado positivo, realiza-se o Western Blot ou ELISA para a confirmação. Uma vez detectado o HIV, um infectologista deve ser acionado e o tratamento iniciado imediatamente.

 

Em geral, é indicada uma combinação de drogas antirretrovirais, que deve ser ingerida diariamente, sempre no mesmo horário. Atualmente, essas medicações são bem toleradas pelo organismo e fáceis de ministrar, com poucos efeitos colaterais, como enjoo ou alteração intestinal. Geralmente, os primeiros sintomas da contaminação pelo vírus são as chamadas doenças oportunistas. Ao destruir as células de defesa, o HIV impacta diretamente na imunidade do indivíduo, abrindo caminho para que estas patologias se instalem. Dentre as mais comuns, podemos citar a pneumocistose, a toxoplasmose, o Sarcoma de Kaposi e a tuberculose. As primeiras reações são febre persistente, tosse seca, garganta arranhada, suor noturno, rápida perda de peso, náusea, queda de energia, entre outras.

 

Muitas vezes, as pessoas ficam anos com o vírus incubado, sem apresentar sintomas. Por isso é sempre recomendada a realização de exames periódicos. Uma das principais novidades no tratamento da AIDS é a Profilaxia Pré-Exposição (PrEP) ou pílula anti-HIV, que é distribuída pelo Ministério da Saúde desde 2017 a todas as pessoas que apresentam risco da exposição ao vírus. No entanto, mesmo com a medicina em constante evolução, a prudência não deve ser descartada. Embora a eficácia da PrEP seja reconhecida cientificamente, a prevenção ainda é o melhor remédio.

CONTINUE LENDO


Grande fila é formada para atendimento gratuito de prevenção contra o câncer em Salvador

No local, os participantes podem se vacinar contra HPV e hepatite B, fazer testes rápidos de HIV e sífilis, avaliação de glicemia, aferição de pressão, orientação sobre nutrição e dieta, entre outros

Uma grande fila com pessoas que desejam atendimento gratuito para prevenção contra o câncer foi formada na manhã deste domingo (25), no Parque da Cidade, no bairro do Itaigara, em Salvador. As pessoas buscam atendimento da ação intitulada "Troque medo por esperança", que tem como objetivo informar a população sobre a prevenção, diagnóstico precoce e tratamento adequado sobre vários tipos de câncer. O atendimento é gratuito. No local, os participantes podem se vacinar contra HPV e hepatite B, fazer testes rápidos de HIV e sífilis, avaliação de glicemia, aferição de pressão, orientação sobre nutrição e dieta, entre outros serviços médicos. A ação é nacional e organizada pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Oncológica (SBCO). Os atendimentos acontecem das 8h às 13h, com 200 voluntários e 50 cirurgiões oncológicos e outros especialistas. Nas tendas instaladas no local, a população poderá ter esclarecimentos sobre câncer de boca e laringe, câncer na mulher, câncer no homem, prevenção ao câncer, orientação sobre endoscopias e colonoscopias. Haverá, ainda, apresentação de bandas da Aeronáutica, da Marinha e do coral de pacientes do Hospital Aristides Maltez, projeção de filme educativo sobre como prevenir e identificar os principais tipos de câncer, apresentação de operações e equipamentos militares pelos Fuzileiros Navais e Polícia Militar, distribuição de material informativo e atividades físicas.



Centro Médico São Gabriel realiza café da manhã em alusão ao Novembro Azul

O Centro Médico São Gabriel é referência regional em saúde (Foto: Luciano Santos | 97NEWS)

Com um histórico de muita positividade na área de saúde em Brumado, o Centro Médico São Gabriel, que já está no mercado há cerca de 12 anos, vem desenvolvendo um trabalho de excelência, o que a torna uma referência regional. Neste sábado (24), dentro do portfólio de serviços realizados, o CMSG, em alusão à Campanha do Novembro Azul,  ofereceu um sortido café da manhã para os clientes. Com um foco especial no público masculino, foram feitas minis palestras e um bate-papo muito interessante ressaltando a importância do exame preventivo. Falando ao 97NEWS, o urologista Dr. Ricardo Ferraz sublimou que “a campanha que foi criada na Austrália visando conscientizar os homens para que, uma vez por ano, façam o exame de próstata, ganhou hoje uma dimensão mundial e vem quebrando os paradigmas do passado”. Ele continuou explicando que “só neste ano de 2018 foram diagnosticados 68 mil casos no Brasil, com 13 mil mortes, o que são dados preocupantes”. O médico ainda destacou que “vale ressaltar que os homens com histórico da doença na família têm duas vezes mais riscos que os outros”. 

O médico urologista, Dr. Ricardo Ferraz ressaltou a importância do diagnóstico precoce da doença (Foto: Luciano Santos | 97NEWS)

Questionado sobre se o tabu que amedronta muitos homens ainda é grande, ele respondeu que “hoje os homens estão se conscientizando que é muito melhor viver e viver com qualidade quando se chega a terceira idade do que ficar em cima de um leito esperando a morte chegar, pois o câncer de próstata mata e, diferente de um infarto fulminante, ele mata com muito sofrimento, não só para os acometidos pela doença, mas também toda a família”. E finalizou observando que “a boa notícia é que, com o diagnóstico precoce, especialmente se o tumor estiver confinado na próstata, existe uma grande possibilidade de cura, por isso a importância dos homens fazerem o exame”. O Centro Médico São Gabriel oferece um serviço de alta qualidade na realização do exame, então, os homens que estiveram com 45 anos ou mais podem procurar a sede da empresa que fica na Praça dos Meiras, no centro de Brumado ou ligar para os números: (77) 3441-1502 ou 9.9925-8807.

Os clientes degustaram um sortido café da manhã (Foto: Luciano Santos | 97NEWS)


Edital do Mais Médicos tem 92% das vagas preenchidas, diz ministério

Foto: Reprodução

O novo edital para vagas no programa Mais Médicos já tem 92% das vagas preenchidas, de acordo com balanço divulgado pelo Ministério da Saúde na sexta-feira (23). Até as 17h, 25.901 interessados com registro no Conselho Regional de Medicina (CRM) no Brasil estavam inscritos. No edital, foram oferecidas 8.517 vagas para atuação em 2.824 municípios e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEI), que antes eram ocupadas por médicos da cooperação com Cuba. As inscrições podem ser feitas até o dia 7 de dezembro. "Com a alta procura e a apresentação imediata do médico ao município, a expectativa é de suprir a ausência do médico cubano com o médico com CRM o mais rápido possível", comentou o ministro da Saúde, Gilberto Occhi.



Dois casos de sarampo são confirmados no sul da Bahia

A Bahia tem um histórico positivo na vacinação (Foto: Divulgação)

Duas pessoas tiveram diagnóstico de sarampo confirmado na cidade de Ilhéus, sul da Bahia, segundo a Secretária da Saúde (Sesab). O último registro da doença no estado tinha sido em 1999. De acordo com a secretaria, os pacientes estão contaminados com o tipo selvagem do sarampo. Em setembro, um amazonense foi diagnosticado com o mesmo tipo do vírus, também em Ilhéus. Ele já chegou ao estado doente. Portanto, o caso é considerado "importado". Segundo a Sesab, as duas pessoas tiveram contato indireto com esse paciente amazonense, por estarem no mesmo local de trabalho, e podem ter sido contaminadas por ele. Segundo o G1, a suspeita inicial era de que o vírus dos dois pacientes pudesse ser vacinal porque eles foram vacinados recentemente. Um exame realizado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no entanto, comprovou que o vírus tem mesmo genótipo da doença do paciente do Amazonas. A Sesab recomendou que os municípios façam notificação imediata de todos os casos que possam ser suspeitos e apresentem sintomas da doença, como febre e erupções na pele, acompanhadas de tosse, coriza ou conjuntivite. 



Barreiras tem oito postos de saúde fechados após saída de médicos cubanos

Placa avisa sobre suspensão de atendimento em posto de Barreiras — Foto: Reprodução/TV Oeste A ajudante de cozinha Thais Tavares foi pega de surpresa. "A gen

Oito postos de saúde do município de Barreias, na região oeste da Bahia, onde apenas médicos cubanos trabalhavam, suspenderam o atendimento à população, nesta semana, após a saída dos profissionais. Os cubanos deixaram as unidades depois que o governo de Cuba anunciou que os médicos do país não participariam mais do programa Mais Médicos, do governo federal brasileiro, na última semana. Os médicos já começaram a deixar o estado. Uma das unidades de Barreiras que suspenderam o atendimento foi o posto de saúde Clara Cecília, que fica localizado no bairro Vila Rica, em Barreias, no oeste da Bahia. O único cubano que trabalhava no local foi dispensado na terça-feira (20). Quem foi até o posto na manhã desta quarta-feira (21) teve que voltar para casa sem ser atendido. Do lado da porta da unidade de saúde, um cartaz foi colocado com a seguinte mensagem: "A partir de hoje, não terá mais atendimento médico e isso é por tempo indeterminado".



Em um ano de atividade, Policlínica de Teixeira de Freitas já realizou 76 mil exames e consultas

A Policlínica Regional de Saúde em Teixeira de Freitas, a primeira da Bahia, já realizou mais de 76 mil exames e consultas desde o início das atividades, em 17 de novembro de 2017. Foram 33.127 exames e 43.277 consultas médicas em um ano, contemplando moradores de 13 municípios da região. Para marcar a data, a unidade está promovendo uma campanha destinada à captação de medula óssea, em parceria com a Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba).  A inauguração da unidade no extremo sul do estado foi o primeiro passo para a descentralização da saúde na Bahia. Atualmente oito policlínicas estão em atividade e outras 12 em construção. “A policlínica presta um serviço ambulatorial especializado de forma humanizada, conforme todas as diretrizes do Sistema Único de Saúde [SUS]. A gente prioriza também o ensino e a pesquisa. Trabalhamos com equipamentos orçados em mais de R$ 3,5 milhões, os melhores do país, e nos preocupamos com a humanização do local”, explica a diretora da policlínica em Teixeira de Freitas, Lizandra Amin. A unidade oferece exames como colonoscopia, eletrocardiograma, endoscopia digestiva alta, ergometria, holter, mamografia, raio x, ressonância magnética com contraste e tomografia. “Já iniciamos o tratamento do pé diabético e temos a ultrassonografia”, acrescenta Amin. A equipe médica é formada por 18 profissionais, divididos em 16 especialidades: angiologista, cirurgião-geral, endocrinologista, gastroenterologia, ginecologia, obstetrícia, dermatologia, hematologia, mastologia, oftalmologia, neuropediatra, ortopedia, otorrinolaringologia, pneumologia, reumatologia e urologia.

 

Municípios 

O atendimento alcança os moradores de Caravelas, Alcobaça, Ibirapuã, Itamaraju, Itanhém, Jucuruçu, Lajedão, Medeiros Neto, Mucuri, Nova Viçosa, Prado, Teixeira de Freitas e Vereda. “São mais de 500 mil baianos. Quem vive fora de Teixeira de Freitas conta com ônibus com ar-condicionado, que faz o traslado todos os dias, gratuitamente, para levar do município até a policlínica e depois retornar para casa”, informa Amin.

Cada município da região, explica a diretora, montou seu sistema de regulação, marcando o dia e o horário na policlínica. “Além da garantia do exame e da consulta, o paciente sabe exatamente o horário em que vai ser atendido”.

Descentralização da saúde

O prefeito de Teixeira de Freitas, Temóteo Brito, ressalta que o município “está às margens da BR-101 e é a porta de entrada do desenvolvimento do Norte e Nordeste. Então, a policlínica é importante para toda a região. Eu fico muito feliz quando vejo o povo satisfeito. Todos os prefeitos estão satisfeitos e contribuindo com a sua parte para que a policlínica continue funcionando muito bem”.

Antes da unidade, revela Temóteo, a despesa da Prefeitura com saúde era grande, pois precisava levar os pacientes para outros lugares. “O povo tinha que ir para Salvador, Vitória, Belo Horizonte, São Paulo, Rio de Janeiro. Era um sofrimento muito grande. Agora, tudo é resolvido aqui. Além da policlínica, o governador Rui Costa, juntamente com o secretário Fábio Vilas-Boas, anunciou que será construído aqui também o Hospital de Base”.

Novas policlínicas 

As outras policlínicas funcionam em Guanambi, Irecê, Jequié, Feira de Santana, Alagoinhas, Santo Antônio de Jesus e Valença. Estão em construção as unidades em Barreiras, Juazeiro, Paulo Afonso, Senhor do Bonfim, Jacobina, Vitória da Conquista, Itabuna, Simões Filho, Ribeira do Pombal, São Francisco do Conde e duas em Salvador, sendo uma no bairro de Escada e outra em Narandiba.

O plano do Governo do Estado até 2022 é construir mais 4 policlínicas em locais a serem definidos. A média de investimento em cada unidade é de R$ 25 milhões.

CONTINUE LENDO


Efeito Bolsonaro: Cuba confirma fim da parceria com o Brasil no Programa Mais Médicos

Com isso os seis médicos cubanos que atuaram no município irão voltar para o seu país de origem (Foto: 97NEWS Conteúdo)

Em nota divulgada pelo Ministério da Saúde do país caribenho, a decisão é atribuída a questionamentos feitos pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), à qualificação dos médicos cubanos e à exigência de revalidação de diplomas no Brasil. Pelas regras do Mais Médicos, profissionais sem diploma revalidado só podem atuar nas unidades básicas de saúde vinculadas ao programa "nos primeiros três anos", como "intercambistas". A renovação por igual período só pode ser feita caso esses profissionais tenham o diploma revalidado e o aval de gestores nos municípios. No ano passado, o STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu que a ausência de revalidação do diploma era constitucional. Um dos programas mais conhecidos na saúde, o Mais Médicos foi criado em 2013, na gestão da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) para ampliar o número desses profissionais no interior do país. Cerca de 18 mil médicos atuam no programa -destes, 45% são brasileiros e 47% são cubanos, vindos ao Brasil por meio de cooperação com a Opas (Organização PanAmericana de Saúde). Os demais são intercambistas estrangeiros. Na nota, o governo cubano afirma que, desde sua implantação, 20 mil profissionais atenderam a mais de 113 milhões de brasileiros, residentes, especialmente, em regiões carentes. O Ministério de Saúde de Cuba lista a atuação de seus médicos em países da América Latina e África. O governo cubano chama de inaceitáveis as ameaças de alterações no termo de cooperação firmado com a Opas e diz que o povo brasileiro saberá a quem responsabilizar pelo fim do convênio.  



Novembro Azul: conheça direitos do INSS para portadores de câncer de próstata?

(Imagem: Luciano Santos | 97NEWS)

O mês de novembro é marcado pelas campanhas de conscientização sobre o câncer de próstata, segunda maior causa de morte por câncer entre homens no Brasil. Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA), estima-se que mais de 68 mil novos casos foram diagnosticados no país em 2018. Além dos alertas direcionados para prevenção e diagnóstico, é preciso também informar pacientes diagnosticados com o tumor sobre direitos e benefícios.?De 2008 a 2015 a Previdência Social pagou mais de R$ 58 milhões para pacientes em tratamento, o que totaliza cerca de 48 mil benefícios concedidos.?Porém, muitos pacientes desconhecem os benefícios aos quais têm direito. O advogado especialista da plataforma Previdenciarista (https://previdenciarista.com/), Átila?Abela, listou os principais. Confira:

 

 

Auxílio-doença?

Para os homens diagnosticados e impossibilitados de trabalhar temporariamente, o auxílio-doença é garantido mensalmente ao segurado com câncer, desde que comprovada a impossibilidade de atuação na atividade profissional habitual. “Para contribuintes individuais, como profissionais liberais e empresários, a Previdência Social também manterá o benefício por todo o período de incapacidade laborativa, desde que o mesmo requeira o benefício e realize os pedidos de prorrogação enquanto perdurar a incapacidade temporária”, explica o advogado. 

Aposentadoria por invalidez?

Já para os segurados que passam por graves cirurgias ou que ficam impossibilitados de trabalhar por outras consequências, de forma total e permanente, é possível a concessão de aposentadoria por invalidez. “Para ter direito ao benefício, o segurado precisa ter iniciado as contribuições antes da incapacidade laborativa ocorrer, tendo direito a aposentadoria por invalidez independentemente de ter realizado as 12 contribuições estabelecidas como regra geral, pois o câncer está dentre as doenças graves que dispensam o cumprimento da carência”, afirma o especialista.?

Auxílio?acompanhante (adicional de 25%)?

Além dos benefícios acima, o segurado aposentado por invalidez que necessitar de um cuidador pode solicitar também o adicional de 25% previsto na Lei nº 8.213/91, mesmo quando o valor da aposentadoria for de um salário mínimo ou até mesmo teto previdenciário.??

Requerimento do benefício?

Para requerer benefício por incapacidade, o segurado precisará passar por um exame médico pericial no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Por ser um processo burocrático e delicado, levando em consideração todas as situações emocionais que cercam a pessoa diagnosticada com câncer de próstata, é sempre indicado contar com a ajuda de um profissional especializado.?

Sobre o?Previdenciarista??

O?Previdenciarista?(https://previdenciarista.com/) é um site de consultoria especializado em Direito Previdenciário para advogados. Com mais de 2200 modelos de petições previdenciárias práticas e objetivas, usadas em casos reais e com clientes reais que ganharam processos, a plataforma está no ar desde 2013 e foi desenvolvida a partir dos mais de 15 anos de experiência dos seus fundadores; Renan Oliveira e?Átila?Abella. Em 2017 o site obteve mais de 2 milhões de visitas e cerca de 6 milhões de visualizações de páginas.??

CONTINUE LENDO


Hábitos saudáveis ajudam a evitar câncer de Próstata; 68 mil novos casos surgem no país

Foto: 97NEWS

O câncer de próstata é um dos tipos mais frequentes da doença que atinge os homens por todo o país. O Instituto Nacional de Câncer (INCA) estima mais de 68 mil novos casos dessa doença para os anos de 2018 e 2019. Esses valores correspondem a um risco estimado de aproximadamente 66 casos novos para  cada 100 mil homens. Mas a boa noticia é que  existem formas de prevenção contra essa doença. São hábitos simples, mas que podem ajudar a salvar vidas. Segundo os médicos, para evitar o câncer de próstata, vida saudável, alimentação balanceada, exercícios físicos e evitar engordar. A obesidade hoje, já é sabida, que com as complicações naturais como aumento de colesterol, como aumento das taxas glicêmicas levando à diabetes, essa descompensação é um fator predisponente para o câncer de próstata. O câncer de próstata é considerado uma doença da terceira idade, já que  grande parte dos casos no mundo ocorrem a partir dos 65 anos. Se você sentir dificuldade em urinar ou necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou à noite, deve procurar um médico urologista o quanto antes. E lembre-se, vida saudável.



Consumo desenfreado da Ritalina pode tirar medicamento das farmácias e promover o tráfico

Em Brumado ainda não existem dados oficiais sobre um aumento acima do normal da venda do remédio (Foto: Divulgação)

Em dez anos, a importação e a produção de metilfenidato - mais conhecido como Ritalina, um de seus nomes comerciais - cresceu 373% no País. A maior disponibilidade do medicamento no mercado nacional impulsionou um aumento de 775% no consumo da droga, usada no tratamento do transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH). Os dados são de pesquisa do Instituto de Medicina Social da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ). O remédio é usado sobretudo em crianças e adolescentes, os mais afetados pelo transtorno. Para especialistas, a alta no uso do medicamento reflete maior conhecimento da doença e aumento de diagnósticos, mas também levanta o alerta de uso indevido da substância, até por pessoas saudáveis que buscam aumentar o rendimento em atividades intelectuais. A Bahia segue a tendência nacional e, em várias cidades de Salvador, o remédio, que é considerado por muitos como uma droga, não é encontrado o que vem favorecendo o tráfico do medicamento, que só deveria ser vendido com a apresentação de receita médica, mas, isso vem sendo desrespeitado. A negociata da Ritalina, de tão fácil, não parece ter as consequências consideradas por quem usa sem prescrição. Sem determinação médica adequada, as consequências da ingestão do remédio variam de simples dores de cabeça até a possibilidade de um ataque cardíaco, explica a psiquiatra Paola Robatto. O problema é que o próprio diagnóstico de TDHA, por exemplo, pode ser incorreto. Não há exames específicos para determinar a doença. Então, os próprios pacientes começaram a simular quadros similares aos de portadores da deficiência. Existem locais que um comprimido é vendido por R$ 15,00, o que vem atraindo cada vez mais os compradores. Em Brumado não se tem notícias oficiais sobre o aumento da venda da Ritalina, mas alguns indícios apontam nesse sentido. O 97NEWS irá fazer um apanhado da real situação na cidade buscando ouvir vários proprietários de farmácias para que se tenha um real quadro da situação local.