ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Brumado: Homicídio na madrugada deste domingo (22)

Caminhão limpa fossa cai na represa de esgoto em Livramento de Nossa Senhora

Salvador: Primeira Maratona tem 3,5 mil inscritos e prefeitura quer tornar evento um dos maiores do Brasil

Apesar de fundo de R$ 1,7 bi, líderes partidários afirmam que caixa 2 continuará a existir

Conquista: Oficina sobre Desenvolvimento Social, Políticas para Mulheres e Igualdade Racial reúne 31 municípios da região Sudoeste

Proximidade das eleições de 2018 fez estados desistirem de privatizações

Está chegando a hora: Mega Estrutura da Arena Safadão começou a ser montada na manhã deste sábado (21)

Guarda Municipal de Brumado realiza a distribuição de milhares de brinquedos arrecadados na Campanha 'Doe brinquedos e ganhe sorrisos'

Jovem é morta a tiros na noite desta sexta em Poções; Vítima foi identificada

`A educação pública brasileira está sendo dilapidada´, afirma Waldenor

Justiça nega habeas corpus à empresário brumadense `Cézar de Lim´

Oito pessoas são presas em flagrante durante operação contra pedofilia em Salvador

Com Finados chegando, situação da infraestrutura do Cemitério Jardim Santa Inês é crítica; terceirização é provável

Casal de pastores é indiciado por estupros: 'Sacrifício de Abraão'

Estudantes mortos em escola serão enterrados neste sábado (21)

'Infelizmente, o candomblé continua sendo alvo de discriminação religiosa em Brumado', afirma babalorixá Dionata de Xangô

Vereadora Lia Teixeira: 'os enfermeiros da rede pública são fundamentais para o bom andamento da Saúde de Brumado'

Esgoto rompe bem debaixo de poste da Coelba no Brisa IV

Brumado: Enfermeiros da rede pública vão ao Legislativo pedir apoio dos vereadores em defesa do SUS

Goiânia: Filho de PM que sofria `Bullying´ atira em colegas dentro de escola e deixa dois mortos e feridos



BUSCA PELA CATEGORIA ""

Sistemas de abastecimento de água na zona rural serão ampliados fruto de parceria entre CERB e Prefeitura de Brumado

(Foto: Divulgação)

A zona rural de Brumado tem merecido uma atenção especial por parte dos poderes executivos e legislativo, que têm tido a preocupação de buscarem melhorias para o fortalecimento do homem no campo, principalmente no que tange a área de abastecimento de água. Em audiência na CERB com o diretor de saneamento, Dr. Antônio Eduardo estiveram o presidente da Câmara de Vereadores, Léo Vasconcelos acompanhado dos vereadores Lia Teixeira e Wanderley Amorim e do Superintendente de Política do Agronegócio da Secretaria de Agricultura, pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura – SEABRI, Guilherme Bonfim com o propósito de solicitarem abertura de poços artesianos e ampliações de rede de água da EMBASA. Na oportunidade foi exposto a grande necessidade destes benefícios para que o homem do campo tenha melhores condições de convivência com a seca e água de qualidade para consumo. A vereadora Lia Teixeira direcionou sua solicitação para as localidades de Imbé, Angico e Algodões, referenciando seus pedidos e destacando a necessidade das comunidades em razão da grande carência de água. Os parlamentares foram agraciados com a importante notícia da liberação da ampliação do sistema do sistema de água que saíra da localidade de Lagoa Funda para as regiões de Riachão e Ariri, solicitação do vereador Luiz Carlos “Palito”, que não pode estar presente na audiência. O projeto será executado pela prefeitura municipal com a concessão dos canos pela CERB – Companhia de Engenharia Ambiental e Recursos Hídricos da Bahia. Para os parlamentares foi uma audiência muito promissora e que, com certeza, será revertida em benefícios para Brumado.   

 



Ministério Público Federal pede nova prisão de Geddel

(Foto: Reprodução)

Um dia após o Tribunal Regional Federal da Primeira Região (TRF-1) autorizar a saída de Geddel Vieira Lima da Papuda, o Ministério Púbico Federal pede nova prisão preventiva contra o ex-ministro de Michel Temer. Para os procuradores Anselmo Lopes e Sara Moreira Leite, novos elementos colhidos na investigação mostram que Geddel cometeu os crimes de exploração de prestígio e tentou embaraçar às investigações. Os procuradores se baseiam nos depoimento do corretor Lúcio Bolonha Funaro e de sua esposa, Raquel Pitta. Os dois detalharam os contatos feitos pelo ex-ministro. Segundo o MPF, em depoimento, Funaro afirmou que Geddel "alegou exercer influência criminosa sobre o Poder Judiciário da União". O corretor narrou à PF que, após a realização de sua audiência de custódia, Geddel mandou mensagem via "WhatsApp" reclamando da troca de advogado de Funaro e disse que, com a entrada da nova defensora, tinha "ficado ruim para o juiz". No entendimento do MPF, a revelação de Funaro mostra que Geddel tentava monitorar o ânimo do corretor em fazer possível colaboração premiada e também alegava, perante ele e sua família, exercer (direta ou indiretamente) influência sobre decisões que interessariam à defesa do corretor, nos processos relacionados à Operação Sépsis, na qual este último é réu. "Observa-se, assim, que Geddel, ao protestar contra a troca do patrono de Funaro, insinua ter a capacidade de influenciar decisões do Poder Judiciário, agindo como verdadeiro vendedor de 'fumaça', indicando, inclusive, que teria, com a troca de advogados, 'ficado ruim para o Juiz", afirma o MPF. Ainda de acordo com o MPF, o "Juiz" citado por Geddel "deve ser entendido como magistrado, ou seja, membro do Poder Judiciário." "Assim, não se sabe ao certo, nesse possível contexto de tráfico de influência aplicado ao Poder Judiciário (no caso, possível conduta penal de exploração de prestígio), a qual magistrado Geddel Vieira Lima invocava exercer influência: se a magistrado da 10ª Vara Federal, se a magistrado que compõe a Turma Julgadora de processos das Operações Sépsis e Cui Bono no Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), ou, ainda se a magistrados de Cortes Superiores", completam os procuradores.



Zé Raimundo: 'A defesa de Lula é a defesa do estado de direito'

(Foto: Reprodução)

Indignação e revolta são os sentimentos expressados pelo deputado estadual Zé Raimundo diante da  sentença do Juiz Sérgio Moro, condenando o ex-presidente Lula. "Não só temos a convicção da inocência do Lula como também a certeza de que ele será absolvido na instância superior, corrigindo essa decisão tendenciosa, politicamente, e frágil, processualmente, de acordo com ordenamento jurídico pátrio, que é cristalino em não admitir condenação sem provas", reagiu. Zé Raimundo lembrou que foram Lula, Dilma e o PT que fortaleceram os órgãos e a legislação para combater a corrupção, inclusive a Lei de delação, que na sua opinião vem sendo usada de forma distorcida e premeditadamente  contra as lideranças do PT. "Grande parte da elite, da burocracia incrustada no judiciário, e da mídia,  está a serviço dos poderosos e contra o modelo de inclusão social e de democracia efetiva que incorpore o povo nas decisões estratégicas de interesse nacional", observou o deputado. Segundo Zé Raimundo, a tentativa de condenar o Lula "faz parte do retrocesso político que começou com o golpe do impeachment de Dilma e continua com as reformas anti-populares da previdência e trabalhista, patrocinadas pelo governo golpista do PMDB/DEM/PSDB/PPS e outros. Nesse momento de profunda crise econômica e política os grupos conservadores querem jogar nas costas das classes médias baixas, assalariadas e pobres mais sofrimentos e penúrias. A defesa de Lula é a defesa do Estado Democrático de Direito e de uma sociedade com mais oportunidade e igualdade para todos", defende.

 



Unidade da Farmácia Popular em Brumado será extinta no próximo dia 31 de julho

(Foto: 97NEWS Conteúdo)

A partir do dia 31 de julho de 2017, a unidade da Rede Própria do Programa Farmácia Popular do Brasil encerrará suas atividades em Brumado. O encerramento se deve ao cancelamento do programa previsto pelo Governo Federal. Para adquirir os medicamentos gratuitos ou com valores reduzidos, a população deverá se encaminhar às farmácias conveniadas com o Programa Aqui Tem Farmácia Popular.



Brumado: Ponte do São Jorge, uma aberração histórica-estrutural que ainda perdura; apesar de prometida a reforma ainda não aconteceu

A ponte está totalmente ultrapassada e não comporta mais o grande fluxo de veículos (Foto: Luciano Santos | 97NEWS)

Um dos grandes gargalos na área de infraestrutura urbana em Brumado é, certamente, a ponte do Bairro São Jorge, que é considera inclusive uma aberração histórica-estrutural. Anacrônica e fora do atual contexto arquitetônico da mobilidade urbana, a referida ponte é o elo de ligação importante com a BR-030 e com um dos bairros mais populosos da cidade, o Dr. Juracy que abriga os conjuntos residenciais do Brisa (I,II,III e IV), que foram recentemente construídos e aumentaram sobremaneira o fluxo de moradores e, consequentemente, o tráfego de veículos. Então, diante disso, foi feita uma promessa no final do ano de 2016 de que a ponte seria totalmente reformada e ampliada com verbas oriundas do Ministério das Cidades. Isso até agora não aconteceu, o que vem revoltando os moradores que exigem que a obra seja realizada com urgência, já que está trazendo grandes transtornos. "Como que Brumado pode ter uma situação como essa, de uma ponte em curva, que só passa um veículo, na verdade ela tinha que ser destruída e construída uma nova, mas isso seria sonhar demais, já que nem a reforma ainda aconteceu", esbravejam. Enquanto nenhum representante política encara o desafio, a situação continua como pode ser observado no vídeo abaixo: 



Brumado poderá ter dobradinha inédita nas eleições 2018

O advogado Dr. Tiago Amorim (esquerda) e o ex-vereador Castilho Viana podem fazer história se realmente fizerem uma dobradinhas nas eleições 2018 (Foto: Daniel Simurro | 97NEWS)

O atual estado das coisas na política nacional está gerando uma onda de transformações e a formação de uma nova consciência, a qual, tem na força da juventude um elemento muito importante, já que as novas gerações serão responsáveis pelo futuro da nação. Em Brumado, a participação dos jovens na política local ainda está muito distante do esperado, mas esse paradigma pode estar começando a ser desfeito, já que existem fortes articulações nos bastidores que apontam nesse sentido. Diante disso, uma das possibilidades, nesse momento, mais factíveis, viria logo em dose dupla, já que seriam duas lideranças jovens que são filhos da terra e que poderão ir para uma futura disputa política, que são o advogado, atual presidente do PSD, o Dr. Tiago Amorim e o ex-vereador Castilho Viana (PSB). O 97NEWS entrou em contato com os dois, que não negaram a possibilidade dizendo “realmente já temos um planejamento nesse sentido, mas ainda não decidimos quem irá para federal ou estadual, vamos analisar bem a situação e fazer a definição no momento oportuno”. Questionados sobre os motivos que o levariam a enfrentar esse grande desafio, eles falaram que “a falta de representatividade política em Brumado é inquestionável. Esse é o motivo principal para começarmos a pensar numa possível candidatura para sermos uma nova oposição e buscarmos com mais firmeza e intensidade novos rumos para o município que está parado no tempo e com sua população desesperançada”. Sobre uma possibilidade de mudança de sigla partidária para rumarem no mesmo partido eles responderam que “isso não está descartado, pois poderemos buscar novos rumos para caminharmos juntos nessa empreitada, mas ainda não tem nada decidido”. 



Rui manifesta solidariedade a Lula: “perseguição política e condenação sem prova”

(Foto: Daniel Simurro | 97NEWS)

O governador Rui Costa expressou, na tarde desta quarta-feira (12), sua solidariedade ao ex-presidente Lula, ao tomar conhecimento da sentença do juiz federal Sergio Moro, que o condenou a 9 anos e seis meses e o proibiu de exercer cargo ou função pública nos próximos 19 anos, dentre outras medidas. “Lamento a decisão tomada pelo juiz Sérgio Moro, foi uma condenação sem prova. No contexto em que foi proferida, me parece muito mais uma perseguição política que uma decisão baseada em fundamentos técnicos. É mais uma tentativa de impedir a volta de Lula à Presidência, um clamor popular que incomoda aqueles que estão usufruindo das benesses do poder”, afirmou Rui. Na avaliação de Rui, a “decisão foi parcial e desrespeitosa contra um homem cuja história está ligada à luta dos trabalhadores, com uma trajetória política que ganhou destaque em nível mundial. A inclusão social e a sua trajetória na área pública são reconhecidas internacionalmente por instituições acadêmicas, políticas e em defesa dos direitos humanos graças à sua atuação combativa durante os oitos anos à frente da Presidência da República”, afirma. O governador lembra, ainda, que “ao longo dos oito anos na Presidência, Lula se consolidou como um fenômeno político em razão das políticas públicas implementadas em seu governo, promovendo maior redistribuição de renda e inclusão social, através de programas como o Bolsa Família, aumento dos empregos formais, elevação do salário mínimo e expansão do crédito. Além disso, avançou na área econômica, duplicando o crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) e ampliando as opções de educação superior para as camadas mais pobres da população”.



Geddel se livra de presídio e cumprirá prisão domiciliar

(Foto: Reprodução)

Preso desde 3 de julho, o ex-ministro Geddel Vieira Lima (Secretaria de Governo) teve pena de prisão preventiva alternada para a prisão domiciliar nesta quarta-feira, 12. A mudança no regime foi determinado pelo desembargador Ney Bello, do Tribunal Regional Federal de Brasília. Com a decisão, o ex-ministro deve deixar o presídio da Papuda, na capital federal, ainda nesta quinta-feira, 13. Na decisão, o magistrado atacou a tese de que Geddel deveria permanecer preso durante o julgamento da ação. “Ofende a língua portuguesa decretar prisão “preventiva” por atos de 2012 a 2015″, disse. “O fato do processo penal não poder se prestar à ineficácia e à morosidade não autoriza a Justiça a trabalhar por ficção”, diz a sentença. O mérito da ação, no entanto, ainda será julgado pelo desembargador. Geddel foi preso em desdobramento da Operação Cui Bono, que apura práticas criminosas na liberação de créditos e investimentos por parte de duas vice-presidências da Caixa Econômica Federal. 



Lula é condenado por Moro a 9 anos e seis meses, mas não vai ser preso

(Foto: Reprodução)

Aos 71 anos de idade, Luiz Inácio Lula da Silva foi condenado a 9 anos e seis meses de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. A condenação do juiz federal Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal, em Curitiba, é a primeira do ex-presidente na Operação Lava Jato. “Entre os crimes de corrupção e de lavagem, há concurso material, motivo pelo qual as penas somadas chegam a nove anos e seis meses de reclusão, que reputo definitivas para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva”, condenou Moro. “Absolvo Luiz Inácio Lula da Silva e José Adelmário Pinheiro Filho das imputações de corrupção e lavagem de dinheiro envolvendo o armazenamento do acervo presidencial, por falta de prova suficiente da materialidade.”É a primeira condenação de Lula na Lava Jato. O ex-presidente responde como réu em outro processo aberto por Moro e ainda um na Justiça Federal, no Distrito Federal. A força-tarefa da Lava Jato considera que Lula era o “líder máximo” do esquema sistematizado de corrupção descoberto na Petrobrás e replicado em outras estatais e negócios do governo federal. Por meio dos desvios e arrecadação de propinas, o petista teria garantido a governabilidade de sua gestão e a permanência no poder, com o financiamento ilegal das campanhas suas e de aliados. Nesse processo, Lula é condenado pelo crime de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Pelos pagamentos via triplex, ele teria praticado 3 vezes corrupção passiva entre 11 de outubro de 2006 a 23 de janeiro de 2012. Nesse mesmo negócio, o petista foi condenado por 3 vezes ter praticado crime de lavagem de dinheiro entre 8 de outubro de 2009 até 2017.

A confissão, em juízo, de Léo Pinheiro, foi devastadora para Lula nesse processo. Ex-presidente da OAS e empreiteiro do cartel alvo da Lava Jato com maior proximidade com Lula, ele afirmou categoricamente a Moro que que “o apartamento era do presidente”. “O sr. entende que deu a propriedade do apartamento para o presidente?”, indagou o advogado de Lula Cristiano Zanin Martins. “O apartamento era do presidente Lula. Desde o dia que me passaram para estudar os empreendimentos da Bancoop já foi me dito que era do presidente Lula e sua família e que eu não comercializasse e tratasse aquilo como propriedade do presidente”, afirmou o empreiteiro. O Edifício Solaris era da Cooperativa Habitacional dos Bancários (Bancoop), a cooperativa fundada nos anos 1990 por um núcleo do PT. Em dificuldade financeira, a Bancoop repassou para a OAS empreendimentos inacabados, o que provocou a revolta de milhares de cooperados – eles protestam na Justiça que a empreiteira cobrou valores muito acima do previso contratualmente. O ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto foi presidente da Bancoop. A ex-primeira-dama Marisa Letícia (morta em 2017) assinou Termo de Adesão e Compromisso de Participação com a Bancoop e adquiriu ‘uma cota-parte para a implantação do empreendimento então denominado Mar Cantábrico’, atual Solaris, em abril de 2005. Em 2009, a Bancoop repassou o empreendimento à OAS e deu duas opções aos cooperados: solicitar a devolução dos recursos financeiros integralizados no empreendimento ou adquirir uma unidade da OAS, por um valor pré-estabelecido, utilizando, como parte do pagamento, o valor já pago à Cooperativa. Em 2015, Marisa Letícia pediu a restituição dos valores colocados no empreendimento. Segundo Léo Pinheiro, a primeira conversa com Vaccari sobre o tríplex ocorreu em 2009. “O João Vaccari conversou comigo, dizendo que esse apartamento, a família tinha a opção de um apartamento tipo, tinha comprado cotas e tal, mas que esse apartamento que eles tinham comprado estava liberado para eu comercializar. E foi comercializado e foi vendido. E que o triplex, eu não fizesse absolutamente nada em termo de comercialização”, disse.

CONTINUE LENDO


Banheiro dos Horrores: Administrador do Mercado mostra indignação com a situação; ‘quem sofre tem que gritar e gemer’

O administrador do Mercado Municipal, Manoel 'Patinha' mostra indignação com a situação (Foto: 97NEWS)

A novela “Banheiro dos Horrores”, localizado no Mercado Municipal de Brumado, ganhou um novo capítulo neste final de semana, onde um problema ocorrido com as caixas d’água fez com que as unidades tivessem que ser fechadas, já que o refluxo dos excrementos impediu a sua utilização. Com isso, os usuários voltaram a protestar contra a situação que é classificada como um grande descaso com a população, já que milhares de pessoas utilizam o equipamento público todas as semanas. Diante desse novo episódio, a equipe do 97NEWS falou com o administrador do órgão, Manoel “Patinha” Gonsalves o qual admitiu que “quem sofre tem que gemer e chorar, pois, realmente, a situação é grave e precisa de uma urgente reparação. Eu não tiro a razão dos que reclamam, porque indiscutivelmente é um absurdo, que é agravado pelo alto índice de vandalismo”. Patinha ainda informou que “eu fui buscar solução junto à secretaria de infraestrutura, mas, até o momento, foram feitas só medidas paliativas”. E subindo o tom afirmou que “eu cuido deste mercado como se fosse a minha própria casa, por isso ficamos muito chateados com essa situação, pois as pessoas e os comerciantes necessitam usar o banheiro, mas, com essas constantes reclamações, as quais são pertinentes, ficamos chateados, pois o povo está bravo demais e com razão”. E finalizou deixando um suspense no ar relatando que “se vier outro para tomar conta do mercado e resolver os problemas eu entrego o cargo na hora, pois estou aqui para servir a população, então, espero que o problema do banheiro seja totalmente resolvido”. 



Após ter sido consagrado como Mister Bahia 2017, brumadense vai atrás do sonho de ser Mister Brasil

O jovem modelo brumadense Darlan Torres irá muito confiante para o Mister Brasil 2017 (Foto: Divulgação)

A busca da beleza estética teve um crescimento muito significante, atraindo milhares de novos praticantes na busca da integração saúde e força. Dentre da grande complexidade que o setor vem ganhando, os concursos são uma grande vitrine para os modelos em ascensão, que podem, por meio deles, fazer contratos publicitários e dar uma grande dimensão à sua carreira profissional. Em Brumado essa tendência também teve um forte crescimento, o que é comprovado por academias lotadas e a ampliação da rede de produtos que vivem na sua órbita. Comprovando o grande sucesso nesse sentido, uma celebração ocorreu no último domingo (09) em Salvador, onde o jovem modelo brumadense Darlan Torres (22), venceu de forma incontestável a versão 2017 do Mister Bahia, uma competição muito disputada que contou com 78 participantes de todo o estado. Darlan teve uma performance notável e a sua vitória é a premiação de anos de dedicação deste jovem brumadense que se desdobra entre as suas atividades físicas e seus estudos universitários, já que ele está cursando o 7º semestre de Medicina. Agora, após esse grande feito, Darlan que ir mais além e busca a sua participação no Concurso Mister Brasil 2017 que terá a sua 13ª edição realizada entre os dias 08 e 13 de agosto na paradisíaca cidade de Angra dos Reis, no luxuoso Hotel do Bosque. Darlan está muito animado, já que uma grande participação lhe credenciará para participar do Mister World 2017 e de outros concursos de grande envergadura como o Manhunt International e Mister International (Mister Model International & Mister International), Mister Universal Embassador, Mister Supranational e, caso ele consiga bons resultados, enveredar por uma carreira de modelo internacional. Mas para que ele conquiste esse sonho, ele irá precisar contar com parceiros que venham lhe dar o suporte para participar do Mister Brasil 2017, então, seria muito oportuno se conhecer a sua trajetória.

 

Darlan é um jovem muito alegre, de sorriso fácil e muito carismático (Foto: Divulgação)

 

Brumadense, Darlan Rodrigues Torres, de 22 anos, é filho de Telma de Souza Rodrigues, de 36 anos e neto de Maria Ludovica de Souza, de 64 anos. Estudante, saiu de Brumado aos 17 anos e foi estudar Medicina na FTC - Faculdade de Tecnologia e Ciência. Ele sempre sonhou em ser modelo, então foi se preparar para que o seu sonho se cristalizasse. Com seus 1m85c e o corpo bem definido, após bastante dedicação e boa alimentação, ele foi participando de vários concursos de moda, ganhando assim experiência profissional. Darlan gosta de praticar esportes, sendo um fã incondicional do voleibol, também gosta de amizades, é do signo de gêmeos e faz questão de ter uma alimentação é bem saudável, mas de vez em quando quebra o protocolo pelo chocolate. De família humilde, Darlan conta que sua mãe e sua avó sofreram bastante para lhe dar boa educação, mas acima de tudo a dignidade que fez com que ele chegasse até onde ele está hoje. Darlan conta que mesmo participando do Mister Bahia, ele não tem ainda o apoio de ninguém e vai para o Mister Brasil sem patrocinador. "É muito difícil conseguir patrocínio no mundo da moda, mas mesmo assim, eu estou muito otimista, mas gostaria que algum empresário do ramo, tanto da moda ou da beleza pudesse celebrar uma parceria de marketing para que a sua marca também venha a se destacar", comentou. Darlan diz que se algum empresário se interessar pode entrar em contato com o mesmo através do seu Instagram: @d.rtorres ou Facebook: Darlan Torres ou até mesmo pelo whatszap (77) 9.9162-8985. O seu celular que fala é (71) 9.9644-0581 e o da sua mãe Telma é (77) 998499251. 



Psicóloga no Centro Médico São Gabriel.

Foto: Divulgação

Todas as Quintas-Feiras, estará atendendo no Centro Médico São Gabriel, a Dra. Marcela Trindade, Psicóloga, realizando terapia cognitiva comportamental, com tratamento de ansiedade, depressão, transtorno bipolar e transtorno alimentar, além de acompanhamento de crianças, adolescentes e terapias com casais. Não Perca Tempo marque já a sua Consulta pelo Telefone (77) 3441-1502 ou pelo whatsapp 9.9925-8807. Praça dos Meira, 164 em frente ao Lab Laboratório. Centro Médico São Gabriel, tudo para a sua saúde em um só lugar.



Conheça o trabalho da ONG Viver Arte

(Foto: 97NEWS)

Já dizia o poeta que “a vida sem arte é triste e vazia”, então, buscando dar um tom de alegria a existência humana a arte surgiu desde o tempo dos primórdios para acompanhar a trajetória dos seres humanos. Em Brumado vários projetos artísticos vêm se destacando, os quais mostram a grande vocação do povo da terra do minério para essa vertente tão especial. Dentre os vários projetos, destaque especial que é feito pela ONG Viver Arte, que está fincada na égide do desenvolvimento sustentável, que é presidida pelo brilhante e versátil artista Mesaque Mendes Cunha, um brumadense que viveu um bom tempo em São Paulo, comercializando a sua arte na Praça da República, um dos locais mais reverenciados na arte nacional.

 

O Projeto da ONG Viver Arte está cada vez mais dinâmico e com uma produção artística muito interessante, principalmente nos objetos da linha retrô (Fotos: 97NEWS)

 

Ele que retornou a Brumado iniciou um projeto que hoje ganhou respeito e que vem sendo também um grande instrumento de inclusão social que é a ONG Viver Arte que foi criada há 5 anos e atualmente conta com cerca de 60 crianças de todos os bairros da cidade que vêm aprendendo os segredos da concepção artística. Trabalhando com uma grande diversidade de materiais, como madeira, plástico, resinas e tantos outros, uma grande produção é feita, a qual é comercializada para manter a instituição. Segundo Mesaque Cunha o trabalho vem crescendo e a participação maior das crianças vem sendo um diferencial importante para que elas desenvolvam habilidades psicomotoras, além da intelectualidade e a percepção. Hoje a ONG funciona em dois espaços, a sede que fica na Rua Rua Auta Leite de Oliveira, 303, Bairro Santa Tereza e outra unidade no Bairro Baraúnas. O grande sucesso hoje são os móveis retrôs que vem tendo uma saída muito satisfatória. Veja abaixo um vídeo e conheça o trabalho da ONG Viver Arte. Contato pelo fone:  (77) 9 9959-5289. 



Clínica Master, prazer em cuidar de você!

Foto: Divulgação

A Clínica Master oferece o mais completo serviço para cuidar de sua saúde em Brumado, contando com profissionais renomados e comprometidos com sua saúde e seu bem-estar. Na Clínica Master você conta com o ginecologista-obstetra Dr. David Tanajura realizando consultas de rotina, acompanhamento pré natal, realização de preventivo ginecológico, inserção e retirada de DIU, dentre outros procedimentos. Ligue já e agende a sua consulta. (77) 3441 5396; (77) 9 9991 5396 e (77) 9 9126 1903. Clínica Master. Prazer em Cuidar de Você!

 



Brumado: Unidades móveis do Mutirão de Cirurgias já estão instaladas

(Foto: Divulgação)

As unidades móveis que farão parte do Mutirão de Cirurgias já estão instaladas no Ginásio Poliesportivo Antônio Alves Ribeiro, em Brumado. As pré-consultas para realização das cirurgias eletivas terão início a partir de 7h desta quarta-feira (12) e serão encerradas na sexta-feira (14). No local, serão realizados exames de eletrocardiograma, Raios-X de tórax (maiores de 45 anos) e ultrassonografia. A partir do dia 17 de julho, as cirurgias de hérnia (umbilical, inguinal, epigástrica), histerectomia total e vesícula (colecistectomia) serão realizadas no Hospital Municipal Professor Magalhães Neto. Nas unidades móveis, os pacientes devem apresentar os resultados dos exames laboratoriais: Hemograma Completo, TAP, TTPA, Uréia, Creatinina e Glicemia. As mulheres que se submeterão a histerectomia devem apresentar ainda um exame preventivo feito há pelo menos 01 (um) ano, além do Beta HCG. Vale ressaltar que os exames laboratoriais têm validade de 06 (seis) meses. Os exames para o pré-operatório serão realizados posteriormente na unidade de saúde. O Mutirão de Cirurgias é desenvolvido pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) e tem por finalidade auxiliar os municípios na redução da fila de espera de cirurgias eletivas. As cirurgias eletivas são procedimentos realizados por meio de marcação, ou seja, sem caráter de urgência e emergência, para todas as especialidades.



Violência: Jovem de 21 anos é assassinada a tiros por criminosos de moto quando voltava da escola

Tainá Apolinário Soares, 21 anos, foi abordada por dois homens em uma moto e alvejada com 04 disparos de arma de fogo. O crime aconteceu por volta das 21h45 (Fotos: Itiruçu OnLine)

Uma jovem foi morta a tiros na noite desta terça-feira (11), em Itiruçu, no Bairro Roberto D’ Gregório, popular Agarradinho. De acordo com informações colhidas no local pela equipe do Itiruçu Online (único veículo de imprensa a ter ido ao local), Tainá Apolinário Soares, 21 anos, foi abordada por dois homens em uma moto e alvejada com 04 disparos de arma de fogo. O crime aconteceu por volta das 21h45. A Unidade médica do Hospital Pedro Pimentel Ribeiro foi acionada e esteve no local, mas a vítima não tinha mais sinais vitais. Acionada, a Polícia Militar permanece no local onde aguarda a chegada da política técnica, que deve periciar o local. O corpo será levado ao IML e posteriormente devolvido aos familiares para sepultamento. A motivação do crime será investigada pela Polícia. Os homens, que não foram identificados, fugiram em uma moto logo após o crime. // Itiruçu Onlinee.



Malhada de Pedras volta a viver clima de suspense e de forte tensão na área política

A prefeitura de Malhada está de pintura nova, mas o clima de tensão é antigo e ainda tira o sono de muita gente (Foto: 97NEWS)

O município de Malhada de Pedras localizado na região sudoeste da Bahia, vive mais uma vez, em pleno período das festividades de aniversário da cidade, um forte clima de tensão política, já que inúmeros rumores envolvendo até prisões, voltam a rondar a cidade. No final de novembro de 2016 uma grande operação da Polícia Federal que foi intitulada de “Vigilante” acabou levando para trás das grades o ex-prefeito Valdecir Alves Bezerra, o Ceará (PT) e o até então vice-prefeito eleito, Adriano Paca (PSD) e deixando sob suspeita outras lideranças políticas. Cerca de 8 meses de passada a tempestade, uma nova onda de suspense volta a rondar Malhada de Pedras criando assim um forte clima de tensão. Segundo informações passadas ao 97NEWS, nos últimos dias, uma forte movimentação de possíveis agentes da Polícia Federal na cidade está tirando o “sono” de muita gente. As especulações recaem de forma muito severa sobre a possibilidade de uma nova prisão de Ceará, que, inclusive pode ser considerado um foragido, já que teve uma nova ordem judicial nesse sentido, por um possível não pagamento dos valores fixados na fiança. Ele foi acusado de formação de quadrilha e desvio de verbas federais da Educação que eram utilizadas para custear o Transporte Escolar. Outro fator que vem corroborar para isso é que foram emitidas várias notificações de pessoas ligadas à área pública para que, no prazo de 10 dias, apresentem as suas versões ainda nas investigações da Operação Vigilante, que, ao que tudo indica, continua em andamento, o que tem feito “gelar” o coração de muita gente na cidade, que ainda tem um outro fato a destacar é que o próprio vice-prefeito eleito foi afastado do cargo por ser peça chave no processo. Nesta segunda-feira (10) um novo episódio colocou ainda mais “lenha na fogueira”, porque o ex-prefeito Ramon dos Santos (PP) foi visto, em Brumado, ao lado da sua esposa a prefeita Terezinha Baleeiro Alves Santos (PP) durante uma reunião oficial para a formação do consórcio regional de saúde (foto abaixo), o que gerou muitos comentários e indagações, pois alguns afirmam como “todas as letras” que ele estaria terminante proibido por uma ordem judicial de frequentar órgãos públicos, o que poderá lhe render alguma espécie de punição, no entendimento de membros da política local, pois teria existido um flagrante descumprimento. Em suma, as incertezas ainda pairam sobre o município que poderá voltar a fazer parte das manchetes policiais. 

(Foto: 97NEWS)


'Despacito' não sai da sua cabeça? Ciência explica o sucesso das músicas-chiclete

Com este gráfico, Nahúm García explica, em espanhol, a 'magia' de 'Despacito': há uma quebra no ritmo (Foto: Nahúm García)

Pode ser que a canção te agrade. Ou não. Mas a ciência ajuda a explicar por que Despacito, dos porto-riquenhos Luis Fonsi e Daddy Yankee, parece "grudar" na memória de quem a escuta. Estudos na área de neurociência e psicologia encontraram certos elementos em comum nas chamadas "músicas-chiclete". "A música ativa as áreas do cérebro relacionadas com sons e movimentos, mas também as associadas às emoções e recompensas", explica Jessica Grahn, cientista da Universidade do Oeste de Ontario, no Canadá, à BBC Mundo, o serviço em espanhol da BBC. Especialista em estudos ligados à música, Grahn conta que as canções que geram maior comunicação entre as áreas do cérebro ligadas ao som e às emoções são as que mais agradam. "Vocêm riem de 'Despacito', mas a maneira como o ritmo quebra antes do refrão é uma genialidade", escreveu ele em sua conta no Twitter.

Não há uma fórmula mágica, mas certos elementos funcionam como "guloseimas" para o cérebro. O primeiro ingrediente é o ritmo. Quando uma canção tem uma batida fácil de seguir, como é o caso de Despacito, ela aumenta a atividade cerebral na zona associada ao movimento, segundo experimentos. Mesmo se a pessoa está totalmente quieta. Em geral, as canções pop a que estamos expostos têm ritmos familiares, o que até certo ponto é previsível. Essa característica, diz Grahn, funciona como uma espécie de recompensa para o cérebro, pois é agradável que a canção se desenvolva como pensamos que vai ocorrer. A "mágica", porém, ocorre quando a canção inclui algum elemento que fuja do previsível. "Trata-se usar a batida, mas fazê-la mais interessante com alguma novidade. Fazer a canção interessante, mas sem tirar muito do que esperamos ouvir", afirma a cientista. Nahúm García, um produtor de música espanhol, acredita ter encontrado o pequeno detalhe que tornou Despacito algo especial. García se refere ao que acontece após 1m23s de canção, momento em que a melodia para e Fonsi diz pela primeira vez a palavra despacito (algo como "devagarzinho" em espanhol). É quase imperceptível, mas o fraseado "atravessa" o ritmo durante uma parada da batida. "A ruptura é radical e faz alusão a intenção sexual da letra (que contém um pedido de ritmo mais lento para o ato), criando uma unidade entre intenção e efeito", disse García em sua página no Facebook. "O cérebro se dá conta de que houve uma parada incomum, e isso chama a atenção." Segundo García, esse truque não é muito comum na música pop. Mas... por que esse efeito ocorre apenas na entrada do primeiro refrão? "Se usado de novo, pode cansar", acredita o espanhol. "Não se pode quebrar o ritmo de uma canção muitas vezes, porque isso resulta em um esforço para o cérebro." Psicólogos e cientistas chamam canções-chiclete de "vermes de ouvido". O termo foi criado por James Kellaris, compositor e professor de marketing da Universidade de Cincinnati, nos EUA, e cujos estudos têm como tema a influência da música sobre consumidores. Kellaris argumenta que os "vermes" são normalmente canções repetitivas e pouco complexas seja em ritmo, letra ou ambos. Mas outra característica é justamente que a canção conte com elementos inesperados, como um compasso irregular ou um padrão de melodia pouco usual. "Despacito tem elementos de um 'verme'. É animada, simples, repetitiva e tem um ritmo pegajoso", diz Kellaris. Mas o especialista americano menciona outros elementos que ajudam a explicar o sucesso, como o atraente vídeo ou o nível de exposição que as pessoas tiveram à canção. O êxito é inegável: Despacito já encabeçou as paradas de sucesso em 45 países e se tornou a primeira canção em espanhol a chegar ao posto de número da revista americana de música Billboard desde 1996, quando Macarena tomou o mundo de assalto. O vídeo da música já ultrapassou a impressionante marca de 1 bilhão de visualizações no YouTube.

 

 

CONTINUE LENDO


Blogueiro de Itambé escapa do 'golpe do carro quebrado'; saiba como identificar

A tentativa de extorsão foi logo percebida pelo blogueiro, que levou à frente a conversa para mostrar aos leitores como o golpe acontece (Imagem: Reprodução)

O telefone da sua casa toca, toca…, e você de maneira ingênua atende e acaba confundindo a voz do interlocutor que está do outro lado com a de algum parente ou amigo. Pronto era tudo que os golpistas queriam. O que vem a seguir é tentativa de extorsão. Aquela pessoa que você inicialmente confundiu como sendo um parente ou amigo, alega, que estava indo visitá-lo, e acabou envolvendo-se em acidente de trânsito em alguma rodovia, vai alegar que está machucado e encontra-se com a carteira de habilitação vencida e outras mentiras mais. Na tarde de hoje, terça-feira (11), o moderador do Blog Itambé Agora recebeu uma destas ligações de golpistas que tentaram lhe aplicar o “Golpe do acidente de carro”.  A tentativa de extorsão foi logo percebida pelo blogueiro, que levou à frente a conversa para mostrar aos leitores como o golpe acontece, para que se previnam e não sejam vítimas destes farsantes. O foi observado na ligação, originada do número (062-99851-6233) é que o golpe só vai à frente se a vítima se antecipar a falar o nome do parente, que ele imagina que seja, porque a partir daí, o golpista assume essa identidade. Acompanhe até o fim da gravação para que possa entender como funciona o golpe:

 


O que você pode fazer diante de uma situação esta:


1º Desligue o telefone, tente ligar para aquele parente ou algum familiar; Não faça qualquer tipo de depósito ou transferência bancária;


2º Não forneça nome completo, número de CPF ou RG;


3º Se a pessoa voltar a ligar e insistir, pergunte por exemplo o nome da sua tia, namorada ou esposa, se for verdade certamente a pessoa não irá responder errado.



4º Se foi informado que o acidente ocorreu em alguma rodovia, ligue para a Polícia Rodoviária ou administradora da rodovia e peça orientação.


6º Se tiver condições compre um telefone com identificador de chamadas e fique atento sempre que seu telefone tocar.

CONTINUE LENDO


'Há muitas pessoas que não se incomodam', diz promotor sobre nepotismo na Bahia

Foto: Imprensa / Cecom / MP-BA

Não é de hoje que as prefeituras baianas são usadas ao bel-prazer pelos grupos políticos que as assumem. Basta uma rápida consulta nos sites dos municípios para reconhecer um sobrenome comum a prefeitos e vereadores. E por aí entram mãe, pai, filhos, tios, primos, sem necessidade de concurso nem de qualificação técnica. Segundo o promotor de Justiça Pedro Taques, esse tipo de condição faz a Bahia ser um dos estados onde o nepotismo tem mais casos em relação ao resto do Brasil. Em entrevista ao Bahia Notícias, Taques diz que, ao contrário da corrupção clássica feita pela propina e pelo superfaturamento, de obras e serviços, o nepotismo é mais tolerado pela população. O promotor acredita que haja “uma cultura disseminada”. Na entrevista, Taques também conta como as ações contra o nepotismo chegam e são encaminhadas pelas promotorias. Ele também fala sobre a relação do MP com o prefeito de Itabuna, “caso crônico”, e ainda comenta a fala do prefeito de Iraquara em relação a casos de contratação de parentes. Confira a entrevista na íntegra clicando no "continue lendo': 



A gente tem dado muita notícia referente a recomendações do Ministério Público quanto a práticas de nepotismo na Bahia. Existe um número de municípios com esse tipo de irregularidade?
Sim. A gente tem uma quantidade de prefeitura que ainda se verifica esse problema de contratação e tem sido feito, com base nisso, ações para reprimi-las. Tanto em nível de prevenção, através das recomendações, orientando a eles não agirem assim, quando naqueles casos, em que se verificam situações de nepotismo, com ações judiciais.



Como é que o MP recebe essas informações sobre nepotismo. São as promotorias que se mexem, ou as denúncias chegam através de políticos, moradores?

Geralmente, essas queixas são formuladas diretamente nas promotorias dos municípios. Em cada cidade em que existe uma promotoria de Justiça funcionando, a população, ou os próprios agentes políticos, quando identificam algum tipo de prática que consideram irregular, eles vão noticiar ao Ministério Público. E assim acontece com frequência. Os colegas costumam receber essas representações e a partir daí se inicia o procedimento de investigação para ver se aquilo ocorre mesmo na realidade.


Nas recomendações encaminhadas às prefeituras, o MP costuma destacar que já existe precedente de afastamento de parentes como forma de alertar os prefeitos e vereadores. É citado o caso de Morro do Chapéu em que a Justiça decidiu pela demissão de cinco pessoas, entre elas a mãe do prefeito (lembre aqui). Como é que se deu esse caso específico?

A questão específica se deu com o afastamento daquelas pessoas que estavam nessa relação de nepotismo. Mas isso é uma prática bem antiga do Ministério Público, tendo em vista que há um combate frequente. O que é importante frisar é que o nepotismo é uma espécie de gênero mais amplo. Qual é esse gênero mais amplo? É o princípio da impessoalidade que tem na constituição federal. No artigo 37, ela estabelece os princípios da administração pública. Um desses é o da impessoalidade que determina que não haja na seleção de pessoas que vão trabalhar ou contratar na administração pública nenhuma espécie de preferência subjetiva. Ou seja, quem exerce a função pública não pode chamar alguém para trabalhar, para prestar serviço, ou realizar qualquer contrato por alguma predileção pessoal, familiar, amizade, político-partidária, ideológicas ou religiosas. O critério de seleção deve ser objetivo, técnico e que seja melhor para administração pública. Então, dentro desse âmbito maior de defesa da impessoalidade existe a prática do nepotismo que viola a impessoalidade por um desses vieses específicos, que é a relação de parentesco. É a única forma de violação? Evidente que Não. Vamos dizer que um gestor público que tenha uma convicção religiosa muito forte e resolva só contratar gente que partilha da mesma crença que ele. Isso também é uma violação do princípio da impessoalidade. Só que o nepotismo é mais identificado pela população.
 
 
Depois que o prefeito ou vereador recebem a sentença, por quanto tempo ainda demora para que os servidores sejam afastados?

A expectativa do MP é que essas ações sejam julgadas o mais rápido possível. A questão é que uma vez ajuizada a ação, já não é o MP que vai dar curso ao julgamento. Vai depender das instâncias judiciais. Mas isso é um fato que chama a atenção do MP porque existe a necessidade de rapidez pela Justiça. 


No começo do ano, nós entrevistamos o prefeito de Iraquara, que foi o prefeito eleito mais jovem do estado em 2016. Lá em Iraquara, a oposição o acusava de empregar parentes. Na resposta, ele disse que não havia pessoa de maior confiança do que o irmão [lembre aqui]. Até que ponto um parente pode ser empregado e não configurar nepotismo, já que os gestores têm direito a contratar pessoas da confiança deles?

A pessoa pode estar em uma relação em até terceiro grau e ainda assim não ser considerado nepotismo. Em primeiro lugar porque ela pode ter qualificação técnica. Eu já tive situações como essa quando atuei no interior do estado. Um sujeito tinha nomeado um tio para um cargo na prefeitura só que esse tio tinha um currículo que ninguém na cidade tinha para desempenhar uma atividade. A questão é saber se há outro motivo justificável que tenha levado a essa contratação. Aí, cabe ao gestor justificar. Se ele fizer isso, nenhuma medida será tomada pelo Ministério Público. Em muitos casos a justificativa é essa que você se referiu: “em quem mais eu vou confiar”. Tudo bem, mas aí o gestor tem que buscar outros referenciais.


A impressão que eu tenho é que os prefeitos, quando nomeiam parentes e não são poucos os casos, pelo contrário, ignoram essas recomendações do MP. É isso mesmo?

Historicamente, a gente tem tido uma diminuição muito grande desses casos. O Ministério Público passou a trabalhar com mais afinco nessa questão do nepotismo lá pelo ano de 2007. Antes disso, a gente tinha uma prática mais intensa. Eu diria que era uma regra absoluta. Hoje, não. Hoje ainda existem casos, mas quantitativamente é muito menor do que antes de se fazer um combate mais intenso. Tanto é que foi justamente isso que levou a edição da Súmula 13 [do Supremo Tribunal Federal, que veda a nomeação de parentes até o terceiro grau].
 
BN: Além do nepotismo tem o clientelismo, quando os prefeitos contratam gente do mesmo grupo político. O que fazer nesses casos?
LT: Sim, não é só nepotismo. Existe uma prática de beneficiar pessoas com interesse de perpetuação no poder, mas que não são do interesse público. Essas questões demandam uma apuração mais complexa, porque como você não tem relação de parentesco evidente você tem que buscar outros elementos de prova.
 

Uma figura que está sempre em choque com o MP é o prefeito de Itabuna, Fernando Gomes, não é mesmo? 

Este é um caso crônico porque há um histórico de resistência a regularização da gestão pública. Mas quando não se consegue resultado através de recomendação, o caso é transferido para o Poder Judiciário para que ele decida. 
 
 
O senhor acha que o momento político atual favorece a essa fiscalização sobre o nepotismo, ou ainda vai demorar para as pessoas entenderem que é um problema e denunciar mais os casos?

Eu acredito que a gente vive um momento de mudança de cultura política que tem incentivado muitas denúncias ao Ministério Público. Mas, notadamente, com os casos de corrupção, ou seja, de receber dinheiro ilicitamente, de cobrar propina, de superfaturar preços de obras e serviços. Isso, talvez, era algo que não passava tanto pela sensibilidade da população e tem levado mais denúncias ao Ministério Público. Já na situação do nepotismo, eu não percebo que houve um aumento.  Acho que se mantém constante porque há muitas pessoas que não se incomodam. Eles não veem nisso um ato grave à moralidade pública quanto eles veem em um ato de corrupção. Porque há talvez uma cultura disseminada. E não é só a visão do gestor, mas do cidadão. Não é raro que os próprios cidadãos, quando há mudança de grupo político, vão até a prefeitura pedir emprego, um encaixe na prefeitura, vão pedir que contrate ele ou um parente, ou que a prefeitura compre mais na loja dele ou na do amigo. Então, existe, talvez, nessa parcela da sociedade brasileira a visão de que isso é normal, não tem problema nenhum. 


Em relação ao Brasil, o nepotismo na Bahia é um dos mais gritantes?

Eu diria que a gente tem uma incidência bastante grande desses casos. Já em relação ao Nordeste, a Bahia está na média dos outros estados.
 

CONTINUE LENDO