ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Frustração: Eclipse não pode ser visto em Brumado

'Tem idoso aqui de 75 anos levando lata d´água na cabeça', protestam moradores da Comunidade de Roça de Baixo

Brumado: Fábrica de postes é furtada na madrugada de hoje (21); é a décima vez

Vereador José Carlos de Jonas realiza visitas em comunidades rurais na companhia do Secretário de Agricultura e Recursos Hídricos

Itabuna: Jovens Vicentinos promovem tarde de recreação em orfanato

Psiquiatria na Clínica Master com Dr. Renato Franco

Brumado: Polícia realiza reconstituição de possível tentativa de homicídio

Brasil: Apenas 30% das cidades têm planos municipais de saneamento

Como acompanhar o eclipse solar de hoje (21)

Quem recebe auxílio-doença tem até hoje (21) para agendar nova perícia

Intermunicipal 2017: Seleção de Brumado vence Palmas de Monte Alto fora de casa

Câmara tentará votar reforma política nesta semana; PEC prevê fundo eleitoral

Criança de 5 anos toma coice de cavalo, não resistiu ao ferimento e veio a óbito

Cinema: Jerry Lewis morre aos 91 anos

Interior da Bahia poderá ver eclipse parcial do Sol nesta segunda-feira (21)

Com dois gols de Mendoza, Bahia vence o Vasco na Arena Fonte Nova

Protetora acolhe 84 cães em casa e provoca polêmica com vizinhos em Moema, na Zona Sul de SP

Cachaças artesanais da Bahia conquistam destaque na produção associada ao turismo

Como saber se uma notícia é falsa?

Em troca de tiros com guarnição da CIPE/Sudoeste, bandido é morto em Barra da Estiva



BUSCA PELA CATEGORIA "Política"

Descaso: Alba não vota nenhum projeto há 55 dias por conta de ausência de deputados

Foto: Reprodução

Os deputados estaduais baianos estão há 54 dias sem votar nenhum projeto na Assembleia Legislativa (Alba) devido a falta de quórum. Para que uma votação aconteça, é preciso que ao menos 32 dos 63 políticos da casa estejam presentes, mas isso não vem acontecendo. Na tarde desta quarta-feira (31), assim como em dias anteriores, poucas presenças foram registradas, tanto de deputados da base do governo quanto da oposição. Por conta disso, as pautas ficam travadas. Desde o início do ano, a Alba realizou 48 sessões plenárias e somente cinco projetos de lei foram aprovados. A última votação na Casa ocorreu no dia 5 de abril, quando foi aprovado por unanimidade o fim da reeleição para presidente e integrantes da mesa diretora. Desde então, três projetos travam a pauta e impedem até que a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2018 chegue à ordem do dia. Outro ponto que impede que a Alba volte à normalidade é o não cumprimento, por parte do governo, das chamadas medidas impositivas, que são verbas destinadas a obras indicadas por cada parlamentar no interior do estado e que estão suspensas há dois anos. Segundo os deputados da base aliada e da oposição, o governo precisa entender que os deputados usam desses recursos para atender as demandas dos seus vereadores, dos seus prefeitos. A reportagem entrou em contato com o governo do estado para que pudesse falar sobre o não cumprimento das medidas impositivas, mas não obteve retorno.



Zé Raimundo reforça discurso pela Diretas Já

(Foto: Divulgação)

Ao repercutir os últimos protestos realizados na semana passada, assim como os  desdobramentos da crise política no Palácio Planalto, o deputado Zé Raimundo (PT) alertou para a iminência de uma crise revolucionária, caso não seja ouvido o clamor popular  expresso nas manifestações das ruas, na internet e nos diversos espaços públicos para a realização de eleições diretas para presidente da República. “Vamos ter uma crise revolucionária a qualquer momento, se não ouvirmos o clamor popular pela realização das Eleições Diretas e da eleição de uma constituinte capaz de assegurar uma profunda reforma política”, disse Zé Raimundo, em pronunciamento na sessão plenária desta tarde, na Assembleia Legislativa da Bahia. Ele ainda destacou que enquanto a população se levanta pelas “Diretas Já”, os “golpistas” e seus apoiadores alegam que a Constituição Federal estabelece um calendário eleitoral, mas os ideais liberais e os grandes pensadores defendem que na democracia, apesar da eleger de seus representantes, a soberania continua com o povo.



Zé Ribeiro solicita de Waldenor e Zé Raimundo empenho para a realização das obras de recapeamento asfáltico da rodovia que faz a ligação com Itaquaraí

O vereador Zé Ribeiro confiante no apoio do deputado Waldenor Pereira para novas conquistas em Brumado (Foto: Daniel Simurro | 97NEWS)

O vereador Zé Ribeiro (PT) vem, ao longo do seu mandato parlamentar, realizado uma série de indicações e solicitações para o avanço estrutural do Distrito de Itaquaraí. Dentre as várias ações nesse sentido, Zé Ribeiro vem lutando, de forma incansável, pela recuperação asfáltica da BA-943, que faz a ligação da BA-148 ao referido Distrito. Na última sexta-feira (26), por conta de sua ida ao município de Vitória da Conquista, o vereador apresentou um ofício ao escritório parlamentar dos deputados Waldenor Ribeiro (federal) e Zé Raimundo (estadual) solicitando o máximo de empenho dos mesmos para a pronta realização da obra. Segundo Zé Ribeiro “a situação da referida rodovia é preocupante, já que vários pontos vêm apresentando falhas estruturais que podem, inclusive, causar acidentes”. Ele ainda destacou que “sabemos da influência positiva que os deputados Waldenor e Zé Raimundo possuem sobre o governador Rui Costa, então, diante disso, acreditamos que a nossa solicitação logo saíra do papel, atendendo assim um dos grandes anseios dos moradores de Itaquaraí, que vem nos cobrando de forma sistemática o recapeamento asfáltico desta rodovia importante que possibilita o acesso à sede do município”. 



Vereador Lek Cabeleireiro ressalta a importância do seu projeto do Dia Municipal do Doador de Sangue

O vereador Lek Cabeleireiro juntamente com os membros da Embaixada Mundial dos Ativistas pela Paz (Foto: Daniel Simurro | 97NEWS)

O vereador Lek Cabeleireiro (PV), em parceria com membros da “Embaixada Mundial dos Ativistas pela Paz”, apresentaram na sessão da Câmara de Vereadores desta segunda (30) o tema “Maratona Internacional de Doação de Sangue”, enfatizando a importância da doação, como um grande instrumento para salvar vidas. Membros da ONG fizeram uso da tribuna livre onde explicaram detalhes sobre a instituição e sua relevância social, apresentando o trabalho que é desenvolvido em todo mundo pela Organização. O vereador Lek, que foi totalmente solidário com a questão, tendo o entendimento de que essas ações são de fundamental importância, já movimentou toda a sua equipe de trabalho e prepara o projeto a ser apresentado e na câmara de vereadores que instituirá o Dia Municipal do Doador de Sangue Voluntário, tendo como objetivo principal o despertar para o tema, a conscientização e a possibilidade de ter nesta data um marco para intensificar campanhas educativas e incentivo a doação voluntária. O vereador que é histórico doador de sangue, expressou, em seu pronunciamento (foto abaixo) a sua satisfação com este movimento e prevê uma grande aceitação por parte da sociedade. Ele aproveitou o momento para convidar aqueles que ainda não praticaram este ato de solidariedade à procurem o Hemoba da nossa cidade, se cadastrarem e passar a ser também um doador de sangue. “Doar sangue, é doar vida, então, aproveito esse momento especial para convocar a todos os brumadenses que estão aptos a fazer a doação, pois sabemos que o nosso banco de sangue está sempre com os seus estoques no limite, então, temos que mudar essa situação”, destacou o parlamentar que ainda frisou que “entramos com o projeto do Dia Municipal do Doador, que será importante nessa luta. Conto com a colaboração dos meus pares e também de toda a sociedade brumadense para fazer a nossa parte nessa luta”. 

(Foto: Daniel Simurro | 97NEWS)


Filho de Bolsonaro foge de manifestantes em Salvador em carro da prefeitura

Manifestantes fizeram ato contra Eduardo Bolsonaro dentro e fora da Câmara (Foto: Raul Spinassé | Ag. A TARDE)

A saída do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSC-SP) da Câmara de Vereadores, no Centro Histórico de Salvador, nesta segunda-feira, 29, foi alvo de novos protestos. Manifestantes bloquearam o prédio, impedindo a passagem do parlamentar, que participou de uma audiência pública no local. Em seguida, fugindo dos manifestantes, o filho do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-SP) saiu rapidamente pela porta do Cerimonial da Câmara e entrou em um carro da prefeitura. A passagem do parlamentar foi conturbada, com protestos dentro e fora da Casa. Ocorreram alguns momentos mais tensos. Os manifestantes chegaram a jogar ovos em direção aos políticos que estavam na janela da Câmara, incluindo o próprio Eduardo Bolsonaro, que conseguiu se desviar.  Os manifestantes alegaram que reagiram após serem afrontados pelo vereador Alexandre Aleluia (DEM). Dois jovens foram presos por conta da ação, mas liberados em seguida. A detenção causou revolta entre as pessoas que protestam no local. "A nossa manifestação é pacífica. Quero dizer à polícia para prender os errados. Tem que prender os ladrões que estão aí dentro", disse um dos participantes. Bolsonaro participou da audiência pública para defender o projeto Escola Sem Partido (ESP). O evento também contou com a participação dos professores Fernando Penna (Universidade Federal Fluminense) e Sandra Marinho (Universidade Federal da Bahia), que são contra o projeto. Os manifestantes também criticaram o projeto. "Não à escola 'Sem Partido'. Estudante não é robô. #ForaBolsonaro", era uma das mensagens divulgadas pelo grupo em cartazes.



Brumado: Vice-prefeito e vereadores se encontram com o secretário estadual de Agricultura Vitor Bonfim

O encontro aconteceu no Restaurante Terceiro Milênio e foi considerado muito produtivo (Foto: 97NEWS)

Visando a continuidade do modelo desenvolvimentista para o município, o vice-prefeito Édio Pereira (PC do B), juntamente com um grupo de vereadores do Legislativo de Brumado [ Lia Teixeira (PDT); Santinho (PTC); Palito (PSD); Glaudson Dias (PDT); José Carlos de Jonas (PT); Rey de Domingão (PSB) Wanderley Nem (PDT) e o presidente Léo Vasconcelos (PDT) [, que contou com a presença do secretário geral da Câmara de Vereadores, Amilcar Gama, manteve um importante encontro na manhã do último sábado (27) com o deputado estadual licenciado e atual secretário estadual de Agricultura, Vitor Bonfim. Na pauta do encontro inúmeras reivindicações pelos vereadores foram passadas ao secretário, as quais tinham como objeto melhorias para o meio rural brumadense, especialmente na área do abastecimento, já que os moradores enfrentam uma das piores estiagens dos últimos tempos. Também foram passadas outras solicitações urgentes e a liberação de mais recursos e investimentos que venham atender as constantes demandas. O encontro foi avaliado como positivo, já que o secretário Vitor Bonfim se prontificou a atender aos pleitos referentes ao seu setor e levar ao conhecimento do governador Rui Costa o restante das solicitações dos vereadores brumadenses. 



Saruman Vieira Lima e a Capa da Invisibilidade de Geddel

(Fotocomposição: 97NEWS)

A mitologia criada por J. R. R. Tolkien, em O Senhor dos Anéis, traz um personagem chamado Saruman, o Branco, um mago que, após conhecer e reconhecer o poder dO “Mal”, se deixa seduzir pelos encantos do “anel para todos governar”. Na obra em que a trama acontece, o Mago Branco, até então mais poderoso que os demais, é derrotado e substituído por Gandalf, que retorna das profundezas para o lugar de Saruman. A referência ao mundo de Tolkien, poucos dias após o Dia do Orgulho Nerd, celebrado na última quinta-feira (25), parece descabida. Mas facilita para que fãs do universo literário entendam o que aconteceu com o ex-ministro Geddel Vieira Lima, que passou de homem poderoso ao lado do presidente Michel Temer para a resoluta obscuridade após ser envolvido numa denúncia de tráfico de influência feita pelo companheiro de Esplanada, Marcelo Calero, então ministro da Cultura. Nos livros, Saruman foge – e depois é morto pelo antigo escudeiro. Desde o escândalo do La Vue, Geddel veio para a Bahia, assim como o ex-Mago Branco fugidio, cambaleante diante das sucessivas citações em processos que envolvem o PMDB nacional. Com a delação de Joesley Batista, do Grupo JBS, no entanto, o peemedebista baiano voltou a aparecer en passant como interlocutor do empresário frente a Temer – sem querer fazer referências ao “Mal” nesse caso. E, segundo pessoas que ainda mantém contato com o político baiano, mergulhou em um momento autocontemplativo, para ficar completamente fora dos holofotes da mídia. Nesse ponto, é que se pode fazer uma correlação com outra obra do mundo geek. Geddel passou de Saruman, o Branco, todo poderoso, para um portador de uma das Relíquias da saga de Harry Potter: a Capa da Invisibilidade – nome autoexplicativo, diga-se. Muito afeito ao contato com a imprensa, o peemedebista baiano desapareceu de eventos públicos e seria visto, eventualmente, em reuniões com outros correligionários, principalmente nos momentos de crise. Ainda assim, permanece praticamente invisível aos olhos do grande público. Assim como Potter o faz quando necessário. E eis que, no Dia do Orgulho Nerd, o colunista Fernando Rodrigues, do site Poder 360, sinalizou que um acordo de delação premiada de Geddel não estaria completamente descartado. Será essa a Pedra da Ressureição, tão relevante nas obras de J. K. Rowling, a trazer Geddel a uma sobrevida? Enquanto ficar apenas na Capa da Invisibilidade, antigos aliados podem se despreocupar.



Brumado: Quadra poliesportiva da Comunidade de Umburanas tomada pelo lixo e sem iluminação deixa moradores indignados

A situação da quadra é realmente preocupante (Foto: Carlos Silva | 97NEWS)

O Esporte em Brumado vem passando por um dos seus piores momentos, criando novamente um clima de insatisfação na população que já convive com um déficit histórico do setor. Na gestão passada, o Esporte evoluiu, ganhou status de secretaria e inúmeras atividades aconteceram nas mais diversas modalidades esportivas. Mas, um novo esfriamento acabou trazendo o pessimismo de volta, já que a secretaria voltou a ser departamento e muito pouco, ou quase nada, vem sendo feito. Diante deste quadro negativo, o apresentador Carlos “Kaká” Silva, fez um registro de uma situação que vem ilustrar esse panorama de incertezas. Em visita a comunidade de Umburanas, ele fez uma videorreportagem retratando uma situação de abandono na quadra poliesportiva da comunidade. Nas imagens se observa que o lixo vem se acumulando no equipamento esportivo e que o mesmo, apesar de ter sido entregue há cerca de 7 anos, ainda não recebeu o sistema de iluminação. Um morador é ouvido, o qual relata a sua indignação (confira abaixo). Diante disso, a vereadora Lia Teixeira (PDT) que representa a comunidade afirmou ao apresentador que já vem buscando uma solução para a situação que vem chateando os moradores. Segundo ela, já foi feita uma solicitação a então secretária de Educação, Néia Ataíde, a qual teria citado que a prioridade nesse primeiro momento seria a recuperação física dos prédios escolares e que as quadras ficariam para a etapa seguinte. A vereadora também informou que irá novamente a prefeitura falar com a atual secretária Acácia Gondim para buscar uma solução urgente para a situação, já que os moradores de Umburanas estão muito insatisfeitos. “Não iremos descansar enquanto não obtermos a solução para esse problema”, disse a vereadora.  



Senadoras questionam tramitação da reforma trabalhista na CAE

Segundo Gleisi, não houve pedido de vista de relatório antes de encerramento da reunião da comissão | Geraldo Magela/Agência Senado

As senadoras Gleisi Hoffman (PT-PR) e Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) apresentaram nesta quinta-feira (25) questões de ordem contra o andamento do projeto da reforma trabalhista (PLC 38/2017) na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE). Na terça-feira (23), após um desentendimento entre alguns senadores, o presidente do colegiado, Tasso Jereissati (PSDB-CE), deu como lido o relatório de Ricardo Ferraço (PSDB-ES) e concedeu vista coletiva à matéria, o que permite que o projeto seja votado na próxima semana. Segundo Gleisi, não houve pedido de vista antes do encerramento da reunião. Ela alega também que o presidente da CAE descumpriu o regimento ao dar como lido um relatório que não havia sido previamente distribuído para os senadores. A senadora pediu a apuração dos fatos narrados, a suspensão da tramitação do PLC 38 e a anulação da reunião. — Em momento algum o presidente anunciou que matéria seria colocada em discussão. Em momento algum passou a palavra para o relator ler o relatório. Em momento algum o relatório foi lido. É uma clara afronta ao regimento. Relatórios dados como lidos só são possíveis com acordo nas comissões — disse. Gleisi completou a questão de ordem afirmando que Tasso descumpriu os princípios de publicidade e transparência ao retirar a imprensa e assessores da sala e afirmou que houve fraude nas notas taquigráficas e na ata da reunião. — Há nesse caso um problema extremamente grave a ser apurado tendo em visto uma diferença muito grande entre o que de fato foi dito pelo presidente da CAE, e as filmagens registram isso, e o que foi formalizado no processo. Há indícios concretos de fraude — afirmou a senadora. Já Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) pediu que a Mesa do Senado determine à CAE o envio do projeto para analisar a anexação de outros projetos que tratam de mudanças na CLT . Segundo Vanessa, o presidente da CAE não aceitou requerimento de sua autoria que solicitava encaminhamento para a Mesa e também estaria violando o regimento: — O projeto, por tratar de mais de uma centena de dispositivos da CLT, por óbvio versa sobre várias matérias em trâmite nesta Casa que não podem ser desconsideradas. Embora a comissão tenha sido oficiada na segunda-feira até a presente data a CAE não cumpriu a determinação — observou. O presidente do Senado, Eunício Oliveira, informou que decidirá sobre as questões de ordem posteriormente.



Ocupa Brasília: Waldenor participa de ato em prol das Diretas Já e pelo fim do governo Temer

(Foto: Divulgação)

Movimentos sociais, sindicais, trabalhadores e trabalhadoras de todo o Brasil realizaram grande ato hoje (24) em Brasília por Diretas Já e Fora Temer, movimento que foi chamado de Ocupa Brasília. Manifestantes caminharam pela cidade em direção ao Congresso Nacional contra o governo de Michel Temer e as reformas da Previdência e Trabalhista, que tramitam na Câmara e no Senado. As manifestações contaram com o apoio e solidariedade dos parlamentares da oposição, dentre eles, o deputado federal Waldenor Pereira (PT-BA), que caminhou junto ao povo na chegada à Praça dos Três Poderes. “Estamos indo ao encontro dos companheiros e companheiras de todo o Brasil, que se destinaram até Brasília, para ocupar a capital federal pedindo a renúncia do presidente golpista e ilegítimo Michel Temer, para garantir Diretas Já!", relatou o deputado diretamente do meio do povo. Waldenor declarou ainda ser muito emocionante estar de volta às ruas da capital brasileira ao lado dos companheiros congressistas para lutar pelo reestabelecimento da democracia.

 


REPRESSÃO - O governo reagiu às manifestações com repressão e violência, impedindo que a frente do Congresso Nacional fosse ocupada pela população. Policiais reprimiram o movimento que estava ocorrendo de forma pacífica até então com bombas de gás lacrimogêneo e tiros de borracha, deixando muitos dos manifestantes feridos. Em edição extraordinária do Diário Oficial, o presidente Michel Temer publicou decreto autorizando a intervenção do exército nas ruas da capital brasileira. A notícia foi recebida com críticas e preocupação por parte de especialistas e juristas do país, como o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio de Mello, que afirmou "estar preocupado e torcer para que essa notícia não seja verdadeira", durante julgamento que ocorria na Suprema Corte. Dentro do Plenário Ulisses Guimarães, os deputados da oposição ocuparam a mesa da Presidência da Câmara em protesto, pedindo a renúncia de Temer e obstruindo as pautas de votações, após o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), confirmar a informação de intervenção das forças armadas na repressão ao movimento popular nas ruas. "Nós, enquanto democratas, não podemos aceitar isso de maneira alguma. Essa atitude do presidente da Casa, que redigiu o decreto, não é prevista nos regimentos da Câmara e são caracterizaras claras de um estado de sítio, um estado de exceção. Por isso, estamos nos retirando do plenário", afirmou Waldenor, que junto com os parlamentares dos partidos de oposição, deixou o Congresso Nacional em protesto.



Fachin determina que áudio entre jornalista e Andrea Neves seja colocado em segredo de justiça

(Foto: Reprodução)

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin determinou nesta quarta-feira (24) que os áudios divulgados na delação premiada do dono da JBS, Joesley Batista, passem a tramitar em segredo de Justiça. A decisão ocorre após a divulgação da conversa entre o jornalista Reinaldo Azevedo e Andrea Neves, irmã do senador afastado Aécio Neves, protegida por “sigilo da fonte”. A Procuradoria-Geral da República e a Polícia Federal não assumiram responsabilidade pela quebra do sigilo da fonte do jornalista. No despacho em que manda retirar as mídias dos autos da Ação Cautelar 4316, Fachin diz que “as mídias juntadas às folhas 249 e 386 não contêm apenas os diálogos referidos nos relatórios [da PF] a que foram elas anexadas”. A Associação Brasileira de Imprensa (ABI) atribuiu à PGR a violação do sigilo da fonte. Em nota, a associação disse que “a PGR jamais poderia incluir a transcrição de uma conversa do jornalista com sua fonte, o que representou quebra de sigilo, um dos direitos assegurados pela Constituição Federal”.



Petistas realizam 6º Congresso Estadual Intitulado `Etapa Bahia Zezeu Ribeiro e Maria Letícia

Foto: Divulgação

Foi realizado em Salvador nos dias 19, 20 e 21 de maio o 6º congresso do partido dos trabalhadores (PT) na Faculdade Federal de Arquitetura, no Bairro da Federação. O 6º Congresso foi intitulado como: “Etapa Bahia Zezeu Ribeiro e Mariza Letícia”. O auditório recebeu um grande número de militantes, a maioria delegados do partido de todo estado, praticamente todos deputados estaduais e federais da legenda, secretários estaduais do atual governo Rui Costa e ex-secretários do Governo Wagner, como: José Sérgio Gabrielli, o senador Lindbergh Farias e a senadora Gleisi Hoffmann. Também participaram os três candidatos a presidência estadual do Partido dos Trabalhadores, Everaldo Anunciação, o Deputado Federal Waldenor Pereira, e Fernanda Silva, ex-vice-prefeita de Uruçuca. Quem também esteve no evento foi Márcio Aguiar, como delegado estadual. "O 6º congresso estadual aconteceu no momento importante da atual conjuntura da  politica brasileira, com muitos debates, e com um novo olhar para os diretórios estadual e nacional, que tem como grande objetivo ampliar as relações politicas e a unidade da sua militâncias  nos estados e nos municípios, fortalecendo a luta de classe, não aceitar a retirada dos direitos, e garantir um projeto de nação que inclua todos os brasileiros, reeleger o nosso governador Rui Costa na Bahia, eleger o Luís Inácio Lula da Silva presidente do Brasil e fazer a maior bancada de deputados federais e estaduais pelo Partido dos Trabalhadores. Everaldo Anunciação se reelegeu, e disse que, irá construir uma estratégica para esse novo momento, defende a unidade do partido e uma relação com os territórios.

Foto: Divulgação


Brasília vive clima de guerra; protestos ficam intensos e Força Nacional foi chamada

Os policiais lançaram bombas de efeito moral para dispersar os manifestantes que tentavam descer em direção ao gramado em frente ao Congresso Foto: Reuters

Enquanto os deputados discutiam a Ordem do Dia, milhares de manifestantes protestavam contra as recentes denúncias de corrupção no governo, além das reformas trabalhista e da Previdência. A oposição tentava obstruir o andamento da sessão para evitar a votação da pauta, quando do lado de fora do Congresso teve início um confronto entre manifestantes e agentes da Polícia Militar do Distrito Federal. Os policiais lançaram bombas de efeito moral para dispersar os manifestantes que tentavam descer em direção ao gramado em frente ao Congresso. O tumulto logo repercutiu no plenário. O líder da minoria, deputado José Guimarães (PT-CE), disse que a polícia agrediu inclusive parlamentares que participavam do protesto e pediu o fim da sessão do plenário. "A força bruta não pode substituir a democracia (….) Por isso, eu peço o encerramento da sessão", declarou.



Abastecimento: Sistemas de água para zona rural de Malhada serão concluídos

(Foto: Divulgação)

O funcionamento de quatro sistemas de abastecimento de água, construídos em diferentes períodos pela Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco (Codevasf), finalmente pode se concretizar para beneficiar várias comunidades do município de Malhada. Para isso, iniciativas decisivas foram adotadas em reunião articulada pelos deputados Waldenor Pereira e Zé Raimundo, realizada ontem (22), em Salvador, com as instituições envolvidas: Codevasf (responsável pela construção) e Embasa e Cerb (órgãos com função de operação). O encontro foi resultante de esforços dos parlamentares, em atenção às solicitações do ex-prefeito Gimmy e dos vereadores Jorge Aragão, Juliene Nunes, Manoel Messias, Manoel Rufino e Cristiano Magno. A Codesvasf esteve representada pelo Chefe do Escritório de Representação de Salvador, Leandro Gaudenzi, e o diretor da Área de Desenvolvimento e Infraestrutura, Sérgio Coelho; a Embasa pelo seu presidente, Rogério Cedraz, o chefe de gabinete, Bento Ribeiro, além dos Diretores Ubiratan e Rita; e a Cerb pelo presidente, Marcos Bulhões e pelo engenheiro Adoniran. Para o Sistema de Canabrava, que beneficiará as comunidades de Serra do Justino, Lagoa dos Patos e Barreiro Grande, o secretário Cedraz autorizou imediata visita técnica visando à ampliação de 10 quilômetros da adutora de Água Bruta. No caso do Sistema 2, que abrange Serra João Alves, Pedrinhas, Riacho Seco , os representantes do governo do estado vão cobrar da Coelba a imediata instalação de energia elétrica. Já no Sistema 3 (Julião, Tomé Nunes, Mucambo, Canto do Riacho, Esperança, Ilha três e Ilha do Zezé) será realizado um teste com gerador, seguido de solicitação de ligação de energia.  Enquanto o Sistema 4 (destinado às localidades de Parateca, Pau D’Arco e Vila Nova), que foi construído há mais quatro anos, falta energia de baixa tensão e a recuperação de tubulações e bombas, para depois o estado solicitar a ligação elétrica e se responsabilizar pela sua operação. Ao final da ampla e representativa reunião, os deputados comemoraram.  Para Waldenor Pereira, que esteve recentemente reunido, em Brasília, com a presidente da Codesvasf, Kênia Régia Marcelino, e também com Zé Raimundo e os vereadores de Malhada, nas Presidências da Embasa e Cerb, o resultado valeu o esforço: “Finalmente, depois dessas várias iniciativas, os nossos mandatos conseguiram colocar na mesa de reunião os órgãos envolvidos, que adotaram medidas concretas para solucionar o problema do interior do município de Malhada, que apesar de ser doador da adutora do algodão para atender outra dezena de municípios da região, paradoxalmente padece de falta de água na zona rural”, avaliou. Zé Raimundo comentou: “É mais um esforço dos nossos mandatos e do governador Rui Costa para possibilitar melhores condições de vida para os municípios, especialmente para a população que enfrenta o problema de abastecimento de água”.



STF condena Maluf por lavagem de dinheiro

(Foto: Reprodução)

A maioria dos ministros da Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) votou nesta terça-feira, 23, pela condenação do deputado federal Paulo Maluf (PP-SP) a 7 anos, 9 meses e 10 dias de prisão em regime fechado e à perda do mandato na Câmara. Ele é acusado de lavagem de dinheiro devido a movimentações bancárias de US$ 15 milhões entre 1998 e 2006 em contas na ilha de Jersey, paraíso fiscal localizado no Canal da Mancha. A maioria dos ministros seguiu a indicação Edson Fachin, que considerou a lavagem de dinheiro um crime de “natureza permanente”, o que deve ter reflexo em futuras condenações da Operação Lava Jato, já que muitos dos políticos envolvidos no esquema de corrupção da Petrobrás são também acusados desse crime. Antes desse entendimento, o crime de lavagem prescrevia em dez anos. Além de Fachin, votaram a favor da condenação de Maluf os ministros Luís Roberto Barroso, Rosa Weber e Luiz Fux. O único que votou pela absolvição de Maluf foi o ministro Marco Aurélio Mello, que considerou que o crime imputado a Maluf já perdeu a validade. “Eu votei pela prescrição. Não pensem que eu ‘malufei’”, declarou Marco Aurélio.



Rocha Loures entrega mala de R$ 500 mil na sede da PF em São Paulo

Flagrado com a mala de dinheiro pelo PF, Rocha Loures vai devolver o dinheiro à Polícia Federal (Foto: Reprodução)

O deputado afastado Rodrigo Rocha Loures (PMDB) entregou na sede da Polícia Federal de São Paulo, na noite desta segunda-feira (22), a mala com R$ 500 mil, segundo a GloboNews. Loures foi filmado recebendo a mala de dinheiro em restaurante nos Jardins, na capital paulista, e é apontado como intermediário do presidente Michel Temer para assuntos do grupo J&F com o governo. Na quarta-feira (17), o jornal "O Globo" divulgou reportagem que aponta que o presidente Michel Temer indicou Rocha Loures para resolver uma disputa relativa ao preço do gás fornecido pela Petrobras à termelétrica do grupo JBS. A reportagem relata que o dono da JBS marcou um encontro com Rocha Loures em Brasília e contou sobre sua demanda no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Pelo serviço, segundo "O Globo", Joesley ofereceu propina de 5%, e o deputado deu o aval.

 

De acordo com documentos da investigação obtidos pela TV Globo, o deputado afastado foi filmado pela PF recebendo uma bolsa com R$ 500 mil enviados por Joesley, após combinar pagamento semanal no mesmo valor pelo período de 20 anos. Conforme o relatório, o valor semanal poderia chegar a R$ 1 milhão se o Preço de Liquidação das Diferenças (PLD), valor fixado pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), em R$/MWh , para a comercialização da energia, ultrapassasse R$ 400. De acordo com "O Globo", Loures teria telefonado para o presidente interino do Cade, Gilvandro Araújo, para interceder pelo grupo. O Cade informou, em nota, que a área técnica da Superintendência Geral recomendou a instauração, inicialmente, de Procedimento Preparatório e, posteriormente, de Inquérito Administrativo, procedimentos padrão para apurar denúncias anticoncorrenciais. A entrega de R$ 500 mil para Rocha Loures, feita por Ricardo Saud, diretor da JBS, ocorreu em São Paulo. Depois de passar por três endereços em um mesmo encontro (um café em um shopping, um restaurante e uma pizzaria), Loures deixa a pizzaria levando uma mala preta com o dinheiro. Conversas entre Loures e Ricardo Saud, diretor da JBS, revelam qual era o entendimento do parlamentar sobre o impacto das denúncias e das investigações no STF contra ministros do governo Michel Temer. Em uma das conversas, o deputado concorda em apresentar uma prévia do relatório da Medida Provisória do Refis, que ainda não era público, para o diretor da JBS. Na conversa, os dois falam sobre esconder o que a JBS queria no texto incluindo os pontos como sugestão da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (ABIEC).

 
 

CONTINUE LENDO


Waldenor sai fortalecido das eleições do PT

(Foto: Divulgação)

Tal como diz a letra da música do momento, “Trem bala”, de Ana Vilela. “...é sobre escalar e sentir que o caminho te fortaleceu”,  o deputado federal Waldenor Pereira, declarou-se vitorioso ao final da apuração dos votos para eleição do presidente estadual do PT, encerrando a etapa estadual  do 6º Congresso Nacional do PT, realizados nos últimos três dias (19,20 e 21).  Do total de 310 delegados votantes, Waldenor conseguiu​ 147 votos contra o atual presidente, Everaldo Anunciação, que se reelegeu com 163. O sentimento de vitória vem de uma forte aproximação com a militância e lideranças partidárias, resultante de uma campanha que ele realizou pelo estado afora, apoiado por oito coletivos do partido que se juntaram na chapa do Movimento “Muda PT” (Democracia Socialista (DS), Esquerda Democrática Popular (EDP), Coletivo 2 de Julho, Avante S21, Movimento PT , Reencantar,Militância Socialista e Articulação de Esquerda ), como também de nove dos 12 deputados estaduais e seis dos sete deputados federais petistas da Bahia. “Me considero vitorioso porque fui candidato de um coletivo que apresentou novas ideias, novas propostas para fortalecer o nosso partido. O PT na Bahia tem a finalidade fundamental de reeleger o governador Rui Costa e eleger Lula de novo presidente. Por isso o Muda PT teve papel importante no Congresso: elegeu muitos diretórios municipais, sai com votação expressiva, vamos contar com aproximadamente 50% de membros tanto na Executiva quanto no diretório estadual, com a firme determinação de reestruturar o partido, de reorganizar o PT e defender o fortalecimento das instâncias partidária para estarmos à altura dos desafios que estão postos pela atual conjuntura política ”, avaliou.



PT-BA aposta Rui para presidente em 2018 caso Lula e Wagner estejam impedidos

O governador Rui Costa vem sendo avaliado como um político moderno e um gestor muito eficiente (Foto: Daniel Simurro | 97NEWS)

Bem avaliado pela população baiana e dado como candidato certo à reeleição em 2018, o governador Rui Costa pode alçar voos ainda maiores no próximo pleito. Se depender do PT-BA, Rui pode deixar o Palácio de Ondina para se tornar o mais novo inquilino do Palácio do Planalto. De acordo com o presidente reeleito da sigla no estado, Everaldo Anunciação, o governo realizado pelo petista tem sido tão bem visto pelo PT nacional que já se começa, aos poucos, a aventar-se o nome dele como candidato à Presidência da República, caso o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ex-governador Jaques Wagner estejam impedidos. Lula é réu em cinco processos, enquanto Wagner – o nome dele é considerado como plano B em uma espécie de “linha sucessória” petista para candidatos em 2018 - foi citado na Operação Lava Jato e pode se tornar alvo de investigações. “A forma como ele se relaciona com a base, compõe o governo, que o governo dele funcionando, isso termina refletindo no PT, fazendo com que o impacto da crise do partido aqui na Bahia seja menor. Por isso que o nome dele já vem sendo até falado no partido. Depois de Lula, a candidatura de Jaques Wagner e depois a candidatura de Rui. A influência dele, nacionalmente, já é comentada”, afirmou Everaldo, em entrevista ao Bahia Notícias. Entretanto, o dirigente estadual destacou que as menções ao governador são incipientes e ressaltou que Rui é o candidato petista para o governo do Estado em 2018, enquanto o partido deve apostar no ex-presidente Lula nacionalmente. Nas eleições que confirmar Everaldo como presidente do PT por mais dois anos, a ausência de Rui se tornou alvo de especulações. Diante disso, ele negou um provável afastamento entre o governo e a sigla. “Não há nenhum distanciamento de Rui e PT, de PT com Rui e PT com base aliada. De maneira nenhuma. Nós conversamos. Ele ficou em dúvida, disse que não queria se envolver, não influenciar. Ele tomou o cuidado de buscar unidade e não se envolver”, rebateu. Recém-reeleito, o presidente da agremiação na Bahia contou que as agendas mais urgentes são articular a saída do presidente Michel Temer e a realização de eleições diretas, além de preparar a delegação que vai participar do congresso nacional do PT, de 1º a 3 de junho deste ano. Para o futuro, Everaldo pretende criar condições para entregar, em 2019, a direção do partido a pessoas mais jovens - a renovação nos cargos diretivos era um anseio entre correntes do partido, diante da crise de imagem vivida pela sigla. Ele, que havia negado reiteradas vezes suas pretensões de passar mais dois anos à frente do partido, disse que aceitou a missão após um pedido de várias pessoas. “Aconteceu um apelo da minha corrente interna. Esses companheiros entenderam que eu ainda tinha uma tarefa, uma contribuição a dar para mais dois anos. Depois, em outras correntes, também manifestaram vontade. Estou indo fazer uma transição para uma direção do PT em 2019. Eu quero priorizar muito a presença de jovens na estrutura partidária”, explicou. Sobre a vaga de Jaques Wagner para o Senado em 2018, Everaldo afirmou que até partidos da base aliada formaram um consenso em torno dele. “Na base aliada, eu vi que há um consenso de uma vaga para ele. Admiro o comportamento de Wagner de dizer que não está nada certo. Foi governador, volta para ser secretário. É um general que compreende a hierarquia e se comporta como soldado. É um soldado com patente de general”, avaliou.



STF: Suspensão de inquérito contra Temer só será analisada após entrega de perícia de áudio

Foto: Evaristo Sá (AFP)

O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) apenas irá analisar a suspensão do inquérito do presidente Michel Temer quando receber a perícia do áudio em que o chefe do Executivo foi gravado em conversa com o empresário Joesley batista, dono da JBS. A decisão foi realizada pela presidente da Corte, Cármen Lúcia nesta segunda (22).  O relator da Lava Jato no STF, ministro Edson Fachin, entregou um requerimento à presidente para que a suspensão fosse realizada ainda nesta segunda. No entanto, o encaminhamento de ordem foi condicionado à conclusão e junção aos autos da perícia. "A gravidade e urgência da deliberação do Plenário conduzem-me a liberar a pauta. Quando o Ministro Relator avisar estar habilitado a levar a questão, o pedido será julgado em sessão que será comunicada previamente aos Ministros deste Supremo Tribunal", escreveu Cármen Lúcia no despacho. Temer é acusado de corrupção passiva, obstrução à Justiça e organização criminosa por conta do conteúdo do áudio divulgado gravado por Joesley.



Sessão da Câmara de Vereadores de Brumado é transferida para quarta-feira (24.05)

(Foto: Daniel Simurro | 97NEWS)

O presidente da Câmara de Vereadores de Brumado, vereador Léo Vasconcelos comunica a toda a população que a sessão ordinária desta segunda-feira (22.05) foi transferida para a próxima quarta-feira (23.05) em razão do falecimento do radialista Sinval Souza, conhecido carinhosamente como “Maluco do Veneno”. O velório acontecerá nas dependências do legislativo brumadense em horário ainda a ser divulgado. Maluco do Veneno faleceu na manhã desta segunda-feira (22), depois de ficar internado em uma UTI do Hospital de Base em Vitória da Conquista, após sofrer um grave acidente de moto em Malhada de Pedras, no último dia 18 de maio.