ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Waldenor e Zé Raimundo se reúnem com secretário de saúde para tratar da agenda de inauguração dos leitos da UTI de Brumado

13 de Dezembro - Dia do Pedreiro: Quartzolar parabeniza a todos os profissionais

Servidor do INSS de Vitória da Conquista é condenado por fraudes em concessão previdenciária

Moradores do São Jorge preocupados com poste danificado; 'pode causar um grave acidente', relatam

Delegacia Territorial de Polícia Civil de Livramento recebe reforma

Instituto Nacional de Meteorologia emite boletim de alerta para Brumado e demais cidades da Região Sudoeste

Vem ai virada de preço: Raneychas e Banda Magnatas no Pré-Réveillon da AABB de Brumado

Brumado: Chuvas deixam estradas e pontes do meio rural intransitáveis; em alguns locais moradores estão ilhados

O filme se repete: Pista da Lindolfo fica destruída após a forte chuva da noite desta terça-feira (12)

Rastreamento com Inteligência: Aproveite a nova promoção da RotSat

Fraudes: PF cumpre mandados na Câmara de Deputados em investigação

Trabalhadores da RHI Magnesita e da Brumado Talco reprovam propostas do ACT/2017

Em visita ao Parque de Exposições Gilson Brito, comandante da 34ª CIPM elogia estrutura do Brumado Sunset

Ultrassonografia na Clínica Master com Dr. Joaquim Donato Júnior

Brumado: Temporal danifica vias públicas e derruba muros na cidade

TRF mantém bloqueio de 20 milhões em precatórios do Fundef recebidos por Paratinga (BA)

Cinco bandidos morrem em confronto com a Polícia após assalto a banco na BA; população aplaude

Sócios definem nesta quarta-feira (13) o novo presidente do Vitória

Flagrante: Adultos 'brincando' no parquinho infantil da Zeca Leite

Livramento: CIPE/Sudoeste apreende 4 espingardas artesanais no Distrito de Itanagé



BUSCA PELA CATEGORIA "Política"

Câmara banca viagem de Maia, Zé Rocha e Benito com 9 dias livres

(Foto: Bahia.ba)

Os deputados baianos José Rocha (PR) e Benito Gama (PTB) vão embarcar nesta sexta-feira (27) ao exterior do país. De acordo com a Folha, os parlamentares acompanharão o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). A viagem será bancada pelos cofres públicos, mas a Casa ainda não divulgou o custo. O itinerário inclui um roteiro de turismo em Jerusalém e Belém, em Israel, na terça-feira (31), e um dia de “agenda privada” no sábado (4), em Lisboa. A comitiva retorna no domingo (5). Entre os compromissos oficiais, constam um encontro com representantes de empresas israelenses da área de segurança pública e uma reunião com o primeiro-ministro de Israel, Binyamin Netanyahu. Na Itália, o único compromisso é uma cerimônia no “monumento votivo militar brasileiro”, na cidade de Pistoia, na Toscana, na quinta (2).



Tiago Amorim intensifica sua agenda política na busca de lançar candidatura a deputado estadual em 2018

O advogado Tiago Amorim ao lado do senador Otto Alencar em recente encontro em Salvador (Foto: 97NEWS)

Reconhecido como um dos advogados mais brilhantes desta nova geração, Tiago Amorim, já há um bom tempo vem demonstrando o seu forte DNA político, tanto que atualmente é o presidente do PSD de Brumado, que é um dos partidos que está numa curva de ascensão muito positiva em todo o país. Buscando dar continuidade ao seu planejamento que visa o lançamento de uma candidatura a deputado estadual nas eleições de 2018, ele esteve recentemente em Salvador, onde manteve um encontro com o senador Otto Alencar, que é presidente estadual do PSD. O 97NEWS entrou em contato com o advogado que destacou que "o encontro foi muito produtivo e voltei para Brumado ainda mais otimista, já que o senador Otto garantiu que o PSD irá viabilizar novas candidaturas". Ele ainda fez questão de declarar que "somos carentes de representantes para Brumado e diante de tantos escândalos de corrupção, corroborado pelo atual estado em que se encontra a política nacional, fica evidente a necessidade de mudanças profundas" e emendou em tom confiante dizendo que "então, diante disso, os nossos planos para buscar uma renovação política em nossa cidade estão cada vez mais sólidos e, se for para transformar positivamente a nossa cidade, eu serei sim candidato a Deputado Estadual e, posso garantir, que tudo caminha para isso acontecer”.



Presidente da Câmara de Correntina e quatro vereadores são presos; grupo pediu propina de R$ 50 mil a prefeito

Mandados foram cumpridos na Câmara Municipal de Veradores de Correntina (Foto: Arquivo Pessoal)

A operação "Último Tango", deflagrada nesta quinta-feira (26) pelo Ministério Público estadual (MP-BA), prendeu o presidente da Câmara de Vereadores do município de Correntina, oeste da Bahia, Wesley Campos Aguiar, conhecido como Maradona, e mais quatro vereadores da cidade, que não tiveram nomes divulgados. Segundo a promotoria, todos os presos estão envolvidos na formação de organização criminosa suspeita de fraudar processos licitatórios e contratos na cidade e desviar verbas públicas mediante pagamento de gratificações indevidas a servidores. O grupo também teria feito exigências ilícitas ao prefeito da cidade, inclusive a entrega de propina de R$ 50 mil para alguns vereadores em troca da aprovação de projetos de lei. A reportagem tentou falar com a câmara de vereadores, mas não conseguiu contato. Também não foi localizado um representante da prefeitura até a publicação desta reportagem. Foram cumpridos, no total, quatro mandados de prisão preventiva, quatro de prisão temporária e três de condução coercitiva. Os mandados foram expedidos pela Vara dos Feitos Relativos a Delitos Praticados por Organizações Criminosas de Salvador. As polícias Civil, Militar e Rodoviária Federal auxiliaram no cumprimento dos mandados. A investigação do MP-BA foi feita por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), com o apoio da Coordenadoria de Segurança Institucional e Investigação (CSI), Centro de Apoio Operacional às Promotorias Criminais (Caocrim), Centro de Apoio Operacional de Proteção às Promotorias de Proteção da Moralidade Administrativa (Caopam).



Apesar de fundo de R$ 1,7 bi, líderes partidários afirmam que caixa 2 continuará a existir

Foto: Reprodução

Uma reportagem do jornal O Estado de S.Paulo traz declarações dos líderes de vários partidos políticos sobre o financiamento da próxima campanha, e todos concordam em um ponto: o caixa 2, agora considerado crime, continuará existindo. Apesar do fundo de financiamento de R$ 1,77 bilhão aprovado pelo Congresso, eles acreditam que o valor não será suficiente para arcar com todos os custos da campanha. “Vai existir caixa 2? Vai. Mas está todo mundo com medo, com o tanto de empresário preso. Quem tem um pouquinho de juízo vai pensar duas vezes”, disse o presidente do PDT, Carlos Lupi. Para Carlos Siqueira, presidente do PSB, com as novas regras, será mais fácil perceber os excessos de quem estará infringindo a lei. “Quem quiser fazer caixa 2, que faça, e vá parar onde estão os que faltaram com a ética antes”, afirmou. “Os partidos vão ter de se adequar, reduzir os gastos de campanha”, afirmou a presidente do PT, senadora Gleisi Hoffmann.



`A educação pública brasileira está sendo dilapidada´, afirma Waldenor

Foto: Reprodução

Em pronunciamento na sessão plenária da Câmara dos deputados, o deputado Waldenor Pereira fez duras críticas ao governo ilegítimo e golpista de Michel Temer na última terça-feira (17). O deputado lamentou a redução drástica no orçamento da educação para ano de 2018. O parlamentar explicou o que considera um descompromisso com a educação brasileira. A proposta orçamentária para o ano de 2018, comparada ao ano de 2017 na educação básica, superior, profissional e tecnológica decresceu, representando um forte impacto no campo educacional e na garantia do direito à educação. Waldenor apresentou dados do desmonte do orçamento da educação: “A educação infantil terá um corte de 94%, a educação de jovens e adultos, um corte de 81%, na educação básica, a redução será de 61%. O desenvolvimento científico e tecnológico, uma redução na proposta orçamentária de 70% no orçamento para o ano de 2018. A concessão de bolsas no país e no exterior vai perder 1 bilhão de reais em relação a 2017”, disse.  “Eu recomendo aos parlamentares que apoiam o governo Temer fazerem a leitura da proposta orçamentária para 2018 e lá vão encontrar dados assustadores, que revelam um corte sem precedentes no orçamento para a educação pública no Brasil”,criticou o parlamentar.



Cientistas Sociais e Geógrafos serão incluídos nos quadros da Assembleia Legislativa

Foto: Divulgação

Emenda do deputado estadual Zé Raimundo (PT), ao de projeto de lei aprovado no último dia 17, instituindo o Plano de Carreiras, Cargos e Vencimentos dos Servidores da Assembleia Legislativa da Bahia, inclui vagas para os cientistas sociais e geógrafos nos quadros da Casa. As vagas para estes especialistas serão preenchidas através dos próximos concursos públicos, assim como as demais categorias que fazem parte do efetivo de servidores do legislativo baiano. “Sendo esta uma casa política, há uma necessidade do olhar e da importante contribuição do cientista social e do geógrafo”, defendeu Zé Raimundo na emenda acatada ao projeto que visa a modernizar os quadros funcionais do Legislativo e adequar as carreiras às necessidades atuais do Parlamento.  O PL 22.476/17 foi fruto da ampla negociação entre parlamentares, representantes dos servidores, da administração da ALBA e de prepostos do Poder Executivo. Foi aprovado por unanimidade entre os 59 deputados presentes.



Lúcio se diz tranquilo sobre operação da PF: 'não encontrarão nada de errado'

(Foto: 97NEWS Conteúdo)

Dois dias após ser alvo de operação de busca e apreensão da Polícia Federal, o deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA) reapareceu na Câmara nesta quarta-feira e se disse tranquilo em relação às investigações. O peemedebista afirmou que os agentes não encontrarão nada de ilícito no material apreendido e negou suposta versão de que os R$ 51 milhões encontrados pela PF em um apartamento em Salvador são oriundos de herança do pai dele. “Quantas buscas e apreensão já tiveram? Só a minha que é arretada? Teve uma busca e apreensão, que é uma medida para investigação, que não quer dizer culpabilidade. Com a busca e apreensão, é mais um elemento para demonstrar a minha inocência. (…) Não vão encontrar nada de errado”, afirmou Vieira Lima em rápida entrevista dentro do plenário da Câmara. “Tensão? Tensão quem tem é mulher, tensão menstrual”, acrescentou. Na última segunda-feira (16), a PF fez busca em quatro endereços ligados a Lúcio e a Job Ribeiro Brandão, secretário parlamentar dele. Entre os locais vasculhados, estavam o gabinete na Câmara e o apartamento do peemedebista em Salvador. A operação foi pedida pela Procuradoria-Geral da República (PGR) e autorizada pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Os agentes apreenderam documentos e mídias. As medidas cautelares, segundo a PGR, são um desdobramento das investigações que apuram a origem e a responsabilidade por R$ 51 milhões apreendidos em Salvador, no dia 5 de setembro. As cautelares foram solicitadas pela PGR após as investigações iniciadas na primeira instância, no âmbito da Operação Cui Bono, terem sido enviadas ao STF. A operação resultou na prisão do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMD), irmão de Lúcio. “O envio do caso ao STF deu-se em consequência de os investigadores terem encontrado indícios de envolvimento do parlamentar, que é irmão do ex-ministro Geddel Vieira Lima no recolhimento e guarda do dinheiro”, justificou a Procuradoria. Além das cautelares, a PGR pediu que as investigações relativas à Operação Cui Bono, que apura irregularidades na Caixa Econômica Federal, continuem sob competência da primeira instância. Na entrevista nesta quarta-feira, Lúcio não respondeu quando questionado sobre a origem dos R$ 51 milhões em dinheiro vivo encontrados em um apartamento, cujo dono disse ter emprestado ao deputado. Questionado sobre suposta afirmação de que Geddel teria dito que era de herança, ele negou. “Geddel nunca disse isso. Nunca disse isso. Aposto com você.”, declarou. Segundo ele, a “estratégia de defesa quem vai dizer é o advogado”.



Senadores baianos votaram pelo afastamento de Aécio

(Fotos: Reprodução)

Dos 26 votos que concordavam com a decisão do Supremo Tribunal Federal de manter o senador Aécio Neves (PSDB) afatado do seu mandato, três foram dos senadores baianos. Lídice da Mata (PSB), Otto Alencar (PSD) e Walter Pinheiro (Sem partido) - que foi exonerado nesta terça-feira (17) da secretaria da Educação da Bahia para poder votar - tentaram, mas não conseguiram fazer parte da maioria. Aécio se livrou do afastamento, pois outros 44 membros da Casa Alta do Congresso votaram a seu favor. Aécio foi citado na denúncia contra o presidente Michel Temer, acusado de receber 2 milhões de reais do empresário Joesley Batista, da J&F, além de atuar para obstruir a investigação da Lava Jato. O senador nega ter cometido crimes.



STF desmembra investigações sobre Geddel e Lúcio Vieira Lima

Foto: Reprodução

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Luiz Edson Fachin, decidiu na tarde dessa terça-feira (17), desmembrar as investigações que envolvem Geddel Vieira Lima (PMDB-BA) e o irmão dele, o deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA). Pela decisão, a apuração sobre os R$ 51 milhões encontrados em um apartamento em Salvador (BA), permanecerá no Supremo. Lúcio tem direito ao chamado foro privilegiado. Já as suspeitas sobre desvios na Caixa Econômica Federal, foram remetidas à Justiça de Brasília.



Zé Carlos de Jonas acompanha visita do governador em Dom Basílio e destaca sua satisfação com anúncio de inauguração da UTI e outras benefícios para Brumado

O vereador Zé Carlos de Jonas ao lado do deputado federal Waldenor Pereira durante a visita de Rui Costa a Dom Basílio (Foto: Divulgação)

Na manhã do último dia 16 de outubro o governador Rui Costa e comitiva estiveram em visita a cidade de Dom Basílio, quando autorizou diversas obras e investimentos que beneficiarão toda a população. O vereador José Carlos de Jonas (PT) que tem sido no legislativo brumadense um parlamentar de destaque em razão das muitas conquistas que tem conseguido para os brumadenses, em especial os que residem na zona rural, esteve acompanhando a visita do governador em companhia do deputado federal Waldenor Pereira, que tem sido um aliado muito importante para que benefícios sejam realizados em Brumado. “Posso considerar o deputado como um grande amigo, que muito tem feito para que consigamos promover o desenvolvimento de nossa cidade”, observou o vereador. Jonas destacou que foi um evento de grande importância para o município vizinho que será beneficiado com melhorias de muita relevância, demonstrando a responsabilidade do governador em concretizar seus compromissos que ofertam a melhoria da qualidade de vida dos baianos. Assim como também foi para Brumado, visto que em seu pronunciamento Rui Costa falou sobre a UTI declarando que no mês de novembro deverá ser inaugurada. “Para nós que acompanhamos o trabalho do Governador e conhecemos sua determinação foi um momento de grande satisfação, visto que em breve poderemos contar com nossa tão esperada UTI, assim como com a Policlínica, que segundo informou o Governador será construída a Policlínica Regional na área do hospital, além de vários equipamentos que irão capacitar o hospital para que possa realizar cirurgias de alta complexidade.  Seremos um polo regional”, destacou Jonas. Continuou dizendo que “assim como o governador Ruy Costa solicitou em seu pronunciamento, nós também gostaríamos de dizer que é de suma importância que os prefeitos venham a aderir ao Consórcio, é um benefício que atenderá a necessidade de toda uma região”.

O deputado Waldenor Pereira durante o seu pronunciamento no evento (Foto: Divulgação)


Salvador: PF faz busca em endereço de Lúcio Vieira Lima

A primeira operação da Polícia Federal na gestão da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, tem como alvo o deputado federal baiano Lúcio Vieira Lima (PMDB), irmão do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB). Os investigadores querem saber se o parlamentar tem ligação com os R$ 51 milhões encontrados em um apartamento no bairro da Graça, em Salvador, onde foram identificadas digitais de Geddel e do advogado Gustavo Ferraz, ambos presos na Papuda, em Brasília. Na operação deflagrada na manhã desta segunda-feira (16), os agentes da PF cumprem mandados de busca e apreensão no apartamento funcional de Lúcio Vieira Lima, em Brasília, em endereços localizados em Salvador. A ação foi autorizada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin.



Relator dá parecer contrário à segunda denúncia contra Temer

O presidente Michel Temer - 26/09/2017 (Evaristo Sá/AFP)

O deputado federal Bonifácio de Andrada (PSDB-MG) recusou nesta terça-feira, 10, a segunda denúncia contra o presidente Michel  Temer. O tucano é relator do parecer apresentado durante a sessão da Comissão de Constituição de Justiça da Câmara, passo inicial da tramitação do processo. O parecer recomenda que a Câmara não autorize que a acusação assinada pelo então Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, seja analisada pelo Supremo Tribunal Federal. O presidente e os ministros Moreira Franco (Secretaria Geral) e Eliseu Padilha (Casa Civil) são acusados de integrar organização criminosa que teria recebido ao menos R$ 587 milhões de propina. Temer também é acusado de obstruir a Justiça. Todos negam as acusações.



Apartamento funcional de Lúcio era usado para negociatas de Geddel; diz Delator da J&F

Foto: Reprodução

Um anexo complementar apresentado pelo delator Francisco de Assis e Silva, diretor jurídico da J&F, traz informações novas sobre a atuação do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) junto ao grupo detentor da JBS. De acordo com documento divulgado pela imprensa nesta terça-feira (10), o peemedebista usava o apartamento funcional do irmão Lúcio Vieira Lima (PMDB) em Brasília para negociatas. No documento, Francisco Silva contou que o ex-ministro solicitou uma minuta do projeto de lei que previa a ‘anistia do caixa 2’ e chegou a perguntar sobre o ânimo do corretor Lúcio Funaro para falar sobre o que sabia. O peemedebista também disse estar preocupado com documentos encontrados pela Polícia Federal na casa do ex-deputado federal Eduardo Cunha. Apesar dos encontros ocorridos no imóvel funcional do deputado federal baiano, o delator disse nunca ter conhecido o parlamentar pessoalmente. Veja o que consta no anexo:



Bela e Determinada : Deputada 'tucana' protesta contra machismo histórico na Câmara Federal

O protesto feito pela deputada federal Shéridan acabou ecoando na mídia nacional (Foto: Reprodução)

A deputada federal Shéridan (PSDB-RR), devido à sua formosura,  sempre atraiu olhares sobre si, já que a sua beleza é realmente radiante. Mas, a contemplação, que é provocada por um misto de deusa grega com a mulher brasileira, acabou indo para o campo reprovável do machismo, já que, segundo a parlamentar, ela teria recebido "gracejos" indecorosos por alguns de seus pares, o que acabou chamando ainda mais atenção sobre a Reforma Política, já que, a tucana é rival política do senador Romero Jucá (PMDB-RR), além do fato dela ser a relatora da proposta que ficou conhecida como PEC da Shérican, que a partir do próximo ano cria uma cláusula de barreira e põe fim às coligações em 2020. A deputada também criticou o processo dizendo que houve uma inversão de prioridades na reforma política e que o financiamento de campanha se tornou a parte mais importante". Com um número ainda muito limitado de mulheres, apesar dos avanços na legislação que vem buscando a igualdade participativa, a Câmara Federal, para muitos, ainda é um "antro encubado" do machismo histórico que sempre "azeitou" a sociedade brasileira. 



PF testa 810 bilhões de senhas, mas não abre arquivos de operador do PMDB

(Foto: Divulgação PF)

Após 810 bilhões de tentativas frustradas, a Polícia Federal encerrou relatório sem conseguir acessar arquivos dos operadores Jorge e Bruno Luz, que confessaram pagamento de R$ 11,5 milhões em propinas a peemedebistas oriundos de contratos da Petrobrás. A perícia sobre os documentos, que foram entregues pela própria defesa dos empresários, se encerrou após outo dias ininterruptos de testes com o fim de descriptografar arquivos referentes às offshores usadas por eles para o intermédio de vantagens indevidas.



Aprovada reforma na Lei de Execução Penal; texto segue para a Câmara

O presidente do Senado, Eunício Oliveira, conduziu a votação e explicou que a matéria segue para análise da Câmara dos Deputados Jonas Pereira/Agência Senado

O Plenário aprovou nesta quarta-feira (4) o substitutivo ao Projeto de Lei do Senado (PLS) 513/2013, que modifica a Lei de Execução Penal (Lei 7.210/1984). De acordo com o relator, senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), o projeto reduz a superlotação dos presídios, melhora a ressocialização dos presos, combate o poder do crime organizado nas penitenciárias e previne as rebeliões que provocaram centenas de mortes nos últimos anos. A matéria será encaminhada à Câmara dos Deputados. Anastasia destacou que o sistema carcerário nacional encontra-se em situação crítica. Ele ressaltou que o Brasil tem uma quantidade muito alta de presos encarcerados (provisórios e em regime fechado) em relação a presos em regimes de liberdade relativa (semiaberto ou aberto). Também apontou a falta de vagas em todos os regimes, sobretudo nos regimes semiaberto e aberto. O senador observou ainda que a grande quantidade de presos provisórios provoca um efeito cascata, que pressiona todo o sistema de execução penal, e apontou a baixa proporção de presos que trabalham ou estudam em relação ao total da população carcerária. O relator rejeitou emendas apresentadas em Plenário, tendo em vista que o projeto já havia sido aprovado na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), e ainda será debatido na Câmara. Entre as alterações previstas no projeto estão a valorização do trabalho dos detentos; a previsão expressa de incentivo fiscal para empresas que contratarem presos e egressos e de parcerias público-privadas para a educação e profissionalização dos presos; possibilidade de uso de telefone público (monitorado), o que pode contribuir para diminuir o poder das organizações criminosas em relação ao uso clandestino de celulares; e progressão antecipada de regime em caso de superlotação de presídio como direito do preso. A elaboração do projeto começou em 2012, quando o então presidente do Senado, José Sarney (PMDB-MA), nomeou uma comissão de juristas com esse objetivo. O texto resultante do trabalho desta comissão foi então subscrito pelo presidente seguinte, Renan Calheiros (PMDB-AL). A Lei de Execução Penal é considerada obsoleta em vários pontos, o que contribuiria para a superlotação do sistema carcerário. A reforma, ressaltaram os senadores, tem objetivo de humanizar os presídios, facilitar a ressocialização dos presos e desburocratizar procedimentos no sistema.



'Governo Herzen é estelionato eleitoral e ponga em obras de Rui', dispara Waldenor

(Foto: Divulgação)

O deputado federal Waldenor Pereira disparou críticas contra a gestão do prefeito Herzem Gusmão (PMDB) durante pronunciamento na Câmara dos Deputados, nesta terça-feira (3). Para o parlamentar conquistense, a eleição do peemedebista tem se mostrado "o maior estelionato eleitoral do município". "Ele que, após 9 meses de administração, foi incapaz de apresentar qualquer projeto para a sociedade conquistense, resolveu adotar para si ações do governo do Estado da Bahia, do Governo Rui Costa. Resolveu pongar na garupa das ações do governo Estadual, dizendo que veio a Brasília buscar recursos para a conclusão das obras do aeroporto e para a construção da barragem sobre o Rio Catolé", disparou o parlamentar.  Em sua fala, Waldenor recomenda a Gusmão buscar recursos para a saúde, "que está funcionando com muita precariedade", para a mobilidade urbana da cidade, "que está destruída e totalmente esburacada", e para o desenvolvimento dos distritos do município.  "Aliás, Senhor Presidente, comenta-se que ele veio a Brasília não buscar recursos, mas visitar o seu maior aliado político, o ex-ministro Geddel Vieira Lima", alfineta o deputado federal ao encerrar o seu discurso. Confira o vídeo abaixo: 



Deputado Waldenor Pereira é homenageado pela PRF

(Foto: Divulgação)

O deputado federal Waldenor Pereira recebeu homenagem dos Policiais Rodoviários Federais (PRF) na Bahia entregue pelo superintendente da Polícia Rodoviária Federal na Bahia, Virgílio de Paula Tourinho, pelo presidente do Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais no Estado da Bahia (SINPRF-BA), Fábio Serravalle Franco, e pelo assessor parlamentar Marcelo Carvalho, nesta terça-feira (26), em Brasília. A categoria agradece ao parlamentar baiano por sua dedicação e luta em defesa das demandas dos policiais rodoviários em votações importantes da Câmara dos Deputados. Na oportunidade, o superintende Virgílio Tourinho apresentou a Waldenor o pedido para destinação de emenda parlamentar de sua autoria para a reforma do posto da Polícia Rodoviária Federal em Vitória da Conquista. O deputado se comprometeu em se reunir com a PRF do município para apresentação do projeto e orçamento da reforma solicitada.



Índios dizem que fazenda atribuída a Geddel é “sagrada” e querem demarcação

Foto: Reprodução l Whatsapp 97News

A Fazenda Esmeralda, atribuída ao ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) e ao irmão dele, o deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB), no município de Potiraguá, no sul baiano, foi ocupada, no último sábado (23), por cerca de 30 homens que estavam armados com espingardas e outras armas longas. Os índios pataxó, que ocupam o local há cinco dias, querem a demarcação das terras, que segundo eles são indígenas. A área tem, ao todo, 643 hectares, o que equivale a 643 campos de futebol. Os indígenas, de várias aldeias da região, afirmam que existem ao menos três cemitérios indígenas na fazenda, por isso, o local é considerado sagrado. Mais de mil cabeças de gado estavam na fazenda, mas, segundo os índios, no domingo (24), funcionários da fazenda levaram os animais. Inicialmente as investigações estavam sob a responsabilidade da Polícia Civil do município, que encaminhou o caso para a Delegacia da Polícia Federal de Vitória da Conquista, no sudoeste do estado. A PF é responsável por atuar em situações como essa, que envolvam indígenas.



Tanhaçu: Embasa contrata empresa para projeto da Adutora de Cristalândia

(Foto: Divulgação)

O Governo da Bahia, por meio da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), divulgou no Diário Oficial da última quinta-feira (21) o nome da empresa contrata para a elaboração do projeto executivo para a adutora de Cristalândia, obra que prevê a captação de água na barragem de Brumado para abastecer a zona rural e a sede de Tanhaçu. O projeto será elaborado pela Geohidro Consultoria Sociedade Simples Ltda, com recursos que chegam a quase R$ 500 mil, atendendo a uma reivindicação das lideranças políticas de Tanhaçu junto com os deputados Waldenor Pereira (federal) e Zé Raimundo (estadual).  Na última segunda-feira (18), o candidato a prefeito na última eleição Ney Santana (PT), acompanhado do seu candidato a vice, o ex-vereador Vado da Jurema, estiveram na sede da Embasa em Salvador, em audiência articulada pelos parlamentares baianos, reforçando o pleito que vai atender a uma reivindicação antiga do povo de Tanhaçu. Segundo Ney, hoje, a principal demanda da população tanhaçuense é a melhoria na distribuição de água. “No período da seca, nosso município passa a ser abastecido por água vinda de poços artesianos que, muitas vezes, é uma água salobra, com pouca qualidade para consumo”, explica.  Os deputados comemoraram o rápido atendimento da solicitação reforçada por eles nesta semana e agradeceram o governador Rui Costa pela atenção com os pleitos dos mandatos, “visando sempre atender da melhor forma a população de nossa região”, comentou Waldenor.  Quando construída, a Autora de Cristalândia levará água encanada até o distrito de Ourives, zona rural de Tanhaçu, possibilitando a interligação com o sistema já existente entre esta localidade e a sede do município.