97 News
publicidade
 
Vídeo em Destaque
 
Vereador, filho do prefeito de Brumado é escoltado pela Polícia durante sessão
 
Mais vídeos
 
publicidade
 
Facebook
 
publicidade
 
Resultado da busca pela categoria "brasil":
22.Mar.2017 - 06:48
 
Oposição promete obstruir votação da terceirização
Estadão Conteúdo
 
 

(Foto: Reprodução)
 

Líderes de partidos da oposição anunciaram nesta terça-feira (21) que vão obstruir a votação do Projeto de Lei (PL) 4302/98, que prevê a “regulamentação” do trabalho temporário. O anúncio foi feito após reunião de líderes, quando o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), confirmou o debate do texto para esta noite e votação da matéria na quarta-feira (22), com galerias fechadas. Para a líder do PCdoB na Câmara, deputada Alice Portugal (BA), Rodrigo Maia agiu como líder do governo Temer ao empurrar goela abaixo dos parlamentares esta pauta.”Esse projeto estava fora da pauta há uns 15 anos. Havia outro em debate, o 4330, que também era ruim, mas não era tão amplo. Agora, com uma urgência inexplicável, o presidente da Casa quer retomar o texto, que está sendo criticado inclusive por membros da base do governo Temer. E isso acontece porque o PL 4302 é muito ruim. Além de terceirizar a atividade-fim, ele muda a natureza do trabalho temporário, transformando-o em trabalho permanente. Só nos resta obstruir”, aponta a parlamentar.Além da terceirização irrestrita, outra alteração do PL 4302/98 está relacionada a mudanças no contrato de trabalho temporário, ampliando as condições em que ele pode ser exercido. Hoje, a legislação trabalhista permite este tipo de contratação quando ocorre um acréscimo extraordinário de trabalho, como na Páscoa, por exemplo; ou para substituição provisória de funcionário, como em caso de licença maternidade ou férias. Já o PL 4302 modifica a chamada exigência de acréscimo extraordinário de serviço para “demanda complementar de serviços”. Dessa forma, permite uma maior abrangência de uso pela empresa deste tipo de contratação. O texto amplia ainda a duração do contrato para 180 dias, consecutivos ou não, podendo ser prorrogado por mais 90 dias, consecutivos ou não.

 
 
 
 
(0) comentário(s)
publicidade
21.Mar.2017 - 11:34
 
Malhada de Pedras: Broto triplo de bananeira em forma de coração nasce em quintal de aposentado de 92 anos
Redação 97NEWS
 
 

O aposentado Jesuíno José de Aguiar de 92 anos disse que nunca tinha visto um broto de banana triplo (Foto: 97NEWS)
 

A Natureza sempre se renova e muitas vezes apresenta coisas inovadoras e muitas vezes inusitadas que chamam a atenção. Uma dessas surpresas aconteceu nesses dias no município de Malhada de Pedras, região sudoeste da Bahia, onde um broto triplo de bananeira nasceu no quintal da casa do aposentado Jesuíno José de Aguiar, de 92 anos, o qual é muito conhecido na cidade como “Chico Marchante”. Segundo ele, em toda a história da sua vida, nunca foi visto um fato como esse, pois além de tudo, o broto tem a forma de coração (foto abaixo). Ainda segundo informações do próprio aposentado, ele ouviu várias pessoas da mesma idade, que também disseram que nunca tinham visto um fato como esse. 

 

 
 
(0) comentário(s)
publicidade
20.Mar.2017 - 16:50
 
Depois da operação 'Carne Fraca', PEC de autonomia da PF está em risco
Política Livre
 
 

O bicho pode ter pegado para a Polícia Federal no Congresso depois da "Carne Fraca"
 

Com a “lambança” que políticos acreditam que a Polícia Federal fez com a operação “Carne Fraca”, há grande chance de ter subido no telhado a PEC 412, por meio da qual delegados acreditavam que conseguiriam a autonomia da instituição. Esta é a opinião, inclusive, de deputados federais baianos ouvidos nessa sengunda-feira (20). A maioria, como o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, não condena a operação que apura adulteração de carne produzida no Brasil, mas a “pirotecnia” que envolveu um setor tão importante para a economia nacional, que inclusive a segurou neste momento de crise, levando em conta, principalmente, seu impacto no mercado internacional. “Se queriam uma justificativa (contra a autonomia da PF), ela está dada”, disse um conhecido parlamentar baiano, observando que a operação poderia ter sido conduzida “sem o estardalhaço que a envolveu”.

 
(0) comentário(s)
publicidade
18.Mar.2017 - 07:46
 
Brasil pede ajuda internacional para repor os estoques de vacinas contra a febre amarela
Informações do Estadão
 
 

(Foto: Reprodução)
 

Ministério da Saúde pediu ajuda internacional para abastecer seus estoques de vacina contra febre amarela. Diante da decisão do Rio de vacinar, até o fim do ano, toda população do Estado e da epidemia registrada em vários pontos do País neste ano, o Ministério da Saúde solicitou 3,5 milhões de doses ao Grupo de Coordenação Internacional para o Fornecimento de Vacinas. Elas deverão chegar no País na próxima semana.Além do auxílio internacional, o Ministério da Saúde solicitou que a Fundação Oswaldo Cruz passe a produzir o imunizante em sua capacidade máxima: 9 milhões de doses mensais. Esse quantitativo de acordo com a pasta, deverá estar disponível no mês de abril.Integrantes do ministério afirmam que as duas medidas são suficientes para garantir abastecimento adequado em todo o País. Mesmo com essas duas decisões, o governo não cogita suspender a exportação da vacina para entidades internacionais. O Ministério da Saúde justificou que o pedido de doses extras constitui uma estratégia para não reduzir de forma significativa o estoque estratégico de imunizante contra febre amarela. A dimensão do estoque é mantida sob sigilo, sob a alegação de ser uma informação de segurança.Com a decisão do Rio de vacinar até o fim do ano toda população do Estado, serão necessárias cerca de 15 milhões de doses. Nesta quinta-feira, foram enviadas 1 milhão de doses. A previsão é de que nos próximos 10 dias, outro milhão seja entregue. Até abril outros 2 milhões de doses serão encaminhados ao Estado.De acordo com o Ministério da Saúde, a vacinação contra febre amarela no Rio será feita de forma gradual. Nessa primeira etapa são atendidos 55 municípios. A mesma estratégia foi adotada no Espírito Santo, Estado que até este ano era considerado livre de febre amarela. Em virtude da epidemia, o Espírito Santo decidiu estender a vacina para toda a população.A produção média da Fiocruz é de 4,5 milhões de doses mensais. No ano passado, foi enviado para o Ministério da Saúde o equivalente a 1,2 milhão de doses por mês. Este ano, por causa da epidemia, o quantitativo subiu para 6,5 milhões de doses. A estimativa do Ministério da Saúde é a de que até o fim do ano sejam distribuídas 70 milhões de doses de vacina contra a doença.Passada a epidemia, o governo deverá mudar a estratégia de vacinação contra febre amarela. A ideia é incorporar o imunizante no programa de imunização para crianças de todo o País. Hoje, a vacina é ofertada no calendário vacinal apenas para crianças que vivem em regiões consideradas de risco.Infectologistas, no entanto, consideram que essa estratégia não é mais suficiente para enfrentar a mudança do perfil da febre amarela no Brasil. A doença ao longo dos últimos 20 anos se espalhou. Em 2001, 1.945 municípios tinham recomendação para que população fosse vacinada. Em dezembro do ano passado, os municípios com recomendação de vacina chegam a 3.530. Agora, a recomendação atinge também Espírito Santo, Rio e cidades da Bahia.

 
(0) comentário(s)
publicidade
17.Mar.2017 - 06:58
 
Lava Jato: Nem capa de Playboy escapou e foi indiciada
 

(Foto: Reprodução)
 

A Polícia Federal (PF) indiciou a modelo e ex-amante do doleiro Alberto Youssef, Taiana Camargo, na segunda-feira (13). Ela foi indiciada pelos crimes de lavagem ou ocultação de bens, direitos e valores de Youssef, um dos primeiros alvos da Operação Lava Jato. Conforme a polícia, para esconder o seu patrimônio, Yousseff transferiu um apartamento em São Paulo para Taiana e uma sociedade em um restaurante. Ainda de acordo com a polícia, além de quitar diversas despesas cotidianas da modelo, como o condomínio e a escola do filho dela, o doleiro ainda a presentou com uma BMW. Segundo a PF, Taiana tinha conhecimento das atividades ilícitas de Youssef. “Ou, ao menos, era presumível que soubesse delas”, afirma o delegado da Polícia Federal Ivan Ziolkowski. No despacho, a PF ainda fala sobre a dificuldade em ouvir a modelo.

 
(0) comentário(s)
publicidade
16.Mar.2017 - 08:08
 
Quatro baianos aparecem em lista de Janot, segundo a Globo
Política Livre
 
 

Geddel, Lucio, Aleluia e Lídice figuram na lista de Janot (Foto: Reprodução)
 

O jornal da Globo revelou há pouco o nome de quatro baianos que foram relacionados na lista de Janot, em que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pede investigações à Justiça por causa das delações dos executivos da Odebrecht. São eles: Geddel Vieira Lima, ex-ministro, o deputado federal Lúcio Vieira Lima, ambos do PMDB, a senadora Lídice da Mata (PSB) e o deputado federal José Carlos Aleluia (DEM). Além deles, a Globo revelou o nome dos seguintes investigados que não tinham tido ainda seus nomes revelados: os governadores Renan Filho (Alagoas), Luiz Fernando Pezão (Rio de Janeiro), Fernando Pimentel (Minas Gerais), Tião Viana (Acre) e Beto Richa (PR). Também os senadores Lindberg Farias (PT-RJ), Jorge Viana e Marta Suplicy, do PMDB, os deputados federais Marco Maia, Andre Sanches e Paes Landim, o ex-governador Sérgio Cabral, Eduardo Cunha, Duarte Nogueira, Paulo Skaf, o ex-ministro Edinho Silva e Anderson Dornelles, assessor direto da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), além do ministro Marcos Pereira, do PRB. O ex-ministro Geddel e Lúcio Vieira Lima não quiseram se manifestar. Lídice da Mata disse que não foi notificada e que acredita que tudo será esclarecido e Aleluia, que suas contas de campanha foram aprovadas pela Justiça Eleitoral.

 
(0) comentário(s)
publicidade
16.Mar.2017 - 07:52
 
Congresso quer reforma para garantir reeleição
Estadão
 
 

Foto: EFE/Joédson Alves
 

Temendo os efeitos negativos da Operação Lava Jato sobre as eleições de 2018, a cúpula do Congresso quer aprovar uma proposta que privilegia a reeleição dos atuais deputados e dificulta a renovação de nomes na Casa. O objetivo é garantir a manutenção do foro privilegiado dos parlamentares em meio ao avanço da investigação da Lava Jato. Sem o foro, as apurações que hoje tramitam no Supremo Tribunal Federal (STF) poderiam passar a ser conduzidas na primeira instância, inclusive pelo juiz Sérgio Moro. A proposta dos presidentes do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), e da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), é aprovar uma reforma política que altere o sistema eleitoral para que os deputados passem a ser eleitos por meio da chamada lista fechada. A medida – que não teria efeito no caso dos senadores, cuja eleição é majoritária – foi discutida durante reunião com o presidente Michel Temer e o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Gilmar Mendes, nesta quarta-feira, 15, no Palácio do Planalto. No encontro, eles também trataram de um novo modelo de financiamento de campanha. A ideia é criar um “fundo eleitoral”, abastecido com recursos públicos do Tesouro, para bancar campanhas. “O financiamento de pessoa jurídica volta no Brasil? Não. Nós temos cultura de financiamento de pessoa física? Não. Vamos ter que caminhar para o financiamento público. Democracia precisa de dinheiro”, disse Maia após a reunião. Gilmar ressaltou porém que o novo modelo de financiamento só pode ser alterado se houver mudança no sistema eleitoral. “Não adianta nada falar de criar um sistema público de financiamento com o sistema que temos hoje de lista aberta.” Segundo técnicos do TSE, o sistema de votação por lista fechada reduziria os custos de campanha, pois a propaganda política deixa de ser individualizada e passa a ser do partido. Apesar de promover a reunião no Planalto e apoiar a discussão, Temer reiterou que cabe ao Congresso analisar a questão e não pretende patrocinar nenhum tipo de proposta.

 
(0) comentário(s)
publicidade
15.Mar.2017 - 17:47
 
Brumado: Se inicia na noite desta quarta-feira (15) a 5ª Semana Espírita de Brumado
Redação 97NEWS
 
 

(Divulgação)
 

O Espiritismo é uma das religiões que mais cresce em Brumado, agregando a cada ano novos membros e se mostrando cada vez mais participativa com a realização de vários eventos e ações solidárias. Esta quarta-feira (15) marca uma data muito importante para os espíritas da terra do minério, já que, a partir das 20h, na Câmara Municipal de Brumado, se iniciará a 5ª Semana Espírita de Brumado. O tema escolhido para esse ano será “Brasil, Coração do Mundo, Pátria do Evangelho”. Com uma vasta programação que inclui palestras, seminários e muitos ensinamentos que irão até a próximo domingo (19). Palestrastes e expositores de renome estarão participando do cronograma, confira: Lusiane Bahia (advogada e trabalhadora do Centro Espírita Caminho da Redenção), Abigail Guimarães (Graduada em Direito e Ciências Sociais e Membro da União Espírita de Vitória da Conquista), Antônio Henrique (Graduado em Direito, professor e Membro do Centro Espírita Bezerra de Menezes, em Jequié), Marcel Cadidé Mariano (Funcionário público, graduado em História e Direito, Conselheiro da Federação Espírita do Estado da Bahia e trabalhador do Centro Espírita Caminho da Redenção), Patrick Pires (Advogado, diretor da Associação Jurídico Espírita do Sul da Bahia e do Centro Espírita Casa de Guará, em Itabuna) e Projeto Manoel P. de Miranda.

 
(0) comentário(s)
publicidade
14.Mar.2017 - 18:06
 
Relator da reforma trabalhista vai propor fim da obrigatoriedade da contribuição sindical
Agência Câmara
 
 

(Foto Ilustrativa)
 

O relator da proposta de reforma trabalhista (PL 6787/16), deputado Rogério Marinho (PSDB-RN), informou há pouco em entrevista que vai propor em seu parecer o fim da obrigatoriedade da contribuição sindical, tanto a patronal, como a de trabalhadores Hoje, cada empregado contribui com o equivalente a um dia de trabalho para o sindicato. Rogério Marinho acredita que, dessa forma, haverá o fortalecimento dos sindicatos. "Muitos trabalhadores sequer sabem para onde vai essa cobrança, isso representou R$ 15 bilhões  nos últimos cinco anos entre sindicatos patronais e de trabalhadores, muitos deles que não representam suas categorias”, afirmou. Segundo Marinho, para ter melhor capacidade de negociação os sindicatos terão que se esforçar para conseguir filiados. Ele informou ter participado de mais de dez reuniões de trabalho com todos os setores interessados e que a grande crítica é a fragilidade da representação dos empregados frente aos empregadores. Isso, segundo ele, se dá pela baixa representatividade dos sindicatos. “Hoje, no Brasil, temos 17 mil sindicatos. A Argentina, por exemplo tem menos de 100.” O deputado lembrou que não pode alterar a regra da unicidade sindical, prevista na Constituição, mas que o fim da obrigatoriedade da contribuição pode ser feita no projeto de lei.

 
(0) comentário(s)
publicidade
14.Mar.2017 - 07:26
 
Micose causa lesões sérias e potencialmente fatais em gatos; doença pode ser transmitida para humanos
 

Foto: Reprodução
 

Uma micose que causa lesões sérias e potencialmente fatais em gatos tem se espalhado pelo Brasil. Causada por um fungo que vive naturalmente no solo, o Sporothrix, a doença pode ser transmitida para humanos. As lesões em humanos e cães geralmente não são tão severas como nos felinos e raramente impõem risco à vida. Mesmo em gatos, que são mais afetados, a doença tem cura, mas o tratamento é caro e demorado. "No Brasil, a esporotricose humana não é uma doença de notificação compulsória e, por isso, a sua exata prevalência é desconhecida", afirmou a veterinária Isabella Dib Gremião, do Laboratório de Pesquisa Clínica em Dermatozoonoses em Animais Domésticos do Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas da Fundação Oswaldo Cruz (INI/Fiocruz), à Agência Fapesp. No entanto, o Rio de Janeiro tem registrado um aumento alarmante de casos. "Desde julho de 2013, devido ao status hiperendêmico da esporotricose no Rio de Janeiro, a doença se tornou de notificação obrigatória no estado. Apenas no INI/Fiocruz, unidade de referência no Rio de Janeiro, mais de 5 mil casos humanos e 4.703 casos felinos foram diagnosticados até 2015", disse a pesquisadora. Apenas naquele ano, segundo dados da Vigilância Sanitária do município do Rio de Janeiro, foram 3.253 casos felinos. Já em 2016, verificou-se um aumento de 400% no número de animais diagnosticados. Ao todo, o órgão fez 13.536 atendimentos no ano passado. Em pessoas, a Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro registrou, em 2016, 580 casos. Essas estatísticas se referem apenas aos casos notificados. Os pesquisadores apontam que o nível de subnotificação deve ser grande.

 
(0) comentário(s)
publicidade
14.Mar.2017 - 07:14
 
Governo deve mudar Bolsa Família para estimular mercado formal de trabalho
 

(Foto: Reprodução)
 

O governo deve anunciar, até o final do mês de março, mudanças na estrutura do programa social Bolsa Família. A informação foi dada pelo ministro do Desenvolvimento Social, Osmar Terra, nesta segunda-feira (13).Segundo o jornal O Globo, pelas novas regras, que ainda não foram finalizadas, deve ser mudado a forma como o benefício é pago, para quem entrar no mercado de trabalho. Se o beneficiário conseguir um emprego – que ganhe entre quatro e cinco salários mínimos – ele continuará a receber o benefício por dois anos. Caso percam o posto de trabalho depois deste período, voltam automaticamente a receber.De acordo com o ministro, as famílias temem formalizar o emprego, por temer perder o benefício, o que acaba aumentando o emprego pela via informal. O valor médio pago às 13,5 milhões de pessoas que são atendidas pelo programa hoje é de R$ 182. O benefício pode variar de acordo com o número de dependentes e renda da família. O Governo Federal deve também premiar os prefeitos pelas emancipação das famílias do Bolsa Família. Eles passam a ganhar um bônus em dinheiro do governo e um troféu das mãos do presidente Michel Temer.

 
(0) comentário(s)
publicidade
14.Mar.2017 - 07:05
 
Lula senta hoje (14) no banco dos réus da Lava Jato
 

(Foto: Reprodução)
 

São réus nesta ação, além do ex-presidente Lula, seu amigo, o pecuarista José Carlos Bumlai, o ex-senador Delcídio Amaral (ex-PT/MS), o banqueiro André Santos Esteves, o ex-assessor de Delcídio, Diogo Ferreira Rodriguez, o advogado Edson Siqueira Ribeiro Filho, e o filho de Bumlai, Maurício Barros Bumlai. Delcídio é um dos delatores da Lava Jato. Ele foi preso em flagrante novembro de 2015, por determinação do Supremo Tribunal Federal. Em troca da liberdade, o ex-líder do Governo no Senado assinou termo de colaboração premiada com a força-tarefa da Procuradoria-Geral da República. Lula, Delcídio e os outros são acusados de ‘agirem irregularmente para atrapalhar as investigações da Operação Lava Jato’. O interrogatório de Lula estava marcado para 17 de fevereiro. Após a morte da ex-primeira-dama Marisa Letícia, mulher do petista, ocorrida no dia 3 de fevereiro, o juiz adiou o depoimento do ex-presidente para 14 de março. A expectativa em torno do depoimento de Lula é excepcional. A audiência vai até provocar mudanças no trânsito no entorno do prédio da Justiça Federal em Brasília. Segundo a Assessoria de Imprensa da Justiça, desde o início da manhã, a W2 Norte (na extensão Pão de Açúcar – Justiça Federal – até a Harley Davidson) estará interditada para o tráfego de veículos. O outro depoimento de Lula como réu está marcado para 3 de maio, às 14h, desta vez frente a frente com o juiz federal Sérgio Moro, símbolo da Lava Jato. No processo que corre na 13.ª Vara Federal em Curitiba o petista é acusado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Esta será a primeira vez que o petista e Moro ficarão frente a frente na sala de audiência do 2.º andar do prédio da Justiça Federal na capital paranaense. Neste caso, a denúncia do Ministério Público Federal sustenta que Lula recebeu R$ 3,7 milhões em benefício próprio – de um valor de R$ 87 milhões de corrupção – da empreiteira OAS, entre 2006 e 2012. As acusações contra Lula são relativas ao suposto recebimento de vantagens ilícitas da empreiteira OAS por meio de um triplex no Guarujá, no litoral de São Paulo, e ao armazenamento de bens do acervo presidencial, mantido pela Granero de 2011 a 2016.

 
(0) comentário(s)
publicidade
13.Mar.2017 - 08:06
 
Repórter Secreto do Fantástico revela os perigos da terceirização dos serviços públicos em prefeituras do país
Redação 97NEWS
 
 

(Foto: Reprodução TV Globo)
 

Um escândalo de corrupção ocorrido na cidade de Foz do Iguaçu no Paraná ganhou uma forte repercussão a partir da veiculação, na noite deste domingo (12), do quadro Repórter Secreto do Fantástico. Na reportagem fica desvendo o esquema de corrupção que se iniciou com a formação de um caixa 2 para financiar a campanha do prefeito Reni Pereira (PSB). Diante disso, foi desencadeada, pela Polícia Federal, a “Operação Pecúlio”, que acabou levando para a prisão 12 vereadores e o próprio prefeito. O esquema utilizava laranjas e fraudou várias ações nas áreas de saúde, educação e infraestrutura. A base para as ações era a terceirização dos serviços, com esquemas que pretendiam, segundo investigações do Ministério Público Federal, levar cerca de R$ 4 bilhões dos cofres públicos. A reportagem acaba sendo emblemática, já que várias cidades do país podem estar sendo alvo de esquemas parecidos, os quais, defendem de forma intransigente, a terceirização dos serviços públicos, sob a égide do bom funcionamento da máquina pública. Vale a pena conferir a reportagem (Veja). 

 
 
(0) comentário(s)
publicidade
13.Mar.2017 - 06:42
 
No 1º dia de saque do FGTS, 3,3 milhões de pessoas receberam R$ 3,8 bilhões
G1
 
 

Fila na Caixa Econônica começou cedo na cidade do Vale do Aço (Foto: Patrícia Belo/G1)
 

Cerca de 3,3 milhões de brasileiros receberam os recursos do seu Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) de contas inativas nesta sexta-feira (10), de acordo com informações divulgadas pela Caixa Econômica neste sábado (11) pela manhã. Ao todo, o volume já entregue a população somou R$ 3,8 bilhões. Dentre esse grupo, 1,4 milhão efetuaram o saque do FGTS nas agências da Caixa e nos canais de autoatendimento do banco na sexta-feira, retirando R$ 1,8 bilhão. A Caixa disse que não consegue precisar ainda quanto desses saques foram enquadrados na medida que liberou o dinheiro das contas inativas e quanto se refere ao movimento regular de saques do fundo.

 
(0) comentário(s)
publicidade
12.Mar.2017 - 12:44
 
Menino de 4 anos morre após queda do 16º andar
 

Acidente ocorreu na madrugada de ontem (11), em Praia Grande, litoral paulista. Pai disse que criança estava sozinha antes de cair do 16º andar.
 

Minutos após a queda que resultou na morte de um menino de quatro anos no sábado (11), em Praia Grande, no litoral de São Paulo, houve gritaria e desespero, segundo uma vizinha. “Achei que tinha caído algo de 1.000 kg, e não uma criança. Ouvi muitos gritos, mas ele já estava no chão, deitadinho”, disse Cristina Cabral Batista. O barulho assustou os moradores. O menino Yuri Martins Arroio sofreu uma queda do 16º andar de um prédio. Em depoimento, o pai, que mora sozinho com o filho, afirmou que a criança estava desacompanhada no apartamento e que, quando chegou em casa, por volta das 3h, ele já teria caído. Não há informações sobre a hora que ele saiu de casa. A polícia investiga o caso. De acordo com o depoimento do pai, Wesley Ignoti Arroio, empresário, ele havia saído e quando voltou ao apartamento, uma cobertura, se deu conta de que o menino havia sumido.

 
(0) comentário(s)
publicidade
 
Rádio Alternativa FM 97,9
 
Últimos Eventos
 
 
Mais vídeos
 
publicidade
 
Comentários
 
Julieta Maria em:
Malhada de Pedras: Estado precário das estradas vicinais pode prejudicar o transporte dos alunos do meio rural
 
Lucas em:
Brumado: Secretária de Educação responde à APLB
 
Genilson Pereira em:
Brumado: Prefeito Eduardo Vasconcelos cria Lei que aumenta os gastos públicos; confira tabela
 
Milton ... em:
Presidente da APLB confirma que Brumado terá dez dias de paralisação em adesão à greve nacional
 
 
 
Categorias
 
97 News © 2010-2017. Todos os direitos reservados.
 [email protected]
Hospedagem e Desenvolvimento: HD Soluções