ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Motociclista fica ferido e perde sangue em colisão com veículo nas proximidades da Feira Livre

Mototaxista colide frontalmente com Van escolar no Bairro Urbis 2

Brumado: MP instaura Inquérito Civil Público para apurar possíveis irregularidades no Concurso Público e no REDA

Cirurgião geral na Clínica Master com Dr. Pedro Thiébaut

Moradores da Rua Odílio Meira Santos na Baraúnas no limite; 'é lama, ratos, poeira e abandono', protestam

Brumado: Dia `D´ da Campanha contra a Raiva acontecerá no sábado (02) de setembro

Deputado Prisco acusa SSP de grampear desembargadores do TJ-BA

Brumado: Baixe o aplicativo da Viação Catarino e facilite o seu transporte

Bahia: Estado tem 744 espécies de plantas consideradas em extinção; exploração é proibida

Brumado: Festa da Luz acontecerá dia 23 de setembro

Promoção Imperdível: Casa Da Tapioca em Sua Mesa

Vereador Glaudson Dias busca junto ao Executivo a instalação de semáforo, rotatória e lombofaixas na região da Praça Heráclito Cardoso

Crime na BA-262: Inquérito está em fase final e possível tentativa de homicídio deverá ser elucidada pela Polícia Civil

Legislativo brumadense participa de importante encontro de vereadores em Livramento

Brumado: Coletiva de imprensa irá tratar do bloqueio até o momento dos repasses da SUDESB aos clubes; ação no MP é cogitada

Condeúba: Gari cai e caminhão de coleta de lixo passa por cima das pernas

Brumadense é presa com drogas no terminal rodoviário da cidade de Caetité

Projeto de Lei de autoria do vereador Zé Ribeiro institui o Dia do Maçom em Brumado

Brumado: Operação conjunta da Polícia e Embasa desmonta esquema de ligações clandestinas na região da Fazenda Santa Inês

Polícia Civil identifica detento morto na noite desta segunda (21) em saída temporária do Dia dos Pais



BUSCA PELA CATEGORIA "Bahia"

‘Aqui todo mundo é parente’, alega prefeito baiano acusado de nepotismo

(Foto: Reprodução)

“É um município pequeno, de quase sete mil habitantes. Aqui todo mundo é parente de todo mundo”. Esta é a justificativa de Antônio Valete (PSD), prefeito de Jussari, um dos cinco municípios do Sul do estado investigados pelo MP por nepotismo. Ele nomeou seis parentes, mas exonerou três e manteve outros três. Entre eles, a esposa, que é secretária de Assistência Social e servidora efetiva do município há 30 anos. Valete afirma que ela tem qualificação técnica para o cargo, mas diz que vai obedecer à Justiça. “Infelizmente, é um crime ser mulher do prefeito”, reclama. Valete e outros quatro prefeitos do Sul baiano foram convocados pelo promotor de Justiça Inocêncio Carvalho para dar explicações sobre a nomeação de parentes. Também serão ouvidos os prefeitos de Itapé, Naeliton Rosa (PP), Barro Preto, Ana Paula (PMDB), Buerarema, Vinícius Filho (PSDB), e São José da Vitória, Jeová Nunes (PSL). Por telefone, o CORREIO procurou os prefeitos para falar sobre o caso, mas eles não foram localizados até o fechamento desta edição.



Estado é condenado a pagar R$ 160 milhões para 44 baianos por ação de 1991

(Foto: Divulgação)

A 7ª Vara da Fazenda Pública determinou que o Estado da Bahia indenize em R$ 160 milhões 44 baianos que foram aprovado em um concurso público em 1991, mas nunca foram chamados para exercer a profissão. Cada um receberá R$ 3,6 milhões do Estado, após a decisão da Justiça. O Estado poderá recorrer da decisão. A decisão de primeiro grau ainda prevê multa diária de 20% do valor, equivalente a R$ 32 milhões para o governador Rui Costa caso a determinação não seja cumprida. A Procuradoria-Geral do Estado (PGE) questionou a decisão da Vara, alegando que o caso em questão trata-se de efeitos financeiros retroativos, o que "não são admitidos pela jurisprudência". A ação corre na justiça desde 1991.



Bahia: Pai de santo é preso suspeito de mandar matar outro por disputa de clientes em Feira de Santana

Foto: Ed Santos/Site Acorda Cidade

Um pai de santo de 67 anos foi preso, nesta sexta-feira (21), suspeito de mandar matar outro pai de santo por disputa de clientes, na cidade de Feira de Santana, a cerca de 100 km de Salvador. De acordo com informações da Polícia Civil, além dele, quatro suspeitos de terem executado o crime também foram presos. A vítima foi morta no dia 14 de março deste ano. Segundo o delegado Gustavo Coutinho, titular da Delegacia de Homicídios (DH) de Feira de Santana, o pai de santo que foi morto era vizinho do mandante do crime, identificado como Thomaz Alves, e ambos ofereciam serviços espirituais em troca de dinheiro. Conforme o delegado, após perder clientes para o vizinho, Thomaz Alves decidiu mandar matar o homem. O delegado informou que o pai de santo pagou R$ 4 mil para dois homens matarem a vítima, que tinha 58 anos. A dupla, conforme o delegado, contratou outros dois suspeitos e, juntos, eles cometeram o crime. De acordo com o delegado, a vítima foi atacada a tiros na frente do filho e da ex-mulher, na porta da casa onde morava, no distrito de Tiguaruçu, zona rural de Feira de Santana. Os suspeitos atiraram no pai de santo e, em seguida, fugiram do local do crime. A vítima chegou a ser socorrida e levada para um hospital da região, mas não resistiu aos ferimentos. Segundo o delegado, em depoimento, os quatro suspeitos de terem matado a vítima confessaram o crime e apontaram o pai de santo Thomaz Alves como mandante do assassinato. Ele nega o crime. Conforme o delegado, os cinco suspeitos foram autuados por homicídio e serão encaminhados para o Presídio Regional de Feira de Santana, onde ficarão à disposição da Justiça.



Golpe: Mais um esquema de “pirâmide” quebra e provoca prejuízo em cidades do Sul e Sudoeste

(Foto: Reprodução)

As regiões do sul e sudoeste da Bahia tiveram suas economia seriamente prejudicadas em 2013 pelo Marketing Multinível, também conhecido como Marketing de Rede, com a Telexfree e a BBOM. Em 2016 uma nova modalidade apareceu na cidade, o D9 Clube, e várias pessoas investiram no projeto na expectativa de muito lucro a curto prazo. O problema é que desde o início do ano que a D9 Clube parou de pagar aos investidores, e até bloquearam as contas deles. Isso tem causado uma grande indignação, já que teve gente que investiu até R$ 300 mil no Marketing Multinível ligado ao futebol. Na rede social vários investidores estão atacando o “empresa”. Em Vitória da Conquista recebemos a informação que mais de 2 mil pessoas foram lesadas. Empresa prometia ganhos de 300% “apostando” em partidas de futebol.essoas declarando que não tem mais esperança de recuperar o investimento, pois o presidente da D9, Danilo Santana, não apresenta uma resposta sobre a situação e desapareceu. No site da empresa foi divulgado um comunicado sobre a situação..“Com tantos obstáculos a superar. Recebemos críticas que nos levam a uma nova direção. Um ano e meio de d9, um tempo de grande conquista – e muitas lições aprendidas. Criamos ajustes no sistema de pagamento, evitando mudanças no plano de compensação para não comprometer a principal característica de d9: respeito a você, afiliado.Os falsos líderes têm feito muito para desqualificar nossos negócios, seduzindo pessoas de boa fé com benefícios financeiros e mentirosos sobre informações que os beneficiariam, isso fez com que algumas pessoas fossem para outras empresas. Há inclusive aqueles que nos devem, milhões de dólares em saldos comprados, mas não pagam. Outro desafio foi o ataque de hackers – nós fomos alcançados, mas agora estamos preparados e seguros.” Com informações do Políticos do Sul da Bahia.



Feira de Santana: Cego é preso suspeito de matar mulher grávida a facadas

Foto: Acorda Cidade

Um homem cego de 33 anos foi preso suspeito de matar a mulher dele com uma facada no pescoço, durante uma briga, na manhã desta quinta-feira (20). O crime ocorreu dentro da residência do casal, na cidade de Feira de Santana. De acordo com informações da Polícia Civil, a vítima estava grávida de seis meses do suspeito e o bebê também morreu. Conforme o delegado Gustavo Coutinho, titular da Delegacia de Homicídios de Feira de Santana, após matar a mulher, o suspeito, identificado como Teodulo Ferreira dos Santos, tentou fugir da cidade com o outro filho da vítima. A criança tem 1 ano e é fruto de outro relacionamento. O delegado informou que o homem tentou embarcar em um ônibus para a cidade de Camaçari, na Rodoviária de Feira de Santana, mas foi impedido por pessoas que desconfiaram dele. A Polícia Militar foi acionada, esteve na casa onde o crime ocorreu e encontrou a mulher morta. Após o flagrante, o cego foi levado para a delegacia, onde foi ouvido e confessou o crime. Depois do depoimento, o homem foi encaminhado para a carceragem da unidade. Segundo o delegado Gustavo Coutinho, o suspeito será transferido para o Presídio de Feira de Santana. O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), para ser periciado. Conforme o delegado, o filho da mulher foi encaminhado para o Conselho Tutelar da cidade.



Governador Rui Costa cumpre agenda hoje (20) em Barreiras

(Foto: Divulgação)

Com uma extensa agenda de trabalho em Barreiras, no oeste baiano, nesta quinta-feira (20), o governador Rui Costa se reúne, a partir das 9h, com o comitê do Pacto pela Vida, em evento fechado, no bairro Morada Nobre, na Avenida Ahylon Macêdo nº 637, no Espaço Fortiori. Após a reunião, ao meio-dia, o governador atenderá a imprensa.  À tarde, às 14h, Rui participa da solenidade de inauguração do Centro Judiciário de Solução Consensual de Conflitos (CEJUSC), no Fórum Tarcílio Vieira de Melo, na Rua Anibal Alves Barbosa, no centro da cidade. Em seguida, às 14h30, o governador inaugura o Centro Integrado de Comunicações (Cicom), com sede na Rua Ruy Barbosa. Às 15h, entrega o Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep), do Tipo I, local onde receberá a imprensa.



Bahia bate Atlético-MG fora de casa por 2 a 0 e se distancia do Z-4

Foto: Thomás Santos

O Bahia conseguiu arrancar um novo triunfo fora de casa ao vencer o Atlético Mineiro por 2 a 0, nesta quarta-feira (19), na Arena Independência, em Belo Horizonte (MG). Com o placar, o Tricolor subiu para a 12ª posição na tabela do Campeonato Brasileiro, com 19 pontos na bagagem, quatro a mais do que o São Paulo, que segue na porta do Z-4, na 17ª colocação. Primeiro tempo – O Tricolor deu o toque inicial da partida. Aos 2 minutos de jogo, depois de uma boa troca de passes, os visitantes conseguiram chegar bem no campo adversário. Após cobrança de falta, Juninho lançou a bola na área, mas o goleirão Victor encaixou. Aos 9, surgiu a primeira chance de perigo do Galo. O volante Rafael Carioca arriscou da intermediária, mas Jean caiu para fazer a defesa sem dar troco. Passados dois minutos, pênalti para o Bahia. Após escanteio cobrado, o meia Zé Rafael recebeu a bola e foi derrubado por Fred. Juninho cobrou bem e deixou o seu: 1 a 0 para o Tricolor na Arena Independência. Aos 18, a equipe mineira teve a chance de deixar tudo igual, mas o meia Marlone, sozinho, errou na devolução de uma tabela com Cazares e perdeu a posse de bola. Aos 29, grande oportunidade para o Atlético Mineiro. O lateral Fábio Santos cruzou para a área e Jean espalmou. A bola sobrou nos pés de Fred, que bateu forte. O zagueiro Lucas Fonseca se jogou na frente da bola e livrou o Bahia do empate. Aos 38, nova chance para o Galo. Fred foi lançado na área colado com o goleiro tricolor. O atacante finalizou de cabeça à queima-roupa, mas Jean fez grande defesa. Após os três minutos de acréscimos, o árbitro Marcelo Aparecido encerrou a primeira etapa.



Ex-atacante do Corinthians se envolve em acidente com vítima fatal na Bahia

BMW de Liedson ficou bastante danificado após o acidente Foto: Reprodução

Aposentado desde 2013, o atacante Liedson até hoje deixa saudades em torcedores de Corinthians e Flamengo. Ele, que vive atualmente na Bahia, voltou a ser notícia nesta terça-feira, quando se envolveu em um acidente automotivo que acarretou na morte de uma pessoa. De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual da Bahia, dois carros colidiram de frente na rodovia BA-887, que liga Valença à Praia de Guaibim, a cerca de 120 quilômetros da capital Salvador.Liedson e a esposa, que estavam em uma BMW, tiveram ferimentos leves e deixaram o carro andando, assim como um dos ocupantes do outro carro, um Ford Ka. A motorista do veículo, porém, não teve a mesma sorte. Viviane Magalhães Andrade, de 34 anos, chegou a ser encaminhada a um pronto socorro, mas não resistiu.

Motorista do Ford Ka não resistiu aos ferimentos causados pelo forte impacto Foto: Reprodução


Bahia tem o etanol mais caro do país e consumidores sentem na economia

Foto: Conteúdo 97News

A Bahia foi o Estado que registrou maior alta mensal no preço do etanol (0,07%), e foi o único Estado a ter aumento no etanol hidratado se comparado a igual período de junho. Nos postos brasileiros, os preços do etanol hidratado caíram em 14 Estados brasileiros e subiram em outros 11 e no Distrito Federal na semana passada, segundo dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) divulgados nesta segunda-feira (17). A ANP continua sem divulgar os preços nos postos do Amapá. O preço da Bahia foi o que obteve maior alta sem considerar Roraima e Amapá, onde não houve cotação em igual semana do mês passado para efeito de comparação. Na média brasileira, o etanol ficou estável na semana e acumula queda de 3,62% no período de um mês. Em São Paulo, principal Estado produtor e consumidor, a cotação do hidratado caiu 0,41% na semana, para R$ 2,196 e no período de um mês, acumula queda de 4,36%. Na semana, o maior recuo das cotações foi registrado em Alagoas (2,90%), enquanto a maior alta ocorreu na Bahia (3,48%). A maior queda mensal, de 5,99%, foi em Mato Grosso, apesar da alta de 0,09% na semana naquele Estado. No Brasil, o preço mínimo registrado na semana para o etanol em um posto foi de R$ 1,699 o litro, em São Paulo, e o máximo foi de R$ 4,157 o litro, no Rio Grande do Sul. Na média, o menor preço foi de R$ 2,15 o litro, em Mato Grosso, e o maior preço médio foi verificado em Roraima, de R$ 3,675 o litro.



Rui pede que povo fique atento aos deputados favoráveis à reforma da Previdência

(Foto: Aparecido Silva)

Em discurso na cidade de Santaluz, onde comemora a viagem de número 300 ao interior da Bahia, o governador Rui Costa (PT) pediu atenção do público para que observem quem vai votar a favor da reforma da Previdência. "Quero pedir a atenção de vocês, para a gente ficar de olho e ouvidos abertos em quem são os políticos da Bahia que estão apoiando uma reforma que vai prejudicar aos nordestinos e ao povo baiano, que é a da Previdência", pediu. Acompanhado de políticos aliados de diversos partidos, o governador foi incisivo em seu apelo: "Vamos ficar de olho, porque ano que vem tem eleição".



Baiana Ana Marcela é bronze no mundial de maratona aquática

(Foto: Divulgação)

A nadadora baiana Ana Marcela Cunha conquistou um bronze neste domingo (16), em Balaton, na Hungria, na prova de 10km, a mais importante das águas abertas, ao terminar empatada com a italiana Ariana Bridi. Foram mais de 15 minutos de espera até a oficialização do resultado. O ouro ficou com a francesa Aurelie Muller (2h00m13s70) e a prata com equatoriana Samantha Arevolo. Ana bateu no pórtico de chegada exatamente ao mesmo tempo que a italiana Ariana Bridi, com a marca de 2h00m17s20. Ela ainda disputará na Hungria as provas do 5km, 25km e por equipes, mas ela nunca escondeu que seu principal objetivo era a distância de 10km, que é a distância disputada na Olimpíada.



Suspeito de esfaquear a esposa foge pela BR-116 e morre atingido por carreta

Domício da Silva Andrade pilotava uma motocicleta de cor amarela, quando, segundo levantamento feito no local pela Polícia Rodoviária Federal invadiu a pista contrária e bateu com uma carreta-baú, ten

Um homem morreu depois de colidir a motocicleta que conduzia contra uma carreta, na noite deste sábado (15/7), no KM 631 da BR-116, trecho do Entroncamento de Jaguaquara, por volta das 21h. Domício da Silva Andrade pilotava uma motocicleta de cor amarela, com placa OLG-7293, de Itiruçu. Segundo levantamento feito no local pela Polícia Rodoviária Federal invadiu a pista contrária e bateu com uma carreta-baú, que seguia de Recife (PE) para Curitiba (PR) transportando um carregamento de PVC. O condutor da carreta de placa MKQ-4658 de Navegantes (SC), disse à polícia que tentou desviar ao perceber a moto invadindo a contramão, mas que a motocicleta colidiu no pára-choque e provocou a morte do piloto, que teve o corpo arremessado a 50 metros e ficou praticamente dilacerado com a violência do choque. De acordo com a Polícia Militar de Itiruçu , Domício, ex-funcionário da Cesta do Povo, é suspeito de ter esfaqueado a sua companheira, Isabel Anjos Reis, de 43 anos, nas proximidades do Fórum da cidade, momentos antes do acidente na BR-116. A mulher foi encontrada com perfurações de arma branca e socorrida ao Hospital Geral Prado Valadares – HGPV, em Jequié, onde permanece internada, com ferimentos graves. A polícia acredita que o homem cometeu suicídio ao se jogar em frente de carreta. Uma equipe do Departamento de Polícia Técnica de Jequié, com acompanhamento do delegado Chardison Castro de Oliveira esteve no local para realização dos trabalhos periciais e encaminhamento do corpo ao Instituto Médico Legal. Não houve congestionamento na rodovia. // Marcos Frahm.



Dançarina sobrevive a segunda tentativa de homicídio. Ela sofreu atentado em 2014

Milena é ex-dançarina e atualmente trabalha como vendedora de CDs, no centro de Simões Filho. Dois homens sobre moto deflagraram tiros contra ela (Fotos: Reprodução)

Milena de Jesus Santos, 30 anos, sofreu uma tentativa de homicídio na porta da casa dela, na noite desta sexta-feira (14), em Simões Filho na Região Metropolitana de Salvador. Segundo a polícia, Milena foi atingida com três disparos de arma de fogo, no tórax, perna e braço. De acordo com informações da Polícia Militar, o crime ocorreu por volta das 19h54, na Rua da Fontinha, bairro Cristo Rei. Milena é ex-dançarina e atualmente trabalha como vendedora de CDs, no centro de Simões Filho. Ainda de acordo com informações da polícia, dois homens a bordo de uma motocicleta se aproximaram e efetuaram os disparos contra Milena.



O caldo engrossou: Justiça analisa que Geddel pode ser condenado a mais de 80 anos de prisão

(Foto: Reprodução)

Embora tenha concedido prisão domiciliar a Geddel Vieira Lima (PMDB-BA), o desembargador Ney Bello não descarta uma pena mais severa ao ex-ministro da Secretaria de Governo. O magistrado considera a possibilidade de Geddel ter, de fato, se envolvido nos crimes denunciados pelo Ministério Público Federal (MPF). "Acaso verdadeiro o que se diz no decreto prisional – que Geddel Vieira Lima se apossou de mais de R$ 20 milhões por sua intermediação para a liberação de recursos da Caixa para J&F, Mafrig, Alpargatas, Seara e Bertin – será o caso de sanção criminal que pode chegar a mais de 80 anos de cárcere", adiantou Bello na decisão, segundo informações do Radar Online, da Veja. Mas, por ora, o desembargador decidiu que a investigação não apontou motivos suficientes para justificar a prisão preventiva, determinada pelo juiz Vallisney Oliveira na última semana. Geddel vai usar tornozeleira eletrônica e está proibido de manter contato com outros investigados 



Ministério Público Federal pede nova prisão de Geddel

(Foto: Reprodução)

Um dia após o Tribunal Regional Federal da Primeira Região (TRF-1) autorizar a saída de Geddel Vieira Lima da Papuda, o Ministério Púbico Federal pede nova prisão preventiva contra o ex-ministro de Michel Temer. Para os procuradores Anselmo Lopes e Sara Moreira Leite, novos elementos colhidos na investigação mostram que Geddel cometeu os crimes de exploração de prestígio e tentou embaraçar às investigações. Os procuradores se baseiam nos depoimento do corretor Lúcio Bolonha Funaro e de sua esposa, Raquel Pitta. Os dois detalharam os contatos feitos pelo ex-ministro. Segundo o MPF, em depoimento, Funaro afirmou que Geddel "alegou exercer influência criminosa sobre o Poder Judiciário da União". O corretor narrou à PF que, após a realização de sua audiência de custódia, Geddel mandou mensagem via "WhatsApp" reclamando da troca de advogado de Funaro e disse que, com a entrada da nova defensora, tinha "ficado ruim para o juiz". No entendimento do MPF, a revelação de Funaro mostra que Geddel tentava monitorar o ânimo do corretor em fazer possível colaboração premiada e também alegava, perante ele e sua família, exercer (direta ou indiretamente) influência sobre decisões que interessariam à defesa do corretor, nos processos relacionados à Operação Sépsis, na qual este último é réu. "Observa-se, assim, que Geddel, ao protestar contra a troca do patrono de Funaro, insinua ter a capacidade de influenciar decisões do Poder Judiciário, agindo como verdadeiro vendedor de 'fumaça', indicando, inclusive, que teria, com a troca de advogados, 'ficado ruim para o Juiz", afirma o MPF. Ainda de acordo com o MPF, o "Juiz" citado por Geddel "deve ser entendido como magistrado, ou seja, membro do Poder Judiciário." "Assim, não se sabe ao certo, nesse possível contexto de tráfico de influência aplicado ao Poder Judiciário (no caso, possível conduta penal de exploração de prestígio), a qual magistrado Geddel Vieira Lima invocava exercer influência: se a magistrado da 10ª Vara Federal, se a magistrado que compõe a Turma Julgadora de processos das Operações Sépsis e Cui Bono no Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), ou, ainda se a magistrados de Cortes Superiores", completam os procuradores.



Zé Raimundo: 'A defesa de Lula é a defesa do estado de direito'

(Foto: Reprodução)

Indignação e revolta são os sentimentos expressados pelo deputado estadual Zé Raimundo diante da  sentença do Juiz Sérgio Moro, condenando o ex-presidente Lula. "Não só temos a convicção da inocência do Lula como também a certeza de que ele será absolvido na instância superior, corrigindo essa decisão tendenciosa, politicamente, e frágil, processualmente, de acordo com ordenamento jurídico pátrio, que é cristalino em não admitir condenação sem provas", reagiu. Zé Raimundo lembrou que foram Lula, Dilma e o PT que fortaleceram os órgãos e a legislação para combater a corrupção, inclusive a Lei de delação, que na sua opinião vem sendo usada de forma distorcida e premeditadamente  contra as lideranças do PT. "Grande parte da elite, da burocracia incrustada no judiciário, e da mídia,  está a serviço dos poderosos e contra o modelo de inclusão social e de democracia efetiva que incorpore o povo nas decisões estratégicas de interesse nacional", observou o deputado. Segundo Zé Raimundo, a tentativa de condenar o Lula "faz parte do retrocesso político que começou com o golpe do impeachment de Dilma e continua com as reformas anti-populares da previdência e trabalhista, patrocinadas pelo governo golpista do PMDB/DEM/PSDB/PPS e outros. Nesse momento de profunda crise econômica e política os grupos conservadores querem jogar nas costas das classes médias baixas, assalariadas e pobres mais sofrimentos e penúrias. A defesa de Lula é a defesa do Estado Democrático de Direito e de uma sociedade com mais oportunidade e igualdade para todos", defende.

 



Rui manifesta solidariedade a Lula: “perseguição política e condenação sem prova”

(Foto: Daniel Simurro | 97NEWS)

O governador Rui Costa expressou, na tarde desta quarta-feira (12), sua solidariedade ao ex-presidente Lula, ao tomar conhecimento da sentença do juiz federal Sergio Moro, que o condenou a 9 anos e seis meses e o proibiu de exercer cargo ou função pública nos próximos 19 anos, dentre outras medidas. “Lamento a decisão tomada pelo juiz Sérgio Moro, foi uma condenação sem prova. No contexto em que foi proferida, me parece muito mais uma perseguição política que uma decisão baseada em fundamentos técnicos. É mais uma tentativa de impedir a volta de Lula à Presidência, um clamor popular que incomoda aqueles que estão usufruindo das benesses do poder”, afirmou Rui. Na avaliação de Rui, a “decisão foi parcial e desrespeitosa contra um homem cuja história está ligada à luta dos trabalhadores, com uma trajetória política que ganhou destaque em nível mundial. A inclusão social e a sua trajetória na área pública são reconhecidas internacionalmente por instituições acadêmicas, políticas e em defesa dos direitos humanos graças à sua atuação combativa durante os oitos anos à frente da Presidência da República”, afirma. O governador lembra, ainda, que “ao longo dos oito anos na Presidência, Lula se consolidou como um fenômeno político em razão das políticas públicas implementadas em seu governo, promovendo maior redistribuição de renda e inclusão social, através de programas como o Bolsa Família, aumento dos empregos formais, elevação do salário mínimo e expansão do crédito. Além disso, avançou na área econômica, duplicando o crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) e ampliando as opções de educação superior para as camadas mais pobres da população”.



Geddel se livra de presídio e cumprirá prisão domiciliar

(Foto: Reprodução)

Preso desde 3 de julho, o ex-ministro Geddel Vieira Lima (Secretaria de Governo) teve pena de prisão preventiva alternada para a prisão domiciliar nesta quarta-feira, 12. A mudança no regime foi determinado pelo desembargador Ney Bello, do Tribunal Regional Federal de Brasília. Com a decisão, o ex-ministro deve deixar o presídio da Papuda, na capital federal, ainda nesta quinta-feira, 13. Na decisão, o magistrado atacou a tese de que Geddel deveria permanecer preso durante o julgamento da ação. “Ofende a língua portuguesa decretar prisão “preventiva” por atos de 2012 a 2015″, disse. “O fato do processo penal não poder se prestar à ineficácia e à morosidade não autoriza a Justiça a trabalhar por ficção”, diz a sentença. O mérito da ação, no entanto, ainda será julgado pelo desembargador. Geddel foi preso em desdobramento da Operação Cui Bono, que apura práticas criminosas na liberação de créditos e investimentos por parte de duas vice-presidências da Caixa Econômica Federal. 



"Sou macumbeiro mesmo, não tenho vergonha não. Quem é você para me mandar embora do Bahia?", dispara volante Feijão

(Foto: FolhaPress)

Na mitologia do candomblé, Ogum, orixá do volante Feijão, 23, cria da base do Bahia, é um arquétipo do guerreiro impetuoso, que não desiste das batalhas. O atleta diz gostar das definições bélicas do seu orixá, mas nega fazer qualquer tipo de ebó (oferenda) para fins esportivos. "Só faço as coisas para me sentir bem". O candomblé é herança da família de Feijão. Foi ensinado pela mãe e antes pela avó no terreiro que ele frequenta, de Pai Ricardo, que há quase 30 anos comanda um espaço em Cajazeiras 5 (região periférica de Salvador). Adepto da religião desde a infância, o jogador foi chamado de "macumbeiro", "carniça" e "miséria" por um internauta, que ainda exigiu a saída dele do clube. Marcando o seguidor para direcionar a mensagem, Feijão rebateu. "Sou macumbeiro mesmo, não tenho vergonha não. Quem é você para me mandar embora do Bahia?"
 
 

O estopim para as ofensas foi uma foto publicada em sua conta no Instagram em que fazia referência ao orixá. O volante estuda se irá adotar medidas judiciais contra a pessoa que o hostilizou. Ataques a práticas e cultos religiosos é crime pelo Código Penal (artigo 208), com pena que varia de um mês a um ano de detenção e multa. O advogado criminalista Milton Jordão enxerga nos ataques a tipificação também de injúria racial. "No artigo terceiro do artigo 140 [sobre injúria racial] há a menção de ataques à raça, cor, etnia, religião ou origem", diz. "Muito triste isso acontecer justamente aqui na Bahia, um lugar onde a imigração africana deixou marcas tão profundas em nossa cultura", lamentou Pai Ricardo em entrevista à Folha de S. Paulo. Com passagens por empréstimo por Flamengo e Atlético-GO, Feijão diz que, desde os tempos da base, conviveu com uma maioria de jogadores evangélicos. Ainda assim, não se lembra de ter sofrido atos de intolerância por parte de colegas ou mesmo de adversários em campo. Ele diz que participa das rezas e citações bíblicas nas rodas de oração no vestiário, antes dos jogos. "Não escondo que sou do candomblé para ninguém. Mas rezo junto com eles, falo da Bíblia e faço parte da roda. Comigo não tem essa não", afirma Feijão. Pai Ricardo endossa: "A Igreja Católica e, hoje mais fortemente a Evangélica, diz que nosso Exu [orixá] é uma caracterização do demônio. Não trabalhamos com o maniqueísmo e nem com essa figura diabólica. Ficamos com uma pecha de religião satânica de forma distorcida." O antropólogo Júlio Braga, professor da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS), enxerga uma relação direta no crescimento das religiões neopentecostais com o aumento da intolerância. "O candomblé ficou muito marcado, principalmente no futebol, como uma religião que faz trabalhos para prejudicar os outros. Mas fazemos nossos ebós para abrir nossos próprios caminhos espirituais e receber as melhores energias. Nunca contra alguém", afirma Pai Ricardo. Quando o Bahia disputou a final do Brasileiro de 1988 -na qual sagrou-se campeão- uma figura que marcou a decisão foi a do torcedor Lourinho. Ele usava alfinetes para espetar bonecos com o nome de jogadores do Internacional, rival da disputa. O goleiro do Internacional na ocasião, Taffarel, que depois seria campeão mundial em 1994 com a seleção brasileira, foi um dos mais visados pelo torcedor símbolo do clube tricolor baiano. Autor de frases que entraram para o folclore do futebol, o técnico Neném Prancha (1906-1976) encarava os efeitos da religião de matriz africana de forma jocosa. "Se candomblé ganhasse jogo, Campeonato Baiano sempre terminaria empatado". A autoria da frase é alvo de disputa e atribuída também ao ex-técnico da seleção João Saldanha (1917-1990). Feijão é reserva na equipe do Bahia -16º colocado no Brasileiro- comandada por Jorginho. Evangélico, o treinador integrava um grupo de orações, juntamente com Kaká e Lúcio, na equipe da seleção na Copa de 2010. Na época, ele era auxiliar-técnico de Dunga.

CONTINUE LENDO


Ex-professor da UNEB é acionado por assediar alunas

(Imagem: Reprodução)

O Ministério Público estadual ajuizou uma ação civil pública por ato de improbidade administrativa cumulada com pedido de danos morais e de indisponibilidade de bens, em caráter liminar, contra Alex Sandro Macedo Almeida, ex-professor da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), que lecionava no campus 18, em Eunápolis. Ele é acusado de assediar sexualmente alunas e professoras e de praticar atos atentatórios contra a integridade moral de estudantes e professores, ferindo, assim, os princípios da legalidade e da moralidade. Na ação, o promotor de Justiça Dinalmari Mendonça Messias pede à Justiça que o ex-professor seja condenado a ressarcir o dano moral causado à Universidade, no valor de R$ 150 mil, e tenha seus direitos políticos suspensos de três a cinco anos, com base no art. 12, III, da Lei 8.429/91, que regula as sanções aplicáveis aos agentes públicos. O promotor de Justiça registra que o comportamento do ex-professor Alex Sandro, exonerado após processo disciplinar da Uneb,  é incompatível com a dignidade do cargo. “As condutas do acionado são gravíssimas. Ainda mais porque o mesmo, na condição de professor, é um formador de opinião, que estava dando péssimos exemplos para seus alunos, assediando alunas e professoras, violando princípios caros que devem seguir todos os servidores públicos, como os da legalidade e moralidade”, afirmou. A coordenadora do Centro de Apoio Operacional dos Direitos Humanos (Caodh), promotora de Justiça Márcia Teixeira, ressaltou a importância da aplicação da Lei de improbidade administrativa neste caso.